Chamados para ser santos 1 Coríntios 1: 1-3

Sermão Expositivo em 1 Coríntios 1: 1-3 com o tema: Chamados para ser santos. Esboço de Sermão Expositivo sobre a chamada de Deus para nossas vidas.

TEMA: CHAMADOS PARA SER SANTOS

TEXTO: 1 Coríntios 1:1-3

“PAULO (chamado apóstolo de Jesus Cristo, pela vontade de Deus), e o irmão Sóstenes, à igreja de Deus que está em Corinto, aos santificados em Cristo Jesus, chamados santos, com todos os que em todo o lugar invocam o nome de nosso SENHOR Jesus Cristo, Senhor deles e nosso: Graça e paz da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo”.

INTRODUÇÃO

Nos versículos 1 e 2 deste capítulo, a palavra “chamado” é usado três vezes. Santificados pode também significar chamado ou então, separado.

É uma palavra muito comum no Novo Testamento. Veja então:

Quando recebemos uma responsabilidade, oportunidade ou honra, podemos recebê-la de três maneiras: uma necessidade, uma ordem ou um convite. 

Dessa forma, podemos ser “chamados” a realizar algo de qualquer uma dessas maneiras.

No original, “chamado” implica mais um convite do que um comando. Ou seja, o chamado de Deus é um convite gracioso.

Somos chamados “a ser santos”. Isso significa que somos santos por convite ou chamado.

Não adquirimos ou assumimos isso de nós mesmos, mas, vem pela graça de Deus.

Um santo é simplesmente um crente. Isso se aplica a todos aqueles que buscam a salvação em Jesus. 

O significado da raiz da palavra carrega a ideia de ser separado para o serviço de Deus. 

Significa, portanto, que somos chamados a pertencer a ele.

Pois, se Deus nos chamou para pertencer a Ele, devemos considerar isso como um chamado muito importante. 

Por isso Paulo chama isso de “soberana vocação de Deus.”

Veremos então, três perguntas que devem ser feitas sobre este chamado:

I. Por quem somos chamados?

A. Por Jesus (Mateus 11: 28-30)

1. Enquanto éramos pecadores (Mateus 9: 10-13).

2. Passou Sua vida chamando e morreu para que a chamada pudesse chegar a todos os homens.

3. Seus são o exemplo, a revelação, a expiação, a vitória, o testemunho, o convite que nos chama a Deus.

B. Pelo espírito santo e pela Igreja (Apocalipse 22:17)

1. O Apocalipse depois de mostrar toda a glória reservada para o povo de Deus, termina com este convite.

2. O Espírito Santo participa do trabalho. 

Não precisamos confiar em nossa própria força.

3. No entanto, não devemos minimizar o papel de “a Noiva”.

C. Por meio do Evangelho (2 Tessalonicenses 2:14)

1. Um exemplo: Atos 8:12. 

As pessoas respondem ao Evangelho.

2. “Boas notícias” é atraente.

3. A Noiva, capacitada pelo Espírito Santo, continua a obra de Jesus usando a mensagem de Jesus para chamar os homens à santidade, assim como nos tempos do Novo Testamento.

II. Para o que somos chamados?

A. Justificação (Romanos 8: 28-30)

1. Deus sabia de antemão quem aceitaria a Cristo e determinou que eles fossem conforme à Sua imagem.

2. Tendo determinado isso, ele fez um apelo a todos os que viessem a Cristo com fé.

3. Quando respondemos ao seu chamado, somos tratados como se não tivéssemos pecado (justificado) e, eventualmente, compartilhamos sua glória.

4. Seu chamado é para justificação e glória.

B. Comunhão com Cristo (1 Coríntios 1: 9)

1. Somos membros da família de Deus.

2. Companheiros cidadãos do Reino com Jesus.

3. Deus é fiel. 

Portanto, essa comunhão é para a eternidade.

C. Conflito (Judas 1-3)

1. “Contender” significa entrar em conflito.

2. “Contenda fervorosamente” indica luta intensa.

3. Se lutarmos fervorosamente pela fé, teremos menos tempo para outras contendas.

4. Contender sinceramente pode ser apenas convidar alguém para a Igreja. 

Mas, os resultados podem ser surpreendentes.

III. Como devemos responder ao chamado?

A. Respostas típicas vistas na parábola de Jesus (Mateus 22: 1-14)

1. Convites recusados ​​pela maioria.

2. Aceitou-se, mas falhou em viver de acordo com as condições.

3. Muitos chamados, poucos escolhidos. 

Portanto, a escolha é feita com base na disposição de atender ao chamado.

B. Certifique-se de convocação e eleição (2 Pedro 1:10)

1. Alcançado através do crescimento.

2. O cristão nunca deve estar satisfeito com sua maturidade.

C. Viva uma vida digna (1 Pedro 1:15)

1. Deus nos chamou para ser como ele e nos mostrou em Jesus o que Ele espera.

2. Ele “julga de acordo com as obras de cada um”.

3. Não podemos mentir, roubar, ser rudes etc., porque aquele que nos chamou espera melhor de nós.

CONCLUSÃO

  • Às vezes ouvimos alguém “perder sua chamada“. 
  • Um chamado sai de Deus para cada um de nós. 
  • Não devemos perdê-lo e nem o rejeitar. 

Portanto, análise e ouça o chamado de Deus para uma vida mais elevada.

Autor: Charles Salmon

Curso pregador de qualidade-biblioteca do pregador

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.