Cinco pães e dois peixinhos: Quando Deus usa o que temos

Esboço de pregação sobre a multiplicação dos cinco pães e dois peixinhos em Mateus 14:19 com o tema: Quando Deus usa o que temos.

Título: Quando Deus usa o que temos

Versículo base do sermão: Mateus 14:19

“Então Jesus ordenou que as multidões se assentassem na grama. Tomou os cinco pães e os dois peixes, ergueu os olhos para o céu e deu graças. Em seguida, partiu os pães e os entregou aos discípulos, e estes os distribuíram ao povo.”

Introdução desta pregação:

A Bíblia diz que Jesus se retira para um lugar deserto após a morte de João Batista. Uma grande multidão, porém, o segue, movida pela fé e pela esperança de ouvir seus ensinamentos e receber cura. Ao vê-los, Jesus se compadece e cura os enfermos.

Ao cair da tarde, os discípulos se aproximam e sugerem que Jesus envie a multidão embora, pois não há comida suficiente para alimentá-los. É nesse momento que Jesus desafia seus discípulos e pede que tragam o que tiverem: “Cinco pães e dois peixes”, diz um dos discípulos, reconhecendo a escassez dos recursos.

Quantas vezes nos sentimos inadequados diante dos desafios que enfrentamos na vida? Muitas vezes, somos tentados a pensar que não temos o suficiente para fazer a diferença.

No entanto, a história registrada em Mateus 14:13-21 nos ensina que Deus é capaz de usar o que temos, por mais limitado que pareça, para realizar grandes milagres.

Hoje, neta pregação, vamos explorar como Deus usa o que temos quando colocamos nas Suas mãos.

I. Reconhecendo Nossa Limitação (Mateus 14:13-17)

  • Na história da multiplicação dos pães e peixes, os discípulos de Jesus perceberam sua própria limitação diante da multidão faminta.
  • Eles tinham apenas cinco pães e dois peixes, o que parecia ser insuficiente para alimentar uma multidão tão grande.
  • Muitas vezes, também nos sentimos limitados pelos recursos que temos em mãos, seja financeiros, habilidades ou tempo.

II. Entregando o Pouco que Temos a Deus (Mateus 14:18-19)

  • Apesar de sua limitação, os discípulos trouxeram o pouco que tinham a Jesus.
  • Eles colocaram os cinco pães e dois peixes nas mãos de Jesus, reconhecendo Sua capacidade de multiplicar o que era insuficiente aos olhos humanos.
  • Da mesma forma, quando colocamos o que temos nas mãos de Deus, Ele é capaz de transformar nossa insuficiência em abundância.

III. Testemunhando o Milagre da Multiplicação (Mateus 14:20-21)

  • Jesus tomou os pães e peixes, abençoou-os e distribuiu-os à multidão.
  • Todos comeram e ficaram satisfeitos, e ainda sobraram doze cestos cheios de pedaços que sobraram.
  • Este milagre demonstra o poder e a generosidade de Deus em multiplicar o que entregamos a Ele.

IV. Lições Para Nossas Vidas

  • Devemos reconhecer nossa limitação, mas não permitir que ela nos impeça de agir.
  • Ao invés de nos focarmos em nossas próprias limitações, devemos confiar em Deus e entregar o pouco que temos em Suas mãos.
  • Quando confiamos em Deus e O obedecemos, Ele é capaz de usar o que temos para realizar grandes milagres em nossas vidas e na vida daqueles ao nosso redor.

Conclusão do sermão:

Quando nos encontramos diante de situações onde nos sentimos incapazes e limitados, lembremo-nos da história da multiplicação dos pães e peixes.

Você pode usar sua fé para entregar o pouco que temos nas mãos de Deus, confiando em Sua capacidade de multiplicar e suprir nossas necessidades.

Irmãos, que Ele nos capacite a ser instrumentos de Seu poder e graça neste mundo, usando o que temos para fazer uma diferença duradoura para Sua glória.

Se você gostou deste sermão sobre cinco pães e dois peixinhos, então veja mais esboços de pregação aqui.

Veja também:

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você precisa desativar o Adblock para continuar navegando em nosso site!