7 Exemplos de Adoradores no Antigo Testamento

Desde a criação, o Senhor está à procura dos verdadeiros adoradores, ou seja, pessoas que o honrem, que o amem e pratiquem seus ensinamentos. Mas será que encontramos adoradores na Bíblia, ou para ser mais seletivo, no Antigo Testamento que podem servir como modelo?

Veremos então, alguns exemplos de adoradores e suas adorações no Antigo Testamento.

Aqui estão os 7 Exemplos de Adoradores no Antigo Testamento:

1. Abraão

E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e havendo adorado, tornaremos a vós.

(Gênesis 22:5)

Um dos mais significativos exemplos bíblicos de adoração é a entrega que Abraão fez a Deus de seu filho Isaque.

Por mais que não houve sacrifício, Deus recebeu a atitude do coração de Abrão, que para o Senhor foi como ele tivesse sacrificado o filho.

2. Eliezer

Então inclinou-se aquele homem e adorou ao SENHOR

(Gênesis 24:26)

Abraão havia mandado seu servo Eliezer buscar uma esposa para seu filho Isaque. Como a missão foi bem-sucedida e Deus guiou o servo até encontrar Rebeca, Eliezer adora a Deus por isso. Veja:

“E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de meu senhor Abraão, que não retirou a sua benevolência e a sua verdade de meu senhor; quanto a mim, o SENHOR me guiou no caminho à casa dos irmãos de meu senhor.” (Gênesis 24:27).

3. Jó

Então Jó se levantou, e rasgou o seu manto, e rapou a sua cabeça, e se lançou em terra, e adorou. (Jó 1:20)

A adoração de Jó é sem dúvidas, uma das mais profundas expressões da Bíblia de fidelidade a Deus. Após receber uma sequência de notícias ruins, ele não reclama, ao invés disso, ele adora ao Senhor de todo seu coração.

“E disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o SENHOR o deu, e o SENHOR o tomou: bendito seja o nome do SENHOR. Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma.” (Jó 1:21-22).

Que belo exemplo de adorador no Antigo Testamento. não adora a Deus apenas por aquilo que Ele dá, mas por aquilo que Ele é.

4. Josué

E disse ele: Não, mas venho agora como príncipe do exército do SENHOR. Então Josué se prostrou com o seu rosto em terra e o adorou, e disse-lhe: Que diz meu senhor ao seu servo?

(Josué 5:14)

Esse relato acontece após o maná cessar, quando então, aprece um homem com uma espada na mão e Josué pergunta a ele quem era.

“E cessou o maná no dia seguinte, depois que comeram do fruto da terra, e os filhos de Israel não tiveram mais maná; porém, no mesmo ano comeram dos frutos da terra de Canaã. E sucedeu que, estando Josué perto de Jericó, levantou os seus olhos e olhoueis que se pôs em pé diante dele um homem que tinha na mão uma espada nua; e chegou-se Josué a ele, e disse-lhe: És tu dos nossos, ou dos nossos inimigos?” (Josué 5:12-13)

Essa passagem também é conhecida pelo que o príncipe do exército do Senhor falou: “Então disse o príncipe do exército do SENHOR a Josué: Descalça os sapatos de teus pés, porque o lugar em que estás é santo. E fez Josué assim.”

5. Ana

Por isso também ao SENHOR eu o entreguei, por todos os dias que viver, pois ao SENHOR foi pedido. E adorou ali ao SENHOR.

(1 Samuel 1:28)

Essa é a adoração de uma mulher, Ana, que havia pedido a Deus um filho. Então, após Deus lhe dar o filho Samuel, Ana recorda: “Por este menino orava eu; e o SENHOR atendeu à minha petição, que eu lhe tinha feito.”

E com o coração grato, Ana adora ao Senhor por ter respondido suas orações e realizado seu desejo.

6. Davi

Então Davi se levantou da terra, e se lavou, e se ungiu, e mudou de roupas, e entrou na casa do SENHOR, e adorou. Então foi à sua casa, e pediu pão; e lhe puseram pão, e comeu.

(2 Samuel 12:20)

Essa não é uma adoração muito alegre, mas traz alegria ao coração arrependido e aquebrantado que aprendeu a se contentar com o que Deus dá ou faz.

Após ser corrigido pelo profeta de Deus, Davi se arrepende do pecado, mas as consequências vieram e, o filho com Bate-Seba morre.

A atitude de Davi adorar a Deus com a criança morta, chama atenção até dos seus servos que via o que fazia o rei. Veja:

“E disseram-lhe seus servos: Que é isto que fizeste? Pela criança viva jejuaste e choraste; porém depois que morreu a criança te levantaste e comeste pão. E disse ele: Vivendo ainda a criança, jejuei e chorei, porque dizia: Quem sabe se DEUS se compadecerá de mim, e viverá a criança?” (2 Samuel 12:21-22).

E, o que Davi vai falar posteriormente, revela seu verdadeiro arrependimento: “Porém, agora que está morta, porque jejuaria eu? Poderei eu fazê-la voltar? Eu irei a ela, porém ela não voltará para mim.”

Esse é, portanto, mais um dos exemplos de verdadeiros adoradores no Antigo Testamento.

7. Esdras e os Filhos de Israel

E Esdras louvou ao SENHOR, o grande Deus; e todo o povo respondeu: Amém, Amém! levantando as suas mãos; e inclinaram suas cabeças, e adoraram ao SENHOR, com os rostos em terra.

(Neemias 8:6)

Aqui vamos falar não de um adorador apenas, mas de muitos. Isso aconteceu quando Esdras abriu o livro perante a vista de todo o povo e lia.

Não temos dúvidas de que Esdras é um adorador por excelência, mas aqui nesse texto, ele não adora só, mas o povo que ouve a leitura do livro da lei.

Conclusão dos Adoradores no Antigo Testamento

Como vimos, cada exemplo dessa lista teve um contexto diferente do outro, porém, expressaram a deus uma verdadeira e genuína adoração.

São exemplos que não estão por acaso registrados nas escrituras, mas possuem um propósito de servirem como modelo e provar que é possível adorar a Deus independentemente das circunstâncias.

Fica, portanto, esses exemplos de adoradores no Antigo Testamento que nos motivam a entregar a Deus uma verdadeira adoração!

André Lourenço

Professor sempre aprendiz da Bíblia que gosta de ensinar sobre um Deus inexplicável!
Botão Voltar ao topo