O ESPÍRITO SANTO DE DEUS

QUEM É O ESPÍRITO SANTO?

O Espírito Santo é a Terceira Pessoa da Trindade Santíssima e a semelhança do Pai e do Filho.

Ele é, portanto, Deus.

“E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre”. (João 14:16)

Apesar de muito comentado, ainda é pouco conhecido como deveria ser.

Pois não podemos negar da confusão religiosa acerca de sua pessoa.

Mas essa pessoa tão divina tem sido mal interpretada na bíblia e muitos desconhecem a grandeza como também tudo o que Ele é.

Quanto mais conhecermos o Espírito Santo, com temor de Deus e santidade, mais íntimos nos tornaremos Dele.

E então melhor compreenderemos a obra realizada por Ele.

Ao tratarmos da pessoa do Espírito Santo, encontramos o termo paracletologia.

E por isso antes de entrar afundo nesse estudo, vamos entender o que significa esse termo.

A DOUTRINA DO ESPÍRITO SANTO

PARACLETOLOGIA OU PNEUMATOLOGIA

O TERMO PARACLETOLOGIA

Em primeiro lugar, reconhecemos que não podemos saber tudo a respeito de um ser Divino que não se limita ao conhecimento humano.

Mas o que está ao nosso alcance e nos é permitido conhecer, queremos compartilhar com você.

Então, vamos entender o que é Paracletologia.

Paracletologia é formado por duas palavras gregas:

Paracletos (que significa ajudador, consolador, advogado) que diz respeito a quem Jesus falou que viria.

Enquanto Logia (significa estudo, doutrina).

Portanto, a paracletologia estuda tudo o que se refere ao Espírito Santo.

Mas como mencionamos, o estudo é importante para conhecermos a doutrina, mas acima disso, o mais importante é ter um relacionamento com Ele.

Porque o Espírito Santo está de igualdade com o Pai e o Filho e possui os mesmos atributos divinos.

Portanto, nesse estudo veremos esses atributos a seguir.

O ESPÍRITO SANTO NO ANTIGO E NOVO TESTAMENTO

PREGAÇÃO NO ANTIGO TESTAMENTO

O Espírito Santo está presente em toda a Bíblia.

Na criação, no planejamento e na construção do universo (Gênesis 1:2; Salmos 104:30).

Ele também atuou na formação do homem (Jó 33:4).

E agiu por intermédio dos juízes, reis, sacerdotes e profetas (2 Samuel 23:2; Miquéias 3:8).

Ele fez-se presente, ainda, no nascimento e na vida terrena de Jesus (Lucas 1:35).

Ele inspirou, capacitou e guiou os autores do Novo testamento a registrar os principais episódios do ministério de Cristo (Lucas 1:1-4; João 21:25).

Sua atuação em Atos dos apóstolos é tão marcante, porquanto, o livro é conhecido também como os “Atos do Espírito Santo“.

O ESPÍRITO SANTO NA ATUALIDADE

No dia de pentecostes o Espírito foi derramado sobre a igreja (Atos 2:2), enchendo então a todos aqueles crentes e batizando-os, tais como prometera o Senhor.

Após o pentecostes, os discípulos passaram a pregar e a evangelizar vigorosa e eficazmente, alcançando Israel e as nações estrangeiras (os gentios) sem impedimento algum (Atos 28:31).

Porque, o autêntico pentecoste leva o crente a evangelizar com poder, a orar e contribuir para a obra missionária.

Portanto, precisamos do Espírito Santo atuando poderosamente em nosso meio.

A DIVINDADE DO ESPÍRITO SANTO

A DIVINDADE DO ESPÍRITO SANTO

O Espírito Santo é chamado de Senhor nas escrituras sagradas.

Da mesma forma que o Pai e o Filho, o Espírito Santo também é Deus, porque possui os mesmos atributos.

Veremos então esses atributos:

1. SEUS ATRIBUTOS DIVINOS

atributos do espírito santo

2. ELE É INTEGRANTE DA TRINDADE

estudo bíblico sobre o espírito santo

3. SUAS OBRAS DIVINAS

o espírito santo quem é

A PERSONALIDADE DO ESPÍRITO SANTO

personalidade do espírito santo de deus

ATRIBUTOS DA PERSONALIDADE

A Personalidade do Espírito Santo está presente em toda a Bíblia de maneira abundante e inconfundível.

