Espírito Santo de Deus: O que é, sua função, personalidade e tudo o que a Bíblia diz sobre Ele

Estudos sobre o Espírito Santo de Deus

O Espírito Santo é a Terceira Pessoa da Trindade e semelhante ao Pai e ao Filho. Ele é, portanto, Deus.

“E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre” (João 14:16).

QUEM É O ESPÍRITO SANTO DE DEUS?

Embora seja muito discutido, ainda existem cristãos que não sabem quem é de fato, o Espírito Santo. E não podemos negar da confusão religiosa que existe acerca de sua pessoa.

Essa pessoa tão divina tem sido mal interpretada e muitos desconhecem sua grandeza como também, tudo o que Ele é.

O Espírito Santo é a terceira pessoa da trindade. Não é maior nem menor que o Pai e o Filho, mas de igualdade em sua divindade. Ele é, portanto divino como os demais componentes da santa trindade.

Quanto mais conhecermos o Espírito Santo, com temor de Deus e santidade, mais íntimos nos tornaremos Dele. E assim melhor compreenderemos a obra realizada por Ele.

A DOUTRINA DO ESPÍRITO SANTO

Ao tratarmos da pessoa do Espírito Santo, encontramos a palavra paracletologia. E, antes de entrar afundo nesse estudo, vamos entender o que significa isso.

PARACLETOLOGIA OU PNEUMATOLOGIA

O QUE SIGNIFICA PARACLETOLOGIA?

Em primeiro lugar, precisamos reconhecer que jamais saberemos tudo a respeito dEle. Pois, o Espírito Santo é um ser Divino que não se limita ao conhecimento humano.

Mas, o que está ao nosso alcance e nos foi permitido por Deus conhecer vamos nos aprofundar!

A Definição do termo Paracletologia

Paracletologia é formada por duas palavras gregas:

Paracletos que significa ajudador, consolador, advogado. Enquanto Logia significa estudo, doutrina.

A paracletologia, portanto, estuda tudo o que se refere ao Espírito Santo.

O estudo é importante para conhecermos a doutrina, mas, o mais importante é ter um relacionamento pessoal com Ele.

Porque o Espírito Santo está de igualdade com o Pai e o Filho e possui os mesmos atributos divinos. Veremos então, esses atributos a seguir.

O ESPÍRITO SANTO NA BÍBLIA

O ESPÍRITO SANTO NO ANTIGO E NOVO TESTAMENTO

O Espírito Santo está presente em toda a Bíblia, tanto no Antigo quanto no Novo Testamento.

No Antigo Testamento

Desde do início Ele já estava atuando na história. Não apenas na criação, no planejamento e na construção do universo (Gênesis 1:2; Salmos 104:30), mas, também na formação do homem (Jó 33:4).

E agiu por intermédio dos juízes, reis, sacerdotes e profetas (2 Samuel 23:2; Miquéias 3:8).

No Novo Testamento

Ele fez-se presente, ainda, no nascimento e na vida terrena de Jesus (Lucas 1:35).

Ele inspirou, capacitou e guiou os autores do Novo testamento a registrar os principais episódios do ministério de Cristo (Lucas 1:1-4; João 21:25).

Sua atuação em Atos é tão marcante que o livro é também conhecido como: Atos do Espírito Santo.

Obra do Espírito Santo no Evangelho de Lucas:

