A Visão de Isaías: Lições sobre o Impacto da Glória de Deus

A visão de Isaías no capítulo 6 do seu livro não só revela a glória e a majestade de Deus, mas resulta em transformações poderosas na vida do profeta. Podemos ver através do relato bíblico como Isaías foi impactado pela visão. Antes de explorar os versículos de Isaías 6, vamos ver um resumo da história bíblica.

Resumo da visão de Isaías no capítulo 6

O capítulo 6 do livro de Isaías descreve uma visão que o profeta teve do Senhor Deus sentado em um trono alto e exaltado, com seu manto enchendo o templo. Serafins estavam acima dele, cada um com seis asas, e eles clamavam um ao outro, dizendo: “Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória”.

A presença divina era tão poderosa que as portas e os umbrais do templo tremeram e ficaram cheios de fumaça. Diante de tal manifestação, Isaías reconheceu a sua própria pecaminosidade e a do seu povo, clamando: “Ai de mim, estou perdido! Pois sou um homem de lábios impuros e vivo no meio de um povo de lábios impuros”.

Um dos serafins voou até ele com uma brasa viva e tocou os seus lábios com ela, purificando-o e preparando-o para a obra que Deus lhe daria. O Senhor, então, perguntou: “Quem enviarei? Quem irá por nós?” E Isaías respondeu: “Eis-me aqui. Envia-me a mim!”.

Essa visão de Isaías é considerada uma das mais impressionantes e significativas da Bíblia, pois revela a natureza santa e majestosa de Deus e a necessidade de purificação do ser humano diante dele. Também aponta para a missão profética que o Senhor deu a Isaías, que incluía denunciar os pecados do povo e anunciar a vinda do Messias.

Mas, apesar da mensagem profética, o próprio profeta teve sua vida impactada com a incrível visão. Veja:

A visão de Isaías o transformou em um homem:

1. Privilegiado – “Eu vi o Senhor” (V.1)

“1 NO ano em que morreu o rei Uzias, eu vi também ao Senhor assentado sobre um alto e sublime trono; e o seu séquito enchia o templo. 2 Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam. 3 E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o SENHOR dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória. 4 E os umbrais das portas se moveram à voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça.”

2. Convicto e Consciente – “Ai de mim” (V.5)

“5 Então disse eu: Ai de mim! Pois estou perdido; porque sou um homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios; os meus olhos viram o Rei, o SENHOR dos Exércitos.”

3. Purificado e Perdoado – “tua iniquidade foi tirada” (V.7)

“7 E com a brasa tocou a minha boca, e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniquidade foi tirada, e expiado o teu pecado.”

4. Atencioso – “Ouvi a voz do Senhor” (V.8a)

“8 Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós?”

5. Solícito e obediente – “Envia-me a mim” (V.8b)

“8 …Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.”

Lições sobre a visão de Isaías

O capítulo 6 de Isaías relata a visão que o profeta teve do Senhor sentado em um trono, rodeado de serafins. Há algumas lições que podemos aprender dessa visão e do impacto da Glória de Deus:

1. Deus é santo e majestoso

A visão de Isaías descreve o Senhor como “santo, santo, santo”, o que indica a sua santidade e pureza absolutas. A sua majestade é representada pelo fato de que ele está sentado em um trono, rodeado por anjos que clamam sua glória.

2. A natureza pecaminosa do homem

Isaías reconheceu a sua própria pecaminosidade na presença de Deus, dizendo “ai de mim! Estou perdido, pois sou um homem de lábios impuros”. Essa é uma lição importante sobre a nossa natureza humana: todos nós somos pecadores e falhos, e precisamos da graça de Deus para sermos salvos.

3. Deus oferece perdão e purificação

Depois de reconhecer a sua pecaminosidade, Isaías recebeu a purificação dos seus pecados. Um serafim tocou os seus lábios com uma brasa, simbolizando a purificação e a expiação dos seus pecados. Essa é uma lição sobre a graça e a misericórdia de Deus, que oferece perdão e purificação aos que se arrependem.

4. A chamada para a missão

Depois de ter sido purificado, Deus perguntou: “Quem enviarei? Quem irá por nós?”. Isaías respondeu: “Eis-me aqui, envia-me a mim”. Essa é uma lição sobre a chamada que Deus faz aos seus servos para realizar a sua missão. Deus deseja usar as nossas vidas para proclamar a sua mensagem ao mundo, e devemos estar dispostos a responder ao seu chamado.

Essas são algumas das lições que podemos extrair da visão de Isaías no capítulo 6. Elas nos lembram da santidade de Deus, da nossa pecaminosidade, da graça e misericórdia de Deus, e da nossa chamada para a missão.

Quer mais estudos e sermões sobre Isaías? Então veja: Isaías 6:1-8 para pregar sobre Avivamento

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo