Deus realmente ouve cada oração?

Deus ouve nossas orações? Há uma resposta clara e definitiva para esta pergunta: Sim! Absolutamente. Deus ouve cada oração.

Estou tão agradecido que o Senhor Deus ouve cada oração. Mas nem sempre da maneira que a maioria das pessoas pensa. 

Vamos explorar dez maneiras diferentes de Deus ouvir nossas orações. Além disso, vamos até mesmo lançar algumas perguntas interessantes: como Deus ouve as orações dos anjos e Deus ouve as orações dos ímpios? As respostas podem te surpreender.

Deus ouve nossas orações?

Sim, nosso Pai celestial ouve todas as orações, incluindo as intercessões de Jesus e do Espírito Santo.

Lemos sobre o ministério de oração celestial da Trindade em Romanos 8:34 e Hebreus 7:25 (Jesus intercede por você e por mim!) e em Romanos 8:26-27 (o Espírito Santo intercede fervorosamente por nós também!).

Muitas pessoas não percebem que a linguagem da Trindade é a oração. Tudo o que foi falado à existência é resultado do ministério de oração fervoroso e eterno da Trindade. Isso inclui os céus e a terra, todo o universo, visível e invisível. Isso inclui todo ser humano que o Senhor formou e no qual Ele soprou Sua vida.

Isso não significa, é claro, que a Trindade força seus desejos. O Pai queria que todos na antiga nação de Israel, Seu povo escolhido, o amassem. Jesus queria saber se havia outra maneira de cumprir a vontade de Seu Pai além da cruz. O Espírito Santo quis encher e transbordar através de cada cristão o tempo todo desde o Pentecostes.

Se quisermos saber por que Deus às vezes diz “não”, “não, agora não” ou “não, aqui está algo melhor”, simplesmente precisamos reler o parágrafo anterior. Nem mesmo Deus consegue tudo o que deseja.

Então, novamente, tudo o que o Senhor Deus decreta torna-se realidade – e realidade precisamente no momento certo. Ele decreta por decreto (do nada), por meio de Seus anjos, e por meio de você e de mim. Incrível!

Deus ouve cada oração de Seus anjos?

Biblicamente, não temos certeza se os anjos oramEles certamente desfrutam da presença de Deus. Certamente louvam ao Senhor no céu e às vezes aqui na terra. Eles também fazem e dizem tudo o que Deus lhes diz para fazer e dizer. 

Mas eles oram? Talvez? Provavelmente? Novamente, não temos certeza porque a Bíblia não nos diz. Certamente eles tem algum tipo de comunicação com Deus.

Deus ouve cada oração dos ímpios?

Não e sim. Depende da oração. Vejamos, então, alguns exemplos:

  • Não, se eles estão orando para qualquer um que não seja o único e verdadeiro Senhor Deus. 
  • Não, se eles estão dizendo a Deus o que fazer. 
  • Não, se eles estão exigindo o que desejam. 
  • Não, se eles estão persistindo em seus caminhos rebeldes, perversos, pecaminosos e maus. 
  • Sim, se eles estão se voltando de seus pecados para Deus em arrependimento.

O melhor exemplo é Namã, durante os dias do profeta Eliseu. O segundo melhor exemplo é Manassés, o tirano mais perverso da história do reino de Judá. O terceiro melhor exemplo é Saulo, a quem Jesus confrontou no caminho de Damasco. Em seus dias, cada um deles se qualificou como o pior dos pecadores. No entanto, Deus agiu em suas vidas!

Deus ouve cada oração dos não salvos?

Deus ouve cada oração dos não salvos

Por “não salvos”, queremos dizer aqueles que ainda não se tornaram seguidores ativos de Jesus Cristo. Se tais indivíduos se convertem de seus pecados para Deus em arrependimento, sim, Deus os ouve de bom grado!

Nunca nos esqueçamos que Deus não quer que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento (1 Timóteo 2:3-4 e 2 Pedro 3:9). Não esqueçamos também que Deus é onipresente. Ou seja, Ele não perde nada!

Deus ouve cada oração da pessoa a beira da morte?

Sim, eu creio que Ele ouve. Isso significa que todas essas orações são sinceras? Isso significa que todas as orações são dirigidas ao único Deus verdadeiro? Não, claro que não.

