Escola Bíblica Dominical: 5 dicas para melhorar suas aulas

É muito comum, os professores de Escola Bíblica Dominical, não terem um preparo pedagógico para ministrar suas aulas pelas diversas igrejas espalhadas pelo mundo inteiro. Por esse motivo surgem muitas dúvidas por parte dos mesmos sobre como despertar o interesse dos alunos e tornar suas aulas mais dinâmicas e participativas.

O fato de não ter uma formação acadêmica como professor ou em Teologia, não impede ninguém de ser professor de Escola Bíblica Dominical. Basta ter amor à palavra de Deus e vontade de aprender cada vez mais sobre a mesma.

Pensando nessas dificuldades que muitos professores enfrentam, escrevi esse texto, contendo algumas dicas muito importantes para que você prepare e torne suas aulas mais produtivas. E, principalmente que atinjam o objetivo principal que é ensinar a palavra de Deus.

Então, seguem abaixo as dicas que prometi no parágrafo acima, vamos lá?

1. Dê voz aos seus alunos

Vale lembrar que algumas igrejas dão autonomia para o professor de Escola Bíblica Dominical, escolher o tema da aula. Outras já são diferentes, preferem usar temas que sejam estudados em todas as turmas.

Não importa de que forma sua igreja atue, essa dica vai ajudar bastante a integrar mais seus alunos às suas aulas. É a seguinte: Faça uma pesquisa em sua turma. Essa pesquisa deve ter preguntas que te auxiliem a identificar o nível espiritual dos seus alunos e também abre um espaço para que eles sugiram temas que gostariam de abordar.

Fazer uma pesquisa com sua classe, vai ajudar o professor a ter uma visão mais ampla sobre que tipo de linguagem usar em sua classe, que tipo de recursos seriam mais adequados para sua turma, que tipo de abordagem usar, entre outros fatores.

Portanto dar voz aos alunos, pode ser a chave para tornar aquela aula que está monótona e sem interesse, em algo dinâmico e produtivo.

2. Seja dinâmico em suas aulas

Ser dinâmico significa variar as formas de ministrar as aulas. É muito mais prático usar sempre o mesmo método ou sistema de ministrar as aulas, não vai exigir nenhum esforço criativo da sua parte. Porém você corre o risco de ter aulas chatas e monótonas.

Lembre-se que variar o método de ensino torna a aula muito mais interessante. Os alunos vão querer estar naquela classe.

Hoje em dia temos uma gama enorme de formas de passar o conteúdo, seja fazendo uso da tecnologia, seja com dinâmicas em grupo e outras variações pequenas dentro das aulas tradicionais que fazem muita diferença no resultado final das aulas.

Então, seja um professor esforçado e pense em como variar suas aulas, sem mudar o foco do tema ou do conteúdo a ser transmitido aos alunos.

3. Use a curiosidade a seu favor

Saiba que a curiosidade é algo muito forte no ser humano. Você já notou que quando está assistindo uma série, por exemplo, o autor sempre procura te deixar curioso para saber o que vai acontecer no próximo capítulo? É claro que aqui não estamos incentivando que você assista novelas ou séries, é apenas um exemplo.

Pois então, essa é uma técnica muito poderosa. Sempre que for estudar algum conteúdo, tente colocar questões curiosas, que sejam polêmicas. Lembre-se, sempre no final aula, deixe aquele gostinho de “quero mais”.

Então, seja criativo e use a curiosidade, essa arma poderosa a seu favor e terá alunos ávidos pela próxima aula sobre a palavra de Deus.

4. Abuse das perguntas

O que temos em mente é que o professor geralmente faz as perguntas, porém, saiba que as perguntas motivam muito mais que as respostas.

Perguntas bem formuladas despertam a nossa curiosidade e provocam a nossa vontade de saber.

Devido a esse fato, sempre busque levantar algumas questões curiosas e polêmicas, isso deixará as aulas mais dinâmicas.

Lembre-se que dar as respostas prontas e acabadas desmotivando, os alunos tendem a ficar desmotivados com aquilo que é óbvio. Portanto, elabore perguntas curiosas e que as respostas não sejam tão óbvias e fáceis de encontrar.

Complique para depois descomplicar a aula e coroar a atenção que lhe deram com uma resposta repleta de fundamentos bíblicos e que eles irão aprender.

Claro que você, como professor precisa estar preparado e colocar apenas perguntas que consiga explicar de forma que os alunos consigam compreender.

5. Seja aplicado em sua preparação

Mas há algo muito importante que você não pode se esquecer nunca, nenhuma técnica ou sistema de ensino dará certo se o professor não estiver preparado. Se não se preparar, então não espere bons resultados.

É necessário além de uma preparação espiritual, que consiste em ter uma vida diária de contato com Deus, que o professor de Escola Bíblica Dominical se prepare para transmitir o conteúdo. Por exemplo, em como ser compreendido pelos alunos, em como irá se portar em classe, em como comunicar o conteúdo, entre outros fatores.

Claro que isso não é uma tarefa fácil para ninguém. Pense nos detalhes, estude, planeje, tire dúvidas suas antes da aula, faça todo o possível para que sua ministração seja a melhor. Pois é um trabalho que você está realizando para Deus e este te recompensará.

Faça também uma preparação espiritual, ou seja, peça ao Espírito Santo te inspire durante a aula, que você seja um instrumento através do qual Ele falará. Não queira o brilho, o sucesso para você, mas, que seu objetivo seja dar toda honra e glória para Ele.

Botão Voltar ao topo