Sermão: Lázaro e o Rico

Texto do sermão sobre Lázaro e o rico: Lucas 16:19-31

Introdução deste sermão sobre o Lázaro e o Rico

Alguns pensam que esta parábola foi destinada aos incrédulos. Na verdade, o oposto é verdadeiro. Nele, Jesus tinha como alvo os fariseus, figuras de autoridade religiosa do mundo judaico que se entregavam ao mal enquanto tinham muitas oportunidades de fazer o que era certo e bom.

A interpretação da parábola é que até o povo de Deus será julgado se não fizer o que é bom e certo quando a oportunidade for dada. 

No sermão de hoje, vou discutir essa advertência e suas implicações em detalhes. Aqui estão 3 Verdades da parábola do Rico e de Lázaro:

1. Faça o que é certo (Lucas 16:19-21)

A. O homem rico teve muitas oportunidades (Lucas 16:19-20)

B. Ele estava ciente da necessidade do mendigo (Lucas 16:21)

C. Até os cães lamberam as feridas, mas o rico não fez nada (Lucas 16:21)

2. Você será julgado (Lucas 16:22-26)

A. Por não fazer o que é certo e bom (Lucas 16:22-23)

B. Mesmo se você for um crente (Pai envie Lázaro… Lucas 16:24-26)

C. Pois mesmo os incrédulos (os cães lamberam …) fazem muito bem do que alguns cristãos

3. Aceite a repreensão (Lucas 16:27-31)

A. Enquanto você ainda está vivo. Uma vez que você está morto, é tarde demais, (Lucas 16:27-28)

B. Deus deu pastores e líderes para lhe mostrar o caminho certo (Lucas 16:29)

C. Ao fazer isso, Deus lhe deu uma grande oportunidade. Não perca. (Lucas 16:30-31)

Conclusão da pregação sobre o Lázaro e o Rico

Alguém pode argumentar que recebemos a salvação pela graça, não por um ato de justiça. Eu concordo, mas ainda assim, Deus quer que vivamos o que acreditamos. Caso contrário, nossa fé está morta e inútil, como a fé do rico nesta parábola.

Se foi útil este esboço de pregação, então veja mais sermões prontos aqui.

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você precisa desativar o Adblock para continuar navegando em nosso site!