1. João Batista seria cheio do Espírito Santo desde o ventre materno (Lucas 1.15)

2. O Espírito Santo desceu sobre Maria para gerar o Filho de Deus (Lucas 1.35)

3. Isabel foi cheia do Espírito Santo (Lucas 1.41)

4. Zacarias profetizou cheio do Espírito de Deus (Lucas 1.67)

5. O Espírito Santo estava sobre Simeão (Lucas 2.25)

6. O Espírito de Deus revelou a Simeão que ele veria o Salvador do mundo antes de morrer (Lucas 2.26)

7. Simeão foi ao templo movido pelo Espírito de Deus (Lucas 2.27)

8. Jesus voltou do Jordão cheio do Espírito (Lucas 4.1)

9. Pelo Poder do Espírito Santo Jesus voltou para a Galiléia (Lucas 4.14)

10. O primeiro sermão que Jesus pregou foi: “O Espírito do Senhor está sobre mim” (Lucas 4.18)

11. Jesus exultou de alegria no Espírito Santo (Lucas 10.21)

12. O Pai Celestial dará o Espírito Santo as pessoas que lhe pedirem (Lucas 11.13)

13. O Espírito Santo nos ensinará o que devemos dizer (Lucas 12.12)

14. Jesus ordenou aos discípulos que ficassem em Jerusalém até que do alto fossem revestidos do Poder do Espírito Santo (Lucas 24.49)

O ESPÍRITO SANTO NA ATUALIDADE

No dia de pentecostes o Espírito foi derramado sobre a igreja (Atos 2:2), enchendo todos aqueles crentes e batizando-os, tais como prometera o Senhor.

Após o pentecostes, os discípulos passaram a pregar e a evangelizar eficazmente, alcançando Israel e as nações estrangeiras sem impedimento algum (Atos 28:31).

Porque, o autêntico pentecoste leva o crente a evangelizar com poder, a orar e contribuir para a obra missionária. Por isso, precisamos do Espírito Santo atuando poderosamente em nosso meio.

A DIVINDADE DO ESPÍRITO SANTO

O Espírito Santo é chamado de Senhor nas escrituras sagradas. Da mesma forma que o Pai e o Filho, o Espírito Santo também é Deus, porque possui os mesmos atributos. Veremos então esses atributos:

1. SEUS ATRIBUTOS DIVINOS

Eterno (Hebreus 9:14)

Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?

Onisciente (1 Coríntios 2:10)

Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.

Onipresente (Salmos 139:7-10)

Para onde me irei do teu espírito, ou para onde fugirei da tua face? 8 Se subir ao céu, lá tu estás; se fizer no inferno a minha cama, eis que tu ali estás também. 9 Se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar.

Onipotente (1 Coríntios 12:11)

Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.

Imutável (Malaquias 3:6)

Porque eu, o SENHOR, não mudo; por isso vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos.

2. ELE É INTEGRANTE DA TRINDADE

O Pai é Deus (Mateus 6:8)

Não vos assemelheis, pois, a eles; porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lho pedirdes.

O Filho é Deus (2 Pedro 1:1)

SIMÃO Pedro, servo e apóstolo de Jesus Cristo, aos que conosco alcançaram fé igualmente preciosa pela justiça do nosso Deus e Salvador Jesus Cristo:

O Espírito Santo é Deus (2 Coríntios 3:18)

Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.

3. SUAS OBRAS DIVINAS

Tomou parte na criação (Gênesis 1:2)

E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismoEspírito de Deus se movia sobre a face das águas.

Produz novas criaturas (2 Coríntios 5:17)

Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.

Ressuscitou Cristo (Romanos 1:4)

Declarado Filho de Deus em poder, segundo o Espírito de santificação, pela ressurreição dos mortos, Jesus Cristo, nosso Senhor.

Procede do Pai e do Filho (João 15:26)

Mas, quando vier o Consolador, que eu da parte do Pai vos hei de enviar, aquele Espírito de verdade, que procede do Pai, ele testificará de mim.

A PERSONALIDADE DO ESPÍRITO SANTO

Personalidade do Espírito santo de Deus

A Personalidade do Espírito Santo está presente em toda a Bíblia de maneira abundante e inconfundível.

Há Nele elementos constitutivos da personalidade, tais como intelecto, pois Ele penetra todas as coisas (1 Coríntios 2:10,11) e inteligência (Romanos 8:27).

Ele tem emoção e sensibilidade (Romanos 15:30) e possui vontade (Atos 16:7).

Personalidade (ser uma pessoa) e corporalidade (ter um corpo), são, de fato, coisas bem diferentes. Apesar de não ter corporalidade, Ele tem personalidade.

Da mesma forma, Ele é, como Deus Pai, simultaneamente espírito e pessoa.

Portanto, as três faculdades intelecto, emoção e vontade caracterizam a personalidade.

