A vinha de Nabote: 3 motivos porque Nabote não vendeu sua “herança”

“E SUCEDEU depois destas coisas que, Nabote, o jizreelita, tinha uma vinha em Jizreel junto ao palácio de Acabe, rei de Samaria. Então Acabe falou a Nabote, dizendo: Dá-me a tua vinha, para que me sirva de horta, pois está vizinha ao lado da minha casa; e te darei por ela outra vinha melhor: ou, se for do teu agrado, dar-te-ei o seu valor em dinheiro. Porém Nabote disse a Acabe: Guarde-me o SENHOR de que eu te dê a herança de meus pais. 1 Reis 21:1-3

Qual foi a história de Nabote na Bíblia?

A história de Nabote na Bíblia (1 Reis 21) envolve a queda do perverso rei Acabe de Israel e sua infame esposa, Jezabel. Por causa de seus maus tratos a Nabote, Acabe e Jezabel receberam a promessa de morte prematura e violenta.

Nabote era um jezreelita. Ele tinha um vinhedo nas proximidades do palácio de Acabe em Jezreel. Acabe queria transformar a vinha de Nabote em uma horta, por estar tão perto do palácio (1 Reis 21:2). Então o rei ofereceu pagar a Nabote por sua vinha ou dar-lhe uma vinha melhor em outro lugar. 

Nabote, no entanto, não estava disposto a desistir da terra que herdara de seus pais; não estava à venda a qualquer preço (versículo 3). Acabe ficou aborrecido e voltou para casa “mal-humorado e irado” porque não podia ficar com a vinha de Nabote. O rei amuado recusou-se a comer (1 Reis 21:4).

Pode parecer estranho que Nabote tenha recusado a oferta do rei, mas Nabote estava fazendo a coisa certa. Deus havia ordenado que a herança de uma família não fosse vendida: “A terra não deve ser vendida permanentemente” (Levítico 25:23); e “nenhuma herança em Israel passará de uma tribo para outra, pois cada israelita guardará a herança tribal de seus antepassados” (Números 36:7). 

Nabote estava simplesmente seguindo a Lei. Foi o rei Acabe que quis ignorar a Lei, e então fez beicinho quando o justo Nabote não concordou.

O contexto da vinha de Nabote

Ben-Hadade era o homem do qual Acabe deveria ter dado cabo, mas ele o libertou. Nabote era o homem que Acabe deveria ter protegido, mas o rei o matou!

Quando alguém se vende para o diabo, pode confundir o bem com o mal e a luz com a escuridão (ls 5:20).

O episódio infame da vinha de Nabote revela a desconsideração para com a lei por parte do rei Acabe e de sua esposa perversa, Jezabel.

A história de Nabore, embora curta, tem significado espirituais importantes para qualquer Cristão. Veja 3 motivos por que Nabote não vendeu sua “herança”, a vinha.

1. A vinha de Nabote tinha um alto preço

A Bíblia diz que Nobote recebeu a vinha como herança de seus pais (1 Reis 21:3). Ou seja, houve um trabalho de plantio e cuidado da vinha por outras pessoas que Nabote recebeu.

Uma vinha necessita de muitos cuidados para produzir boas uvas. Certamente que os pais de Nabote cuidaram muito bem da vinha para poder passar para seu filho.

Quando alguém recebe por exemplo uma herança, ela recebe algo que houve trabalho duro para ser conquistado.

Nabote entendeu o trabalho que fizeram antes dele naquela vinha. Por isso, ele não a vende para Acabe.

Qual o preço da vinha para Nabote? Muito. Pois, ele reconhece o trabalho agregado naquela vinha.

Precisamos valorizar o trabalho que alguém fez antes de nós. Seja no ministério, na família ou sociedade, reconhecer a história por trás das conquistas é louvável.

Você já pensou que antes de você ter sua família, ela foi projetada por Deus? Ou então, na igreja que você congrega, já pensou quantos pessoas oraram no início daquela obra?

Acima de tudo, não podemos esquecer daquilo que o nosso Senhor fez por nós:

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, Para uma herança incorruptível, incontaminável, e que não se pode murchar, guardada nos céus para vós.” (1 Pedro 1:3-4)

2. A vinha de Nabote era um presente

Outro motivo por que Nabote não vendeu a herança, a vinha era um presente de seus pais. Um presente é algo que alguém dá para outra pessoa com amor.

Imagina o quanto os pais de Nabote cuidaram daquela vinha na intenção de passar para a geração futura.

Assim como Nabote recebeu uma herança, presente dos pais, nosso Deus nos deu presentes: ministérios, dons e talentos.

“E digam a Arquipo: Cuide em realizar o ministério que o Senhor lhe deu”. Colossenses 4:17

O que Deus te deu? O que você tem feito com o que Ele te deu? Tem cuidado bem?

Nossa família, nosso ministério e nossos dons, são presentes de Deus.

Jesus disse na parábola dos talentos que depois de muito tempo o senhor daqueles servos voltou e acertou contas com eles. (Mateus 25:19)

Os presentes de Deus devem ser usados para edificação do Corpo de Cristo e tudo o que Deus nos deu vamos prestar contas. Por isso, use esses presentes para glória de Deus!

3. A vinha de Nabote precisava ser cuidada

Assim como Nabote recebeu a vinha como herança, ele precisava passar para seus filhos.

Além disso, se tinha um alto preço e era presente, ele precisava valorizar cuidando muito bem.

Apocalipse 3:10 diz: “Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa.”

Guardar, conservar, cuidar e valorizar o que tens.

Você cuida do bem dos talentos e dons que recebeu de Deus? Você tem valorizado a família que Deus te deu?

Não venda sua “herança”, mas cuide dela, porque tem muito valor.

Conclusão sobre a vinha de Nabote

A vinha de Nabote representava para ele algo de muito valor. Pois, além de ser presente dos pais, era ao mesmo tempo um compromisso diante de Deus. Cuidando da vinha, Nabote estaria honrando a Deus, seus pais e a futura geração.

Apesar de tentado a vender a vinha, Nabote se manteve firme mesmo que custasse a sua vida.

Esse é sem dúvidas, um belo exemplo de compromisso e fidelidade. Da mesma forma, somos tentados a vender nossa “herança”. No entanto, Deus nos dá graça para resistirmos a oferta do diabo. (Tiago 4:7)

Uma oração para guardar o que Deus nos deu

Pai querido,

Ajude-me a valorizar, guardar e cuidar daquilo que o Senhor me deu. Para que assim eu não venha vender minha “herança” recebida do Senhor. Apesar de minhas fraquezas, quero ser fiel a Ti e fazer Sua vontade. Guarda meu coração das ofertas que o mundo e o inimigo oferecem para me desviar dos teus caminhos. Pai, me capacita com sabedoria para cuidar do que o Senhor confiou a mim e, dessa forma, eu possa ser benção para outras pessoas.

Eu oro no nome santo de Jesus, amém.

André Lourenço

Professor sempre aprendiz da Bíblia que gosta de ensinar sobre um Deus inexplicável!
Botão Voltar ao topo