Nem todos vão para o céu. Então, novamente, não presuma que alguém que morreu hoje e que conscientemente rejeitou as Boas Novas de Jesus Cristo por anos foi para o inferno. Nunca assuma isso. Nunca diga tais palavras. Só Deus sabe disso.

Em vez disso, ore para que Deus revele se eles alcançaram o Senhor antes do fim. Então, vamos confiar que nosso ente querido está nas mãos de um Deus justo e misericordioso (Gênesis 18:23).

Um dos avós de minha esposa rejeitou totalmente o Evangelho durante toda a sua vida. Seu pai tinha sido um pregador, mas ele não queria nada com Deus. Ele também não queria nada com Jesus Cristo, a Igreja ou a Bíblia (embora ainda pudesse citar o Salmo 23 e outras passagens). 

Em seu leito de morte, o vovô leu uma carta final (súplica) de Renee e confiou em Jesus Cristo dois dias antes de sua morte.

O outro avô de Renee rejeitou ainda mais inflexivelmente Jesus Cristo durante toda a sua vida. Quando ele morreu, contamos aos nossos filhos o que escrevi acima. Poucos dias depois, um neto (que a família de Renee ainda não conhecia) disse que ele também era cristão e havia levado o vovô a Cristo no dia anterior à sua morte.

Que bom, que não importa o que aconteça, o Senhor nunca desiste.

Deus ouve todas as orações dos pródigos rebeldes?

Neste conteúdo, queremos dizer indivíduos que seguiram ativamente o Senhor Jesus e depois se afastaram para fazer suas próprias vontades. Muitas vezes eles se afastam da Bíblia, depois da Igreja, e depois de qualquer coisa relacionada ao cristianismo.

Isso não significa, no entanto, que a maioria dos pródigos rebeldes não ama Jesus. Às vezes eles o fazem, mas seu conhecimento e compreensão de Jesus são mal informados e distorcidos. Afinal, todos que conhecem Jesus, como Ele realmente é, amam Jesus e são abençoados por Ele.

Se um pródigo rebelde quer e procura voltar para casa espiritualmente e conhecer o Senhor de uma maneira totalmente nova, e orar para esse efeito, sim, Deus de bom grado os ouve e os recebe de braços abertos. Nós também devemos recebê-los com amor.

Eu acredito que o mesmo é verdade para indivíduos religiosos que são (digamos) judeus ou muçulmanos, e então se sentem chamados por Deus a colocar sua fé e esperança em Jesus Cristo. De muitas maneiras, eles são como a mulher siro-fenícia, inesperadamente atraídas pelo e para o Salvador.

Como é bom podermos agradecer a Deus diariamente por Sua maravilhosa e admirável misericórdia e graça!

Por último mas não menos importante…

Sim, nosso Pai celestial ouve cada oração que fazemos.

Isso não exige que eu seja perfeito e nunca peque. Mas requer que eu ame a Deus, saiba que preciso de Deus e coloque ativamente minha crença, fé, esperança e confiança nEle.

Meu filho mais novo completou 18 anos e saiu da nossa família. Já se passaram cinco anos e meio. Ele renunciou a nós, não confia em nós e certamente se recusa a falar conosco. Imagine se ele voltasse para nossas vidas amanhã. Eu concederia todos os seus pedidos automaticamente? Não. Em vez disso, reconstruir nosso relacionamento teria prioridade.

Da mesma forma, nosso relacionamento com Deus tem prioridade. Se for esse o caso, você e eu queremos orar!

Começo cada dia dizendo: “Sou muito grato por Ti, meu Pai celestial, e pelas intercessões de Jesus e do Espírito Santo. O ministério de oração da Trindade é majestoso, magnífico e todo-poderoso.” 

Então continuo dizendo: “Também sou muito grato por Ti, meu Pai celestial, sempre ouvir as orações da família cristã, amigos e conhecidos aqui na terra, e responder a essas orações, assim como responde às minhas. É por isso que a oração não é chata!”

Em suma, Deus ouve nossas orações. Podemos não receber a resposta que esperamos, mas temos um amoroso Pai celestial que nos ouve ansiosamente.

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você precisa desativar o Adblock para continuar navegando em nosso site!