Os Mais Antigos Manuscritos do Novo Testamento ainda em Existência

Mais de 5.600 dos primeiros manuscritos gregos do Novo Testamento ainda existem até hoje. Os manuscritos mais antigos foram escritos em papiro e os últimos em pergaminho.

A letra “p” é usada para identificar esses manuscritos. “P” significa papiro, assim, “p52” refere-se ao papiro 52.

Datas sugeridas dos Manuscritos do Novo Testamento

As datas abaixo indicam a data em que os estudiosos acreditam que as cópias dos manuscritos foram feitas.

Manuscrito da data de 125 d.C.

Manuscritos do Novo Testamento john p52

O manuscrito do Novo Testamento que data mais próximo do autógrafo original foi copiado em torno de 125 d.C.

O manuscrito mais antigo do Novo Testamento é conhecido como o manuscrito John Rylands, e é chamado de p52, tendo sido descoberto no Egito.

Isso quer dizer que ele foi copiado dentro de 35 anos após o autógrafo original ter sido escrito pelo apóstolo João.

Esse manuscrito contém uma pequena parte de João 18.

Portanto, a cópia mais antiga de qualquer autógrafo do Novo Testamento está apenas uma geração após sua escrita original.

Manuscrito da data de 200 d.C.

papiro Bodmer II - manuscritos antigos novo testamento

O papiro Bodmer II p66 foi descoberto em 1956. Ele contém quatorze capítulos do evangelho de João bem como partes dos últimos sete capítulos do mesmo evangelho.

Manuscrito da data de 225 d.C.

manuscrito antigo p75

O papiro Bodmer p75 contém os evangelhos de Lucas e João.

Manuscrito da data de 250-300 d.C.

Os papiros Chester Beatty

Os papiros Chester Beatty.

O Chester Beatty p45 (200-250 d.C.) foi descoberto em 1931 e contém os evangelho, Atos, as cartas de Paulo, à exceção de 1 e 2Timóteo e Tito, e o livro de Apocalipse.

O Chester Beatty p46 contém as cartas de Paulo e a carta aos Hebreus.

Manuscrito da data de 350 d.C.

Códice Sinaítico - manuscritos do novo testamento

O Códice Sinaítico contém todo o Novo

Testamento e quase todo o Antigo Testamento em grego. Foi descoberto pelo estudioso alemão Tischendorf em 1856 em um monastério ortodoxo no monte Sinai.

Manuscrito da data de 350 d.C.

Códice Vaticano B - antigos manuscritos da biblia

O Códice Vaticano B contém praticamente todo o Novo Testamento. Está na Biblioteca do Vaticano desde 1475.

Mudando as datas dos Manuscritos do Novo Testamento

Nos últimos cinquenta anos ou mais, as datas conferidas aos primeiros manuscritos do Novo Testamento mudaram.

Estudiosos da Bíblia e arqueólogos revisaram as prováveis datas desses manuscritos à luz de novas técnicas de datação, reavaliando todas as evidências.

Isso quase sempre resultou em que muitos desses papiros receberam datas mais antigas às que se acreditava anteriormente.

Desse modo, se essas datas mais anteriores provarem estar corretas, é possível estabelecer as seguintes datas nessa lista de manuscritos antigos.

Datas excepcionalmente antigas dos Manuscritos do Novo Testamento

Os últimos dois papiros nessa lista vieram dos manuscritos do mar Morto. Eles estão identificados com a letra “Q”, em vez da letra “p”.

Essas datas excepcionalmente antigas são baseadas na identificação de dois novos papiros do Novo Testamento encontrados com os manuscritos do mar Morto na caverna 7.

Estudiosos creem que esses sejam os papiros do Novo Testamento mais antigos já descobertos.

Sumário dos Manuscritos do Novo Testamento

Os manuscritos contendo a maior parte do Novo Testamento foram datados da metade do século III, e alguns podem ser datados do século II, ou até mesmo do século I.

Botão Voltar ao topo