ILUSTRAÇÕES PARA PREGAÇÃO

As ilustrações para pregação tem um grande poder de ganhar e manter a atenção dos ouvintes.

ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

O ouvinte moderno aprende por meio de histórias, que iluminam as idéias e as tornam visíveis.

Em todos os tempos, as pessoas sempre aprenderam com ilustrações.

E os ouvintes de hoje se tornaram mais exigentes ainda.

Com tantas opções disputando sua atenção, eles simplesmente a sintonizam naquilo que é então mais ilustrado e mais visível.

PREGAÇÃO NOVO TESTAMENTO

Cristo conhecia esse princípio muito bem.

É por isso que suas mensagens são riquíssimas em ilustrações e parábolas.

Frequentemente Ele dizia:

“Olhai as aves…”, “Observai os lírios …”

Em outras palavras, as pregações podem ser claras e luminosas ou escuras e sombrias.

A diferença está num único fator: o uso ou não de ilustrações.

Quanto mais e melhores ilustrações, maior quantidade de luz é lançada dentro da pregação, tornando-a “visível” em vez de apenas audível.

Na era do vídeo e do computador, as pessoas não aceitam mais aprender sem ver.

E o pregador precisa então usar boas ilustrações para que as pessoas possam “ver” a pregação, e não apenas ouvi-la.

O pregador que não usa ilustrações em sua pregação, prega no escuro, e o efeito da pregação será então empobrecido por falta de luz.

Os psicólogos informam que adquirimos o conhecimento por meio dos cinco sentidos, aproximadamente nas seguintes proporções:

O PODER DAS ILUSTRAÇÕES

Diante disso, quanto mais visível se tornar a pregação, e assim usar ilustrações, mais ela será um veículo eficiente para a transmissão de conhecimentos.

Vale a pena, portanto iluminar a pregação com boas ilustrações.

A NECESSIDADE DAS ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

O PODER DAS ILUSTRAÇÕES PARA PREGAÇÃO

É fácil perceber que existe uma crescente onda de desinteresse e insatisfação invadindo as igrejas em geral.

Mais e mais jovens e adultos parecem descontentes com o estilo abstrato e cansativo de muitas pregações.

Vários estudos têm sido feitos para entender qual a causa de tanto desinteresse.

Uma pesquisa feita por Clyde Reid, que entrevistou diferentes profissionais religiosos acerca das causas dessa apatia, apresenta então a seguinte conclusão do estudo:

PORQUE É PRECISO ILUSTRAÇÕES

Outro estudo feito por Reuel Howe com pessoas leigas chegou a uma conclusão bem semelhante:

MOTIVO DE USAR ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

Parece haver um sentimento geral de que muitas pregações não têm nenhuma conexão com a vida real.

Comentando sobre o valor das ilustrações na pregação, Chapell menciona que vivemos numa época de aprendizagem visual.

O adulto que passa cerca de cinquenta horas por ano num banco de igreja, geralmente gasta em média duas mil horas assistindo à televisão.

Alguns estudos estimam que a maioria das crianças gastará mais tempo assistindo à TV antes de entrar na escola do que escutando orientação do pai durante a vida inteira.

Isso tudo sem falar na influência de filmes, vídeo games, e Internet.

Portanto, a conclusão é óbvia:

Vivemos na era da ilustração, uma época em que as pessoas pensam através de imagens.

É aí que entra a necessidade de ilustrações na pregação para torna-las mais vivas e reais.

SAIBA COMO GANHAR UMA COLETÂNEA DE ILUSTRAÇÕES PARA USAR NA PREGAÇÃO

ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

O EFEITO DAS ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

As ilustrações iluminam porque transformam a pregação, multiplicando muito o seu efeito positivo.

Veja os principais efeitos do uso de ilustrações na pregação:

1. MOTIVA O INTERESSE

ILUSTRAÇÕES DESPERTA INTERESSE NA PREGAÇÃO

A capacidade de atenção do ouvinte é limitada.

Ninguém consegue concentrar-se por muito tempo numa linha de raciocínio.

As ilustrações na pregação dão uma espécie de descanso mental para que o ouvinte seja motivado a permanecer concentrado e atento.

Ela também desafia a mente do ouvinte a entender o assunto, porque liga a mensagem a algo que ele gosta.

2. CONFERE CLAREZA

Por tornar a pregação visível, as ilustrações dão-lhe clareza ao formar uma imagem mental do assunto.

Os pontos difíceis tornam-se simples e fáceis de ser entendidos.

3. CONFERE FORÇA E BELEZA

CLAREZA E FORÇA NA PREGAÇÃO

Muitas vezes, as ilustrações são as únicas partes da pregação que se guarda na memória.

Porque elas reforçam as idéias dela.

Então, se forem boas, as ilustrações resumem em si o principal conteúdo da pregação.

4. AMPLIA A IDEIA

ILUSTRAÇÃO DO SERMÃO

Um quadro visual inclui mais idéias do que o que pode ser expresso em palavras, como diz o provérbio:

“Um quadro vale por mil palavras”.

5. CONFERE EMOÇÃO NA PREGAÇÃO

ILUSTRAÇÃO DO SERMÃO EMOÇÃO

O argumento tem lógica, as ilustrações tem emoção.

A lógica convence, a emoção conquista na pregação.

Sendo assim, a ilustração prepara o caminho para a persuasão.

Deixando então o ouvinte sensível à força e à lógica das idéias e dos argumentos.

FONTE DE ILUSTRAÇÕES PARA PREGAÇÃO

As ilustrações para a pregação não surgem de improviso ou num passe de mágica.

Mas é preciso cultivar o hábito de colecioná-las.

Aliás, colecionar é bem melhor do que simplesmente copiar de livros, alguns dos quais já tão conhecidos que perdem a novidade.

Vejamos então algumas maneiras de colecionar ilustrações:

1. A OBSERVAÇÃO

PROCURANDO ILUSTRAÇÃO BÍBLICA

Os fatos da vida real oferecem as ilustrações mais interessantes, porque sempre estarão relacionadas com o que é comum ao ouvintes.

Aliás, era a observação que tanto enriquecia as mensagens de Jesus, pois ele estava sempre observando as flores, os pássaros, as ovelhas, a dona de casa, os pastores, o semeador e assim por diante.

É por isso que suas mensagens têm sabor realista até hoje.

2. A NATUREZA

ILUSTRAR NAS PREGAÇÕES

Cristo usava a videira, os lírios, as aves, a semente e a figueira.

O pregador moderno também pode enriquecer suas pregações conhecendo e explorando os fenômenos da natureza.

Como, por exemplo, a migração dos pássaros, a astronomia, a operosidade das formigas e a engenhosidade das abelhas.

3. A EXPERIÊNCIA PESSOAL

ILUSTRAÇÃO DA EXPERIÊNCIA DO DIA A DIA

Alguns têm facilidade de colecionar suas experiências.

Mas para quem não tem, é possível desenvolver essa habilidade.

Sempre que vivenciar ou recordar um fato significativo de sua vida, tenha o costume de anotar, porque uma hora ou outra servirá.

Você pode escrever na agenda ou em qualquer papel, mas tenha um lugar para guardar o que anotou.

4. A EXPERIÊNCIA DA IGREJA

EXPERIÊNCIAS NA IGREJA

Fatos e incidentes extraídos da experiência dos ouvintes são uma grande fonte de ilustrações.

Mas tenha cuidado para não perder a confiança dos ouvintes.

Jamais mencione fatos sigilosos ou íntimos, nem mesmo ocultando o nome das personagens.

Os ouvintes se conhecem entre si e não querem que seus problemas sejam comentados publicamente, para não correrem o risco de ser identificados.

5. A BÍBLIA

ILUSTRAÇÕES NA BÍBLIA

“As melhores ilustrações para o Novo Testamento estão no Antigo Testamento” e vice-versa!

As parábolas, os milagres e as narrativas da Bíblia são ilustrações riquíssimas.

Basta apresentá-los de maneira atraente.

Também há na Bíblia histórias pouco conhecidas, que serão novidade para muitos.

ACESSE AQUI ILUSTRAÇÕES PARA ENRIQUECER SUA PREGAÇÃO.

ILUSTRAÇÃO: UM BÊBADO NA IGREJA

ILUSTRAÇÃO: OS CAMINHOS DA MORTE

ILUSTRAÇÃO: FIDELIDADE

CONTRASTES ILUSTRAÇÃO

ILUSTRAÇÃO: quadros de Navios

CARACTERÍSTICAS DE BOAS ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

CARACTERÍSTICA DE UMA BOA ILUSTRAÇÃO NA PREGAÇÃO

Para ser eficiente, a ilustração precisa seguir uma linha equilibrada e conservar certas características básicas.

Vamos registrar então algumas dessas qualidades:

ILUSTRAÇÕES APROPRIADAS PARA PREGAÇÃO

Um pré-requisito para uma boa ilustração é a harmonia com o assunto apresentado.

Caso contrário não terá sentido utilizá-la.

Às vezes uma ilustração é tão bonita que o pregador deseja utilizá-la mesmo fora de sintonia com o tema.