1. O ESPÍRITO SANTO TEM EMOÇÃO/ SENTIMENTOS

Se entristece profundamente (Efésios 4:30)

E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção.

Ama intensamente e sacrificial (Romanos 15:30)

E rogo-vos, irmãos, por nosso Senhor Jesus Cristo e pelo amor do Espírito, que combatais comigo nas vossas orações por mim a Deus.

Intercede com gemidos por nós diante do Pai (Romanos 8:26)

Contrista-se por causa da rebeldia do povo (Isaías 63:10)

Mas eles foram rebeldes, e contristaram o seu Espírito Santo; por isso se lhes tornou em inimigo, e ele mesmo pelejou contra eles.

Consola e conforta como advogado e amigo (Atos 9:31)

Assim, pois, as igrejas em toda a Judéia, e Galiléia e Samaria tinham paz, e eram edificadas; e se multiplicavam, andando no temor do Senhor e consolação do Espírito Santo.

2. O ESPÍRITO SANTO TEM INTELECTO/ ENTENDIMENTO

Inteligência (João 14:26)

Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.

Vontade (Atos 16:7)

E, quando chegaram a Mísia, intentavam ir para Bitínia, mas o Espírito não lho permitiu.

Sentimentos (Isaías 63:10)

Mas eles foram rebeldes, e contristaram o seu Espírito Santo; por isso se lhes tornou em inimigo, e ele mesmo pelejou contra eles.

Ensina (João 14:26)

Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas…

Guia e direciona (Gálatas 5:18)

Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei.

Testifica (Romanos 8:16)

O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus.

3. O ESPÍRITO SANTO TEM VONTADE PRÓPRIA

Convida o pecador à salvação (Apocalipse 22:17)

E o Espírito e a esposa dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida.

Seleciona, delega e capacita novos líderes (Atos 13:2-4)

2 E, servindo eles ao Senhor, e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado. 3 Então, jejuando e orando, e pondo sobre eles as mãos, os despediram. 4 E assim estes, enviados pelo Espírito Santo, desceram a Selêucia e dali navegaram para Chipre.

Impediu Paulo de ir a certo lugar (Atos 16:6-7)

6 E, passando pela Frígia e pela província da Galácia, foram impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a palavra na Ásia. 7 E, quando chegaram a Mísia, intentavam ir para Bitínia, mas o Espírito não lho permitiu.

Assiste e socorre os fiéis nas orações (Romanos 8:26)

E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.

Santifica (Romanos 15:16)

Que seja ministro de Jesus Cristo para os gentios, ministrando o evangelho de Deus, para que seja agradável a oferta dos gentios, santificada pelo Espírito Santo.

OS SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO NA BÍBLIA

A pessoa e a obra do Espírito Santo são ilustradas nas Escrituras por vários símbolos.

Esses símbolos podem ser objetos, pessoas ou evento, que prefiguram um outro objeto, pessoa ou evento. Nesse estudo queremos examinar alguns destes símbolos do Espírito Santo.

POMBA

Símbolo do Espírito Santo -pomba

Em João 1.32, encontramos o Espírito tomando a forma de uma pomba.

As características da pomba fazem dela um tipo apto do Espírito que são a sua beleza, suavidade, limpeza e a característica de ela ser facilmente incomodada.

A pomba também é inofensiva e calma.

Outras referências nas Escrituras onde este tipo é usado são as seguintes.

Gênesis 1.2, pois o Espírito é visto afagando a criação como um pássaro sobre o seu ninho.

Gênesis 8.6-12, uma pomba é solta da arca por Noé. Aqui encontramos pelo menos duas figuras do Espírito Santo.

A pomba, não como o corvo, recusou-se a continuar do lado de fora da arca, onde nenhum lugar limpo podia ser encontrado.

O Espírito, obviamente, só habita naqueles que têm sido lavados pelo sangue de Cristo.

A pomba trouxe de volta uma folha de oliveira como um sinal de esperança para aqueles que estavam na arca.

Isso prefigura o Espírito que traz a segurança da salvação para os que estão em Cristo.

