Como explicar a existência da luz antes da criação dos luminares?

Para explicar a existência da luz antes da criação dos luminares precisamos recorrer a própria Bíblia para encontrarmos a resposta.

De acordo com a cronologia dos dias da criação, no primeiro dia Deus disse: “Haja luz; e houve luz” (Gênesis 1:3).

Não obstante, foi somente no quarto dia que Deus criou os grandes luminares, “o luminar maior para governar o dia, e o luminar menor para governar a noite; e fez as estrelas”. (Gênesis 1:16,17)

A pergunta é: Se o sol, a lua e as estrelas só foram criados no quarto dia, que luz é essa que Deus criou no primeiro
dia?

Como explicar a existência da luz antes da criação dos luminares?

A fim de solucionar essa aparente contradição, alguns têm proposto que essa luz é uma luz cósmica.

Mas esta hipótese deve ser descartada por duas simples razões:

  1. Porque o próprio cosmos ainda não existia;
  2. Porque a luz foi o primeiro ato da criação de Deus.

Posto isso, a única explicação plausível que nos resta à luz da Bíblia é:

A de que essa luz, a qual foi criada, no primeiro dia da criação, procede do próprio Deus, a fonte de toda luz.

“E a cidade não necessita de sol nem de lua, para que nela resplandeçam, porque a glória de Deus a tem iluminado… o Cordeiro é a sua lâmpada” (Apocalipse 21:23).

“E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os ilumina… reinarão para todo o sempre” (Apocalipse 22:5).

Ele “habita na luz inacessível”, o qual também é “o Pai das luzes”.

“Aquele que tem, ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém” (1 Timóteo 6:16).

“Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação” (Tiago 1:17).

A primeira coisa criada pela palavra divina foi “luz”, isto é, a luz principal.

Aqui Deus era o provedor da luz (2 Co 4:6) e será a fonte de luz na eternidade futura (Ap 21:23).

Qual o propósito de Deus trazer a luz antes das luminárias?

O propósito de Deus ao trazer a luz antes da criação dos luminares é mostrar de forma clara que ele é a fonte de toda
luz. Tudo depende dEle.

Deus é a causa primária a partir do qual tudo existe.

A sua luz precede a luz dos astros, seja o sol, seja a lua ou as estrelas, e existe independentemente destes.

Entre os pagãos, o sol, a lua e as estrelas são adorados como deuses por conta da luz que deles irradiam.

Deus, reiteramos, é a fonte suprema de toda luz. E, portanto, é o único que deve ser adorado!

Botão Voltar ao topo