Sermão sobre a Cruz: O Desafio da Cruz

Esboço de Sermão sobre a Cruz com o tema: O Desafio da Cruz, baseado no texto de Mateus 16:24-15. Esboço de pregação sobre o desafio da Cruz.

TÍTULO deste Sermão: O Desafio da Cruz

TEXTO Sermão sobre a Cruz: Mateus 16: 24-25

“24 Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me;

25 Porque aquele que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á.”

PROPOSTA:

Estudaremos o desafio da cruz a Cristo, ao cristão e à Igreja.

OBJETIVOS: 

O ouvinte deve ser capaz de explicar os desafios que o Cristo enfrentou enquanto ele estava na terra, perceber e aplicar como esses desafios que Ele enfrentou se relacionam com nossa caminhada de fé hoje e mostrar o relacionamento subsequente entre o cristão e a igreja: como um cristão fiel sempre se preocupará com a igreja e seu trabalho.

Com esta lição, espero aumentar a determinação de cada membro de imitar a Cristo e de se preocupar com o bem-estar da igreja.

INTRODUÇÃO deste Sermão sobre a Cruz:

A. Sobre o texto:

1) Mateus 6:33 “Mas buscai primeiro…”

2) Devemos, antes de mais nada, dedicar-nos a Cristo e imitar sua vida.

Vejamos então, o desafio da Cruz para

I. O CRISTO – O DESAFIO DE PROVER A SALVAÇÃO DO HOMEM.

A. O desafio de deixar o céu.

1) João 1: 1 – define o que significa estar em igualdade com Deus:
  • Ele estava com Deus; 
  • Era Deus; 
  • Todas as coisas feitas por ele;
  • Uma imagem de igualdade absoluta.
2) Filipenses 2: 5 – não considerava a igualdade com Deus uma coisa a ser alcançada.
3) Veja Colossenses 1:15-16 que diz:

15 O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação 16 Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele”.

4) Em Colossenses 2: 9 está escrito:

“Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da Divindade.”

B. O desafio de viver como homem.

1) Tentação nas mãos de Satanás. Veja Hebreus 2:18

“Porque naquilo que ele mesmo, sendo tentado, padeceu, pode socorrer aos que são tentados.”

Veja Hebreus 4:15 que diz:

“Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém, um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado.”

2) Pobreza. Ele poderia ter vindo como um rei ou príncipe… Veja Mateus 8:20 que diz:

“E disse Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu têm ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça.”

3) Ele teve que lidar com sua própria morte. Veja em Lucas 22: 42-44 que diz:

42 Dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua. 43 E apareceu-lhe um anjo do céu, que o fortalecia.

44 E, posto em agonia, orava mais intensamente. E o seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue, que corriam até ao chão.”

C. O desafio de morrer como filho de Deus.

1) A rejeição pelos Seus. Em Mateus 26:56 está escrito:

“Mas tudo isto aconteceu para que se cumpram as escrituras dos profetas. Então, todos os discípulos, deixando-o, fugiram.”

2) A “rejeição” de seu Pai. Veja Marcos 15:34 onde diz:

“E, à hora nona, Jesus exclamou com grande voz, dizendo: Eloí, Eloí, lamá sabactâni? que, traduzido, é: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?” (Marcos 15:34).

3) A rejeição do Seu poder. Mateus 26:53 vai dizer:

“Ou pensas tu que eu não poderia agora orar a meu Pai, e que ele não me daria mais de doze legiões de anjos?”

  • Um anjo feriu 70.000 em 2 Samuel 24:15.
  • Um anjo feriu 185.000 assírios em 2 Reis 19:35;
  • E um anjo fechou a boca de uma cova de leões em Daniel 6:22.

II. O CRISTÃO – O DESAFIO DA IMITAÇÃO DE CRISTO

A. O Desafio da Obediência. A verdadeira obediência é uma coisa difícil. Devemos ser obedientes como o Cristo foi obediente.

1) Em Hebreus 5: 8- 9 está escrito:

8 Ainda que era Filho, aprendeu a obediência, por aquilo que padeceu. 9 E, sendo ele consumado, veio a ser a causa da eterna salvação para todos os que lhe obedecem“.

2) 2 Coríntios 10: 5

“Destruindo os conselhos, e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo o entendimento à obediência de Cristo“.

3) 1 João 5: 3

“Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são pesados.”

B. O Desafio da Humildade – Devemos ser humildes como o Cristo foi humilde.

1) Filipenses 2: 5

“De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus”.

2) Mateus 18: 4

“Portanto, aquele que se tornar humilde como este menino, esse é o maior no reino dos céus.”

3) 1 Pedro 5: 6

Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte”.

B. O Desafio da Fidelidade – Devemos ser fiéis como Cristo foi fiel.

1) A fidelidade é como uma caminhada – 2 Coríntios 5: 7

“Porque andamos por fé, e não por vista”.

2) A fidelidade é como uma corrida – Hebreus 12: 1, 2

1 PORTANTO nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta,

2 Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus.”

3) A fidelidade pode envolver a morte – Apocalipse 2:10

“Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.”

III. A IGREJA – O DESAFIO DE SER A NOIVA DE CRISTO

A. O desafio da pureza.

1) O amor de Cristo pela igreja exige que ela seja mantida pura – (Efésios 5: 25-27).
2) Pureza Moral – 1 Tessalonicenses 4: 3-7. A igreja e todos os membros devem ser moralmente puros.
3) Pureza Doutrinária – 2 Timóteo 1:13

B. O Desafio da Unidade

1) Efésios 4: 1-6
2) 1 Coríntios 12: 13-20

C. O desafio da estabilidade

1) 1 Timóteo 3:15

CONCLUSÃO deste Sermão sobre a Cruz:

A. Cada um de nós tem um desafio diante de nós esta manhã.

1) O desafio do Cristo.

2) O desafio do cristão.

3) O desafio da Igreja.

4) Essas três coisas constituem o desafio da cruz.

5) Mateus 16:24, 25.

“Disse então Jesus aos seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me. Pois todo aquele que quiser salvar a sua vida, a perderá; e todo aquele que perder a sua vida por minha causa, a encontrará.”

B. Apelo

1) Para Cristão

a. Você aceitará o desafio da cruz hoje?

2) Para não-cristãos

a. Ouvir

b. Acreditar

c. Arrepender-se

d. Confessar

e. Ser batizado.

ESBOÇOS DE PREGAÇÃO RODAPÉ 1

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.

Conheça a Poderosa Ferramenta que te ajudará a Entender a Bíblia de Forma Profunda!