ÓLEO / AZEITE

óleo símbolo da unção do Espírito

O óleo de oliveira (azeite) foi um artigo de grande importância na Palestina, sendo usado como comida, remédio, iluminação e unção.

É um tipo constante do Espírito Santo tanto no Antigo Testamento quanto no Novo Testamento.

Em Êxodo 40.9-11, aprendemos que o tabernáculo e os móveis deveriam ser ungidos com azeite.

Como o tabernáculo era uma figura de Cristo, o azeite figurou Cristo sendo ungido pelo Espírito.

Em Êxodo 27.20-21, notamos que o interior do tabernáculo era iluminado pelo uso de óleo de oliveira.

Como os pertences eram tipos de Cristo, a interpretação é fácil. Sem a iluminação do Espírito de Deus ninguém poderia ver as glorias do nosso Salvador.

Em Levítico 14.14-18, aprendemos que na purificação de uma lepra, foram usados tanto o sangue quanto o azeite.

Isto revela que quando alguém é convertido e curado do pecado, operam tanto o sangue de Cristo quanto a pessoa do Espírito Santo.

Os profetas, sacerdotes e reis sendo ungidos prefiguravam a Cristo como nosso profeta, sacerdote e rei.

Em Levítico 2.1, encontramos a flor de farinha (um tipo da carne imaculada de Cristo) que foi ungida com azeite (um tipo do Espírito Santo).

O óleo é frequentemente associado, na Bíblia, a curas (Isaías 1.6; Lucas 10.34; Marcos 6.12-13). O Espírito Santo sara espiritualmente.

ÁGUA

pomba Símbolo da água

A água é um tipo comum do Espírito Santo na salvação.

A água é a fonte da vida.

Sem água este mundo seria um cemitério desolado e ressecado.

Da mesma forma é a presença do Espírito que traz vida e fruto espiritual para as nossas vidas (Gálatas 5.22; Isaías 44.3; Atos 2.37).

A terra tem abundância de água.

Os remidos também têm uma fonte abundante do poder do Espírito (João 7.38).

É necessária água para a limpeza.

É o Espírito quem limpa nossos corações na regeneração e, continua nos purificando quando diariamente nos aproximamos de nosso Pai celestial (Tito 3.5; Êxodo 29.4).

O Espírito Santo é comparado à água viva vinda de um córrego constante.

Ele é de todas as formas superior aos poços e às poças estagnadas deste mundo.

Enquanto os prazeres desta vida desaparecem e acabam, o Espírito de Deus continua sendo uma fonte interior de vida e gozo (João 4.14; 7.37-39).

VENTO

vento do espirito de deus

O vento é um tipo especial do Espírito porque a palavra “espírito” também se traduz como “vento”.

Nosso Senhor usa vento como um tipo do Espírito (João 3.8).

O vento é invisível na sua obra (João 3.8).

Cristo assim revelou a insensatez de conectar a regeneração com sinais visíveis como o batismo.

O vento não é controlado pelos homens (João 3.8).

O Espírito Santo é soberano em Suas operações.

A presença do vento é percebida pela sua influência (João 3.8).

Da mesma forma a presença do Espírito Santo é conhecida pela Sua influência nos corações.

O vento é poderoso (Atos 2.1-2).

O Espírito Santo pode quebrar o coração mais duro.

Assim como que o vento move um barco a velas, o Espírito de Deus moveu aqueles que escreveram as Escrituras (2 Pedro 1.21).

Da mesma maneira que o vento seco pode murchar a beleza da natureza, o Espírito Santo pode secar o coração orgulhoso através da Sua obra de convicção (Isaías 40.6-7).

FOGO

fogo simbologia bíblica espírito

Em Atos 2.3, vemos que o fogo era um sinal da presença do Espírito.

Vemos no Antigo Testamento que o fogo é uma evidência da presença do Senhor (Êxodo 3.2), da aprovação do Senhor (Levítico 9.24) e proteção do Senhor (Êxodo 13.21).

Em Apocalipse 4.5, o Espírito é simbolizado por sete lâmpadas de fogo.

O número sete tem confundido algumas pessoas, mas parece referir-se ao perfeito conhecimento dado a Cristo, o ungido de Deus (Isaías 11.1-4; Apocalipse 5.6).

