Cura para ansiedade Sermão em Mateus 6: 25-34

Sermão expositivo sobre ansiedade em Mateus 6: 25-34 com o tema: Cura para ansiedade. Esboço de Pregação Expositiva com o propósito de dar aos crentes um remédio para as preocupações e a cura da ansiedade.

Título: Cura para ansiedade

Texto: Mateus 6: 25-34

Introdução:

Existem tantas doenças e enfermidades no mundo para as quais não há cura, até o ponto de colocar uma pessoa em um calabouço de depressão. 

Doenças como o câncer e a AIDS que não têm cura e causam feridas e dores ao sofredor e àqueles que se relacionam com os portadores dessas doenças e enfermidades. 

Um assassino silencioso hoje é a preocupação. 

A preocupação é uma doença temida. 

Alguns de nós hoje temos os sintomas e sinais desta temida doença:

Queda de cabelo; Úlceras agudas; Não consegue dormir à noite (quando foi a última vez que você teve uma boa noite de sono?)

Sempre no limite, a menor coisa nos frustra, esses são sintomas. 

Alguns estão preocupados com: finanças, doença… eu tenho isso ou aquilo, terei trabalho amanhã, meu filho vai crescer um dia, como vou pagar minha conta, meu carro será roubado hoje… algumas pessoas não consigo nem dormir por causa da preocupação. 

Será que você tem a doença da preocupação?

Foi diagnosticado e identificado. 

Aqui está o prognóstico, resultado da doença… existem algumas coisas sobre a preocupação e o que ela pode e fará por você:

  • (v.25) impede você de aproveitar o que tem; 
  • (v.26) faz você esquecer o seu valor; 
  • (v.27) a preocupação é completamente inútil; 
  • (vs.30-31) apaga as promessas de Deus de sua mente; 
  • (v.32a) é característico dos incrédulos, não dos cristãos. 

Agora que identificamos os sintomas, a própria doença, o diagnóstico… tenha essas atitudes:

I. Confie em Deus (Mateus 6:32b)

A) Confiar em Deus é mais do que palavras vazias… é uma dependência total de Deus (Pv. 3: 5-6).

“Confia no Senhor de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento, reconhece-o em todos os teus caminhos e Ele dirigirá o teu caminho.”

B) Deus sabe do que você precisa (Fp 4:19).

“E o meu Deus suprirá todas as vossas necessidades de acordo com as suas riquezas na glória em Cristo Jesus.”

II. Busque a Deus primeiro (Mateus 6:33a)

A) Trata-se de prioridade (Mateus 6:24).

“Ninguém pode servir a dois senhores: porque ou há de odiar um e amar o outro; ou então se apegará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom“.

Observe que Jesus disse que não podemos servir a Deus e ao dinheiro. 

Ele não disse: não deveria ou não tentaria, mas, ele disse “não podereis”

Jesus nos ensina que valores concorrentes não podem coexistir. Um vai sobrepujar o outro.

B) Busque primeiro o Reino de Deus.

Busque o reinado e o governo do Reino de Deus.

Você não pode ter um reino sem um rei, portanto, busque a vontade do rei. 

Procure o rei!

Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto…” (Isaías 55: 6).

“Se vós então ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à direita de Deus” (Colossenses 3: 1-2).

Coloque seu coração nas coisas do alto, não nas coisas da terra.

A mensagem traduz assim: Então, se você está realmente decidido a viver esta nova vida de ressurreição com Cristo, aja como tal. 

Busque as coisas que Cristo prioriza. 

Não ande arrastando os pés, olhos no chão, absorvido com as coisas bem na sua frente. 

Olhe para cima e fique atento em Cristo!

Veja as coisas da perspectiva dele.

III. Busque a justiça de Deus (Mateus 6:33b)

A) Busque a Justiça.

Deseje o que é certo. 

“Abandone o ímpio o seu caminho, e o ímpio os seus pensamentos; e volte-se para o Senhor, e se compadecerá dele; e ao nosso Deus, porque ele perdoará abundantemente” (Isaías 55: 7).

Conclusão (Mateus 6:33c)

“Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas“.

Todas estas coisas vos serão acrescentadas no tempo de Deus.

Autor: Timothy Brown

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.