Lóide e Eunice: Mulheres de fé

Sermão Expositivo em 2 Timóteo 1:1-5 com o tema Lóide e Eunice: Mulheres de fé. Esboço de pregação expositiva sobre a fé de Lóide e Eunice, a mãe e avó de Timóteo.

TEMA: Lóide e Eunice, mulheres de fé

TEXTO: 2 Timóteo 1: 1-5

INTRODUÇÃO

Paulo elogia Timóteo por sua fé, a qual foi encontrada primeiramente em sua avó e mãe, visto que ambas eram mulheres de fé genuína, comunicada e influente.

Ilustração sobre uma mulher com mal exemplo

Um jovem estava parado na fila do caixa do supermercado quando notou uma senhora idosa à sua frente. 

Enquanto ela descarregava seu carrinho de supermercado, ela continuou olhando para cima e olhando para ele. 

Depois de alguns momentos embaraçosos, ele perguntou: “Por que você fica olhando para mim?” 

A mulher disse: “Sinto muito, mas você se parece exatamente com meu filho que morreu recentemente”.

“Lamento muito ouvir isso”, respondeu o jovem.

“Há algo que eu possa fazer por você?”

“Sim”, disse ela.

“Ao sair, se você dissesse, Adeus mãe, me faria sentir muito melhor porque preciso ir.” 

“Eu ficaria feliz em fazer isso por você”, respondeu ele. 

Quando a senhora estava saindo, ele gritou: “Adeus, mãe!” 

Depois de descarregar seu carrinho, a conta chegou a R$ 147,50. 

“Como pode ser?” ele perguntou ao balconista. “Só comprei alguns itens.”

“Oh”, respondeu o balconista, “sua mãe disse que você pagaria por ela.” 

Lóide e Eunice, mulheres de fé

Lóide e Eunice certamente não eram como aquela mulher. 

Não sabemos muito sobre essas duas mulheres. 

O que sabemos está contido em apenas alguns versículos de 2 Timóteo e em Atos 16. 

Sabemos que ambas eram judias. Eunice era casada com um grego incrédulo e mãe de Timóteo. 

Lóide foi a primeira a se tornar crente, seguida por sua filha Eunice. Ambas eram mulheres de fé.

Portanto, aprendemos que a fé delas, tinha 3 características: genuína, comunicada e influente. Vejamos, então:

I. Lóide e Eunice tinham uma fé genuína

“Trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide, e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti” (2 Timóteo 1:5).

“Não fingida” é literalmente sem encenação ou sem hipocrisia. 

Significa ser genuíno, não hipócrita e sem pretensão ou engano

A fé genuína inclui pelo menos três elementos principais:

  1. Firme persuasão ou firme convicção;
  2. Uma rendição a essa verdade;
  3. Uma conduta que emana dessa rendição. 

Em suma, a fé mostra-se genuína por meio de uma vida transformada

D. John MacArthur comenta:

”A fé, como a graça, não é estática. A fé salvadora é mais do que apenas compreender os fatos e concordar mentalmente. É inseparável de arrependimento, rendição e um desejo sobrenatural de obedecer.”

Em Mateus 23: 27-28 Jesus disse:

“Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia. Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniquidade”.

W.E Vine explica que um hipócrita era “um ator de teatro; era costume os atores gregos e romanos falarem em grandes máscaras com dispositivos mecânicos para aumentar a força da voz”.

De acordo com o versículo 5, sua fé “habitou”, ou seja, fez morada neles. Em outras palavras, sua fé se tornou uma parte vital e integrante de suas vidas.

A fé genuína é, portanto, evidenciada pelas obras.

“Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma” (Tiago 2:17).

II. Lóide e Eunice tinham uma fé que foi comunicada

“Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus” (2 Timóteo 3:14-15).

Como Timóteo adquiriu esse conhecimento? 

Certamente não foi do pai, pois, além de grego, não acreditava. 

Nem da escola, pois ele cresceu em Listra, uma cidade repleta de idolatria. 

Mas, seu conhecimento das Escrituras veio de sua mãe e avó. 

“Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele” (Provérbios 22:6).

Ilustração sobre a mãe de Charles Spurgeon

Charles Haddon Spurgeon escreveu como durante sua infância todos os domingos à noite sua mãe lia e explicava as Escrituras para ele e seus irmãos e irmãs, e implorava que pensassem sobre o estado de suas almas e buscassem o Senhor. 