O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO

batismo com o Espírito Santo é uma experiência que o crente recebe após a salvação, concedida por Deus aos seus servos.

E não é somente uma experiência qualquer que o crente recebe, mas com propósitos.

Essa experiência torna o cristão mais apto a cumprir a missão de pregar o Evangelho e o fortalece para vencer os dias difíceis.

O batismo com o Espírito Santo é um tema atual e indispensável à igreja de Cristo.

O FALAR EM LÍNGUAS COMO SINAL DO BATISMO

O falar em línguas estranhas, seja como sinal ou como dom, é uma operação divina encontrada somente a partir de Atos 2.

O falar em línguas como resultado do do batismo com o Espírito Santo teve o seu início no dia de Pentecostes (Atos 2:4).

Portanto, todos os crentes podem e devem buscar o batismo com o Espírito Santo e ao mesmo tempo, falar noutras línguas, pois é uma promessa a todos os salvos em Cristo Jesus (Atos 2:38).

O QUE É SER CHEIO DO ESPÍRITO NA BÍBLIA?

batismo com espírito santo

Frequentemente o Novo Testamento usa linguagem figurada para descrever essa experiencia de estar cheio do Espírito

Mas, como você se sentirá, com o que se parecerá quando estiver cheio do Espírito de Deus?

O Novo Testamento usa essa palavra figurada “cheio” de três modos diferentes. 

1° PERCEPÇÃO DO ESPÍRITO

Às vezes ela parece se referir ao que a maioria dos contemporâneos que se especializam em enchimento do Espírito têm em mente uma percepção da presença do Espírito “exultando no Espirito Santo”, por exemplo (Lucas 10:21). 

Deus tenha piedade do pregador que nunca tem essa agitação, essa percepção extática da presença de Deus. 

2° O ESPÍRITO SANTO NO COMANDO

As vezes, entretanto, a Bíblia parece indicar um relacionamento mais do que um sentimento quem está no comando? (Ef 4.29–32; 5.17,18).

Se o Espírito Santo está no comando completo de um relacionamento, você poderia dizer que essa pessoa está cheia do Espírito. 

Deus tenha piedade da congregação onde o pregador não está submetido incondicionalmente e completamente à disposição do Espírito. 

3° DONS E FRUTOS DO ESPÍRITO

Sem dúvida, o uso mais comum dessa linguagem figurada é usada para apontar o resultado, a evidência de uma vida cheia do Espírito, chamada de “dons” ou “frutos” (1 Co 12; Gl 5.22,23). 

E isso que significa ser cheio do Espírito  estar sob o comando do Espírito Santo de tal forma que uma vida de milagres seja evidente, uma colheita abundante de frutos do Espírito que todo fiscal de frutos na congregação pode ver. 

Assim, a única maneira de explicar os resultados da Pregação daquele homem é dizer que é o poder do Espírito! 

O ESPÍRITO SANTO DE DEUS DESEJA SE RELACIONAR

O Espírito Santo apesar de ter personalidade, também é Deus da mesma forma que o Pai e o Filho. Não é maior, nem mais inferior, mas igual.

Ele deseja ter um relacionamento conosco, mas, precisamos desejar isso, porque Ele é educado e respeita nossa escolha.

Depois de conhecer mais da pessoa da terceira pessoa da trindade, como resultado, espero que você deseje ter um relacionamento pessoal com Ele.

Portanto, você precisa querer, isso mesmo, Deus respeita e não vai forçar, Ele é gentil. Porque Ele disse: “Não por força, nem por violência, mas pelo meu Espírito (Zacarias 4:6).

Da mesma forma que Ele esteve presente na criação e nos demais momentos da história bíblica, Ele está conosco agora agindo no coração de cada crente.

Não viva sem a presença do meigo Consolador ao seu lado, mas convide-o, busque-o e faça o que for preciso para ser íntimo ter dEle.

Redação BP

Redação BP

Compartilhe

Compartilhe

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts em seu email

Publicidade

© 2022 Biblioteca do Pregador

Esse site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Leia Mais