Há Nele elementos constitutivos da personalidade, tais como intelecto, pois Ele penetra todas as coisas (1 Coríntios 2:10,11) e inteligência (Romanos 8:27).

Ele tem emoção e sensibilidade (Romanos 15:30) e possui vontade (Atos 16:7).

Personalidade (ser uma pessoa) e corporalidade (ter um corpo), são, de fato, coisas bem diferentes.

Mas, apesar de não ter corporalidade, Ele tem personalidade.

Da mesma forma, Ele é, como Deus Pai, simultaneamente espírito e pessoa.

Portanto, as três faculdades intelecto, emoção e vontade caracterizam a personalidade.

1. EMOÇÃO/ SENTIMENTOS

ILUSTRAÇÃO DO SERMÃO EMOÇÃO
ESTUDO SOBRE O ESPÍRITO SANTO

2. INTELECTO/ ENTENDIMENTO

O espírito santo - intelecto
O ESPÍRITO SANTO ESTUDO BÍBLICO

3. VONTADE PRÓPRIA

a vontade do espírito santo
ESPÍRITO DE DEUS

OS SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO NA BÍBLIA

A pessoa e a obra do Espírito Santo são ilustradas nas Escrituras por vários símbolos.

Esses símbolos podem ser objetos, pessoas ou evento, que prefiguram um outro objeto, pessoa ou evento.

Nessa lição queremos examinar alguns destes símbolos do Espírito Santo.

Deve ser lembrado que há tipos que podem especificar mais de uma pessoa ou evento.

POMBA

Símbolo do Espírito Santo -pomba

Em João 1.32, encontramos o Espírito tomando a forma de uma pomba.

As características da pomba fazem dela um tipo apto do Espírito que são a sua beleza, suavidade, limpeza e a característica de ela ser facilmente incomodada (Efésios 4.30).

A pomba também é inofensiva (Mateus 10.16) e calma.

Outras referências nas Escrituras onde este tipo é usado são as seguintes.

Gênesis 1.2, pois o Espírito é visto afagando a criação como um pássaro sobre o seu ninho.

Gênesis 8.6-12, uma pomba é solta da arca por Noé.

Aqui encontramos pelo menos duas figuras do Espírito Santo.

A pomba, não como o corvo, recusou-se a continuar do lado de fora da arca, onde nenhum lugar limpo podia ser encontrado.

O Espírito, obviamente, só habita naqueles que têm sido lavados pelo sangue de Cristo.

A pomba trouxe de volta uma folha de oliveira como um sinal de esperança para aqueles que estavam na arca.

Isso prefigura o Espírito que traz a segurança da salvação para os que estão em Cristo.

ÓLEO / AZEITE

óleo símbolo da unção do Espírito

O óleo de oliveira (azeite) foi um artigo de grande importância na Palestina, sendo usado como comida, remédio, iluminação e unção.

É um tipo constante do Espírito Santo tanto no Velho Testamento quanto no Novo Testamento.

Em Êxodo 40.9-11, aprendemos que o tabernáculo e os móveis deveriam ser ungidos com azeite.

Como o tabernáculo era uma figura de Cristo, o azeite figurou Cristo sendo ungido pelo Espírito.

Em Êxodo 27.20-21, notamos que o interior do tabernáculo era iluminado pelo uso de óleo de oliveira.

Como os pertences eram tipos de Cristo, a interpretação é fácil.

Sem a iluminação do Espírito de Deus ninguém poderia ver as glorias do nosso Salvador.

Em Levítico 14.14-18, aprendemos que na purificação de uma lepra, foram usados tanto o sangue quanto o azeite.

Isto revela que quando alguém é convertido e curado do pecado, operam tanto o sangue de Cristo quanto a pessoa do Espírito Santo.

Os profetas, sacerdotes e reis sendo ungidos prefiguravam a Cristo como nosso profeta, sacerdote e rei.

Em Levítico 2.1, encontramos a flor de farinha (um tipo da carne imaculada de Cristo) que foi ungida com azeite (um tipo do Espírito Santo).

O óleo é frequentemente associado, na Bíblia, a curas (Isaías 1.6; Lucas 10.34; Marcos 6.12-13).

O Espírito Santo sara espiritualmente.

ÁGUA

pomba Símbolo da água

A água é um tipo comum do Espírito Santo na salvação.

O espaço proíbe-nos de nos aprofundarmos neste tipo como gostaríamos.

A água é a fonte da vida. Sem água este mundo seria um cemitério desolado e ressecado.

Da mesma forma é a presença do Espírito que traz vida e fruto espiritual para as nossas vidas (Gálatas 5.22; Isaías 44.3; Atos 2.37).

A terra tem abundância de água.

Os remidos também têm uma fonte abundante do poder do Espírito (João 7.38).

É necessária água para a limpeza.

É o Espírito quem limpa nossos corações na regeneração e, continua nos purificando quando diariamente nos aproximamos de nosso Pai celestial (Tito 3.5; Êxodo 29.4).

O Espírito Santo é comparado à água viva vinda de um córrego constante.

Ele é de todas as formas superior aos poços e às poças estagnadas deste mundo.

Enquanto os prazeres desta vida desaparecem e acabam, o Espírito de Deus continua sendo uma fonte interior de vida e gozo (João 4.14; 7.37-39).

VENTO

vento simbologia bíblica

O vento é um tipo especial do Espírito porque a palavra “espírito” também pode ser traduzida como “vento” (veja capítulo 1).

Nosso Senhor usa vento como um tipo do Espírito (João 3.8).

O vento é invisível na sua obra (João 3.8).

Cristo assim revelou a insensatez de conectar a regeneração com sinais visíveis como o batismo.

O vento não é controlado pelos homens (João 3.8).

O Espírito Santo é soberano em Suas operações.

A presença do vento é percebida pela sua influência (João 3.8).

Da mesma forma a presença do Espírito Santo é conhecida pela Sua influência nos corações.

O vento é poderoso (Atos 2.1-2).

O Espírito Santo pode quebrar o coração mais duro.

Assim como que o vento move um barco a velas, o Espírito de Deus moveu aqueles que escreveram as Escrituras (II Pedro 1.21).

Da mesma maneira que o vento seco pode murchar a beleza da natureza, o Espírito Santo pode secar o coração orgulhoso através da Sua obra de convicção (Isaías 40.67).

FOGO

fogo simbologia bíblica espírito

Em Atos 2.3, vemos que o fogo era um sinal da presença do Espírito.

Vemos no Velho Testamento que o fogo é uma evidência da presença do Senhor (Êxodo 3.2), da aprovação do Senhor (Levítico 9.24) e da proteção do Senhor (Êxodo 13.21).

Talvez, todas essas idéias estejam incluídas em Atos 2.3.

Em Apocalipse 4.5, o Espírito é simbolizado por sete lâmpadas de fogo.

O número sete tem confundido algumas pessoas, mas parece referir-se ao perfeito conhecimento dado a Cristo, o ungido de Deus (Isaías 11.1-4; Apocalipse 5.6).

PARA QUE VOCÊ POSSA CONHECER MAIS SOBRE O ASSUNTO, BAIXE GRATUITAMENTE O E-BOOK AQUI ABAIXO.

livro-ebook-pergunte-ao-espirito-santo-o-que-quer-isto-dizer.pdf (1370 downloads)

ELE DESEJA SE RELACIONAR

RELACIONAMENTO COM O ESPÍRITO SANTO

O Espírito Santo apesar de ter personalidade, também é Deus da mesma forma que o Pai e o Filho.

Por isso, não é maior, nem mais inferior, mas igual.

Ele veio pra estar conosco, mas, precisamos desejar isso, porque Ele é educado e respeita nossa escolha.

Finalmente, depois de conhecer um pouco mais da pessoa da terceira pessoa da trindade, como resultado, espero que você deseje conhecê-lo mais.

Portanto, você precisa querer, isso mesmo, Deus respeita e não vai forçar, Ele é gentil.

Porque Ele disse: Não por força, nem por violência, mas pelo meu Espírito, (Zacarias 4:6).

Da mesma forma que Ele esteve presente na criação e nos demais momentos da história bíblica, deseja estar conosco.

Porque agora, sua missão é aqui na terra, nos ajudando a servir a Deus e agradá-lo.

Portanto, não escolha viver sem a presença do doce e meigo Consolador ao seu lado, mas convide-o, busque-o e faça o que for preciso para ter comunhão com Ele.

QUER APRENDER MAIS DA PALAVRA, ENTÃO VEJA TAMBÉM:

Compartilhe esse estudo com mais alguém!

6 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  1. […] de cunho teológico como, por exemplo: a natureza divino-humana de Cristo; a personalidade do Espírito Santo; o processo de justificação; e assim por […]

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.