Isso não ilustra nada, ou seja, a ilustração torna-se um fim em si mesma e, na prática, perde a razão de ser.

Como dizia Grady Davis, ilustrar é um verbo transitivo, isto é, quem ilustra tem de ilustrar alguma coisa.

Pois, não se pode simplesmente ilustrar nada.

PARA QUE VOCÊ POSSA USAR TAMBÉM ILUSTRAÇÕES NA SUA PREGAÇÃO, BAIXE UMA COLETÂNEA GRATUITO.

Ilustrações-Selecionadas.pdf (492 downloads)

ILUSTRAÇÕES CLARAS NA PREGAÇÃO

Se sua função é esclarecer, a ilustração tem de ser clara e então lançar luz sobre a pregação.

Evite o uso de dados complexos ou a menção de detalhes insignificantes e irrelevantes.

O grande desafio no uso de histórias é saber selecionar os fatos que atingem um objetivo específico.

Alguns pregadores têm dificuldade com esse ponto porque querem relatar detalhes sem relevância, que desviam a atenção do objetivo principal.

USE ILUSTRAÇÕES BREVES NA PREGAÇÃO

As ilustrações não devem ser a maior parte da pregação.

Em casos muito especiais, porém, o uso de uma ilustração mais longa pode ser apropriado de acordo com a ocasião.

Essa regra pode ser flexível dependendo da experiência do pregador.

Em alguns casos, histórias de profundo impacto espiritual podem até ser usadas como o corpo e a base de um sermão inteiro.

Nesse caso, é importante que a história tenha um foco único e esteja relacionada a um texto bíblico como fonte da mensagem.

TIPOS DE ILUSTRAÇÕES PARA PREGAÇÃO

TIPOS DE ILUSTRAÇÕES NA PREGAÇÃO

Embora as histórias sejam o tipo mais usado de ilustrações na pregação, a história é apenas um tipo de ilustração.

O uso de inúmeros recursos literários pode constituir pequenas e poderosas ilustrações espalhadas ao longo do texto da pregação.

Vejamos, portanto, alguns desses tipos de ilustrações.

FIGURAS DE LINGUAGEM

Por incrível que pareça, uma simples figura de linguagem, funciona como uma ilustração que pode iluminar e fazer brilhar uma ideia ou uma parte da pregação.

Aliás, qualquer tipo de ilustração desempenha na pregação o mesmo papel que a figura de linguagem numa frase.

O processo é o mesmo: clarear e embelezar.

E a grande maioria das ilustrações utiliza o efeito de basicamente três tipos de figura de linguagem:

Símile, metáfora e sinédoque, que são, portanto, os três tipos básicos de ilustrações para pregação.

GOSTA DE LER, ENTÃO VEJA TAMBÉM:

BIBLIOGRAFIAS E EXEMPLOS HUMANOS

As pessoas se identificam com pessoas, aprendem com outras pessoas e gostam de saber sobre a vida de outras pessoas.

Aliás, é por isso que a vida alheia cria tanto problema de relacionamento, porque muitos gostam de vasculhar a vida particular dos outros.

Mas é por isso também que essa tendência humana pode ser usada como um poderoso recurso de ilustrações para pregação.

Se você quer conquistar a atenção imediata de alguém, comece a falar sobre alguém!

A mente humana tende mais a concentrar-se em coisas e pessoas do que em idéias menos concretas.

Por isso que as ilustrações que falam de coisas e pessoas fazem um efeito extraordinário na iluminação das idéias na pregação.

Já que a grande maioria das mentes é menos predisposta a raciocínios abstratos.

Essa é uma das muitas razões pelas quais as biografias e exemplos humanos têm tanto peso e interesse como ilustração.

O uso de fatos biográficos de personagens históricos ou bíblicos é um poderoso recurso de ilustração.

E a história humana oferece um número infinito de opções.

A vida de governantes como Nelson Mandela, compositores como Bethoven, inventores como Thomas Edison, filantropos como Madre Teresa, e tantos outros são fontes de ilustrações.

Falar de gente inspira sonhos e ideais.

Mexe com aquilo que as pessoas estão vivendo no dia-a-dia, com o que estão pensando, falando e fazendo, assuntos com que elas se identificam de uma maneira ou de outra.

Veja aqui mais ilustrações para pregação.

💙 Como agradecer? Compartilhe a palavra com mais alguém!

3 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  1. Olá eu me chamo : Marcelino e estou muito feliz por conhecer esse riquíssimo conteúdo muito bom obrigado a todos os involvidos que Deus continue abençoando a todos parabéns pela inovação .

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.