Ele se lembra de uma vez que ela orou:

“Agora, Senhor, se meus filhos continuarem em seus pecados, não será por ignorância que eles perecerão, e minha alma deve dar um rápido testemunho contra eles no dia do julgamento, se não segurar em Cristo.” 

Ele escreveu: “Aquele pensamento de uma mãe prestando rápido testemunho contra mim perfurou minha consciência e mexeu com meu coração”

Somos chamados para comunicar nossa fé

Como seguidores de Cristo, somos chamados para ir ao mundo e fazer discípulos. 

Compartilhar a mensagem de Cristo com os outros, primeiramente em casa e depois ao mundo.

“Para que a comunicação da tua fé seja eficaz no conhecimento de todo o bem que em vós há por Cristo Jesus” (Filemom 1: 6).

Henry Morris escreve: “A fé que é genuína fé salvadora em Cristo não é caracterizada simplesmente por um único ato de fé, mas por uma vida vivida na fé.”

Em 1 Tessalonicenses 1: 2-3 está escrito: “Damos graças a Deus sempre por todos vós, fazendo menção de vós nas nossas orações; lembrando-se sem cessar de sua obra de fé e de amor…”

A fé genuína é aquela que é comunicada não apenas por palavras, mas por palavras e ações. 

Alguém disse: “A fé é como calorias, você não pode vê-las, mas pode ver seus resultados”.

Ilustração sobre Hudson Taylor

Anos atrás, o governo comunista da China encarregou um autor de escrever uma biografia do grande missionário Hudson Taylor com o objetivo de distorcer os fatos e apresentá-lo sob uma luz ruim. 

Eles queriam desacreditar o nome deste consagrado missionário do evangelho. 

Enquanto o autor fazia sua pesquisa, ele ficava cada vez mais impressionado com o caráter santo e a vida piedosa de Taylor, e achava extremamente difícil cumprir sua tarefa com a consciência limpa. 

Por fim, correndo o risco de perder a vida, ele largou a pena, renunciou ao ateísmo e recebeu Jesus como seu Salvador pessoal. 

Quer percebamos ou não, nosso exemplo deixa uma impressão nos outros. 

III. Lóide e Eunice tinham uma fé que foi influente

O que dizemos e fazemos influencia aqueles que estão ao nosso redor, mas especialmente aqueles que estão ao nosso redor 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Paulo pode ter levado Timóteo à fé, mas foram sua avó Lóide e sua mãe Eunice que o conduziram a Jesus Cristo.

Em 2 Timóteo 1: 5 está escrito: “Trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide, e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti”.

A influência divina e o treinamento sólido dessas duas mulheres estabeleceram o fundamento para a salvação de Timóteo por meio da implantação das verdades das Escrituras, semeando as sementes da fé em seu coração.

Ilustração sobre uma mãe que ensina a bíblia para o filho

Um dia, quatro ministros estavam conversando e, como tantas vezes acontece, a conversa logo se transformou em conversa comercial. 

“Eu prefiro a versão King James das Escrituras”, disse um, “por seu uso eloquente da língua inglesa e precisão.” 

Um segundo ministro declarou que nenhuma Bíblia poderia se igualar ao New American Standard por sua fidelidade ao texto original grego e hebraico. 

“Pode ser”, disse o terceiro, “mas prefiro a Nova Versão Internacional por sua linguagem contemporânea e fácil leitura.” 

Houve um período de silêncio pensativo, e então o quarto ministro disse:

“Gosto mais da tradução de minha mãe”. 

Foi com certa surpresa que os outros disseram: “Não sabíamos que sua mãe havia traduzido a Bíblia.” 

“Sim, ela fez”, respondeu ele. “

Frase de C.H. Spurgeon

“A vida de um homem é sempre mais vigorosa do que sua palavra; quando os homens o avaliam, consideram seus atos como libras e suas palavras como moedas de um centavo. Se sua vida e sua doutrina discordam, a massa de espectadores aceita sua prática e rejeita sua pregação” C.H Spurgeon.

CONCLUSÃO

Lóide e Eunice tinham uma fé influente porque era uma fé genuína, livre de hipocrisia e comunicada por palavras e ações.

Autor: Jerry Flury

baixar pdf biblioteca do pregador

SERMÃO EXPOSITIVO SOBRE LÓIDE E EUNICE EM PDF

Loide-e-Eunice-mulheres-de-fe.pdf (37 downloads)

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.