Sermão sobre Quem é Jesus

Sermão sobre Quem é Jesus com base no texto de João 1:18. Esboço de Sermão Temático com o tema: Quem é Jesus?

TÍTULO deste Sermão: Quem é Jesus?

TEXTO deste Sermão sobre Quem é Jesus: João 1:18

“Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou.”

PROPOSTA: Nesta lição, responderemos à pergunta: “Quem é Jesus?” Jesus é quem dá a conhecer a Deus. Ele dá a conhecer a Deus sendo 1) O Mestre da verdade, 2) O Avisador do perigo e 3) O Perdoador dos pecados.

OBJETIVOS: Cada pessoa deve ser capaz de dizer aos outros quem é Jesus e como ele revela Deus. Quero que cada ouvinte seja capaz de entender mais sobre quem é Jesus.

INTRODUÇÃO deste Sermão sobre Quem é Jesus:

A. Sobre o texto:

1) Nesta passagem maravilhosa, João apresenta os atributos do Logos divino.

2) Há em João 1: 1-18 nada menos do que 42 descrições distintas de quem era Jesus.

3) Cada uma dessas descrições merece mérito e atenção.

4) E eu pessoalmente recomendo que você estude essas descrições cuidadosamente e com oração para saber quem é Jesus.

5) Nesse sermão, entretanto, veremos apenas uma dessas descrições.

6) Esta é a descrição com a qual João termina o prólogo.

7) Especificamente, que Jesus é aquele que declarou / deu a conhecer / revelou o Pai.

8) Jesus disse a Filipe em João 14: 9-11

“Há tanto tempo estou convosco, e ainda não me conheces, Filipe? quem me viu, viu o Pai; e como dizes então: Mostra-nos o Pai? Não crês que eu estou no Pai e que o Pai está em mim? as palavras que vos digo, não falo por mim mesmo; mas o Pai, que habita em mim, faz as obras. Acredite em mim que eu estou no Pai, e o Pai em mim: ou então acredite em mim pelas próprias obras.”

9) Na vida de Jesus, vemos a revelação divina de não apenas o que a vontade de Deus é para o homem, mas quem é Deus.

10) A pergunta “Quem é Jesus?” e “Quem é Deus?” são indistinguíveis, no que nos diz respeito.

11) Mas respondendo à pergunta “Quem é Jesus?” vai nos ajudar a entender a pergunta “Quem é Deus?”

Portanto, Jesus nos dá a conhecer (declara / revela) Deus, por ser…

I. O MESTRE DA VERDADE

A. Ele era um Mestre que ensinava.

1) Marcos 4:1 diz que Ele ensinou à beira-mar.

2) Lucas 4:31 Ele ensinou no dia de sábado.

3) Marcos 6: 2 diz que Ele ensinava na sinagoga.

4) Marcos 6: 6 diz que Ele andava pelas aldeias ensinando.

5) Marcos 6:34 diz que Ele lhes ensinou muitas coisas.

6) Lucas 11: 1 Ele ensinou os discípulos a orar.

7) Lucas 19:47 diz que ensinava diariamente no templo.

8) Ele foi descrito por Nicodemos como o “mestre vindo de Deus” João 3: 2.

9) Frequentemente enfatizamos outros atributos de Jesus, como Seu amor, misericórdia, perdão, vida de oração e a lista pode continuar indefinidamente, mas quantas vezes enfatizamos o fato de que Ele foi um professor.

10) Na verdade, a maior parte dos relatos do evangelho são dedicados ao ensino de Jesus.

  • Sermão da montanha (Mateus 5, 6, 7).
  • O discurso do Monte das Oliveiras (Mateus 24, 25).
  • O ensino aos discípulos na noite de Sua traição (João 13-17).

11) Portanto, não só é importante O QUE Jