O que é a Grande Comissão e o que significa para nós hoje?

A Grande Comissão está nas palavras de Jesus quando reunindo os discípulos, disse:

¹⁸ E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: “É-me dado todo o poder no céu e na terra. ¹⁹ Portanto, ide e fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ²⁰ Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu tenho mandado; e eis que eu estou convocando todos os dias, até à consumação dos séculos.” ​​Amém!

No livro de Mateus, capítulo 26, versículos 19 a 20, encontramos as diretrizes imperativas de Jesus, que são conhecidas como a Grande Comissão. É crucial lembrar duas coisas a respeito disso. Primeiramente, estas palavras representam uma ordem categórica.

É por isso que chamamos de Grande Comissão e não de Grande Sugestão. Jesus não expressou algo como: “Bem, se você estiver com vontade, ou se isso couber na sua agenda lotada, talvez você considere a possibilidade de, como um favor pessoal para Mim, ir pelo mundo fora e fazer discípulos?” De alguma forma. No idioma original, isso é claramente um comando, uma ordem.

A Grande Comissão Explicada

O que estamos prestes a explorar é conhecido como a Grande Comissão. Nas palavras originais, essas instruções são uma ordem, e é por isso que chamamos de Grande Comissão, não de Grande Sugestão.

Tiago 4:17 afirma: “Portanto, para quem sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado“. Isso é pecado da omissão, que consiste em deixar de fazer o que deveria ser feito.

Essas palavras foram proferidas a todos os seguidores de Jesus. Se sou um discípulo Dele, receba a ordem de ir e fazer discípulos de outros. Em contrapartida, se não estou fazendo discípulos, não estou sendo o discípulo que Deus deseja que eu seja.

Para muitos de nós, a Grande Comissão transformou-se, lamentavelmente, em Grande Omissão. Então, como você está cumprindo sua parte na execução da Grande Comissão? Você está alcançando todo o seu mundo? A comissão não implica esperar que o mundo venha até nós; ela envolve todo o mundo.

“A Grande Comissão não é uma opção a ser considerada. É um mandamento a ser obedecido”.

Hudson Taylor

A questão cultural

A dimensão cultural desempenha um papel crucial no contexto do mandamento de Jesus, a “Ide”, que implica não apenas transmitir a mensagem do Evangelho, mas também cruzar fronteiras culturais.

Quando nos encontramos diante da tarefa de proclamar o Evangelho em uma cultura diferente, enfrentamos um desafio significativo no campo missionário. É importante que não subestimemos a cultura do povo que desejamos alcançar com o Evangelho, nem tentemos importar nossa própria cultura sobre eles, conforme orientado em 1 Coríntios 1:1,2.

No entanto, é igualmente essencial avaliar e examinar a cultura de um povo à luz das Escrituras. Por um lado, a cultura reflete a beleza e a preservação inerentes à criação do ser humano à imagem e semelhança de um Deus bom e amoroso. Por outro lado, devido aos efeitos da Queda, essa mesma cultura foi manchada pelo pecado e, em parte, influenciada por forças demoníacas.

Portanto, devemos estar dispostos a proclamar o Evangelho além das barreiras culturais, estando preparados para enfrentar esse desafio com respeito pela cultura do povo que desejamos alcançar.

A ordem de fazer discípulos em todas as nações

A comissão de fazer discípulos em todas as nações é uma instrução poderosa. A palavra “nação” é a tradução do termo “ethnos“, que se refere principalmente a grupos étnicos, não necessariamente a países. Um país é uma entidade politicamente definida, enquanto uma etnia é um povo com identidade cultural, incluindo língua e tradições próprias.

Surpreendentemente, de acordo com alguns especialistas em museologia, existem cerca de 24.000 etnias diferentes no mundo. O que é ainda mais notável é que quase metade desse número ainda não teve a oportunidade de ouvir o Evangelho. Essa realidade deveria nos tocar profundamente.

Milhões de pessoas continuam sem acesso à mensagem de Cristo. Isso nos lembra da urgência da exortação do apóstolo Paulo: “Tenho me esforçado ao máximo para pregar o evangelho onde Cristo ainda não foi anunciado” (Romanos 15:20 – NAA).

A eficácia e os objetivos da Grande Comissão

A eficácia e os objetivos da Grande Comissão dependem de sua execução por indivíduos que pertençam a plenos poderes do Espírito Santo (Lucas 24.49; Atos 1.8).

É o Espírito Santo que desempenha um papel fundamental ao convencer as pessoas do seu pecado (João 16.8), regenerar os pecadores (Tito 3.5) e capacitá-los a confessar Jesus como Senhor (1 Coríntios 12.3).

Dentro desse contexto, a Igreja se prepara para alcançar os seguintes objetivos da Grande Comissão:

  1. Proclamar o Evangelho em palavras e ações a todas as criaturas;
  2. Discipular os novos convertidos, orientando-os a se tornarem fiéis seguidores de Cristo;
  3. Integrá-los de maneira espiritual e social na comunidade da igreja local, permitindo que cresçam na graça e no conhecimento, à medida que o Espírito Santo atue em suas vidas, proporcionando-lhes comunhão contínua com os santos.

Qual a ênfase em Mateus 28:18-20 e Marcos 16.15-20?

Em Mateus 28.18-20, podemos observar uma clara ênfase na “formação de discípulos“. Essa ênfase reflete a natureza da relação entre um mestre e seus discípulos. Essa ordem implícita sugere que a missão não se limita a um único ato ou momento. A formação de discípulos, de acordo com as Escrituras, requer tempo. Nosso Senhor dedicou pelo menos três anos ao desenvolvimento do caráter de seus discípulos.

Por outro lado, em Marcos 16.15-20, notamos uma forte ênfase na “proclamação” e no “anúncio“. A missão inclui a pregação pública do Evangelho, ao mesmo tempo que também desempenha um papel na educação contínua do novo convertido. Evangelização e formação de discípulos não são mutuamente exclusivas, mas representam duas facetas complementares da mesma missão.

Fora das quatro paredes – Estudo da missão dada por Jesus

A Grande Comissão foi apenas para os apóstolos ou também para hoje?

A Grande Comissão não se limita aos apóstolos. Essas palavras não foram destinadas apenas aos onze discípulos originais, tampouco exclusivamente aos pastores, evangelistas e missões. Elas são dirigidas a todos os seguidores de Jesus Cristo. Se nos consideramos Seus discípulos, temos o chamado de ir e fazer outros discípulos. Isso não envolve necessariamente atravessar oceanos, mas certamente começa com cruzar a rua para se conectar com um vizinho.

Mas o que significa fazer discípulos? Jesus instruiu: “Ensinem a esses novos discípulos a obedecer a todos os mandamentos que eu lhes dei”. Em suma, isso significa que você demonstra o discipulado através da maneira como vive, e, é claro, compartilha verbalmente a Palavra de Deus.

Hoje, quero desafiá-lo a se tornar um discípulo de Jesus Cristo – não apenas um seguidor em momentos convenientes ou alguém que frequenta igrejas ocasionais. Você se considera seu discípulo? Se assim for, saiba que sua vida nunca mais será a mesma.

Versículos da Bíblia sobre a Grande Comissão

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João 3:16)

“E Jesus mudou-se e disse-lhes: ‘Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, e fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo , ensinando-os a observar tudo o que vos ordenei. E eis que estarei convosco sempre, até ao fim dos tempos.'” (Mateus 28:18-20)

“E ele lhes disse: ‘A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos. Portanto, ore sinceramente ao Senhor da colheita para que envie trabalhadores para a sua colheita.'” (Lucas 10:2)

“E disse-lhes: ‘Assim está escrito que o Cristo sofreria e ressuscitaria dos mortos no terceiro dia, e que em seu nome fosse proclamado o arrependimento e a remissão dos pecados a todas as nações, começando por Jerusalém.'” (Lucas 24: 46-47)

“Mas recebais poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra.” (Atos 1:8)

“E ele lhes disse: ‘Ide por todo o mundo e proclamai o evangelho a toda a criação.'” (Marcos 16:15)

“Os onze discípulos foram então para a Galiléia, para o monte que Jesus havia indicado. E quando o viram, adoraram-no, mas alguns duvidaram.” (Mateus 28:16-17)

“E Pedro lhes disse: ‘Arrependei-vos e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos vossos pecados, e recebais o dom do Espírito Santo.'” (Atos 2:38)

Estudo “O que é a Grande Comissão?” em vídeo

Se gostou deste estudo sobre a Grande Comissão, então veja mais:

André Lourenço

Bacharel em Teologia, Graduado em Gestão da Qualidade e Pós Graduando em Psicologia nas Organizações, André possui mais de 17 anos de experiência na pregação e ensino da Bíblia. É Professor de cursos de Homilética e Hermenêutica. Já escreveu centenas de estudos bíblicos e ministra aulas na EBD. Se considera um eterno aprendiz e apaixonado por Compartilhar a Palavra de Deus!

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você precisa desativar o Adblock para continuar navegando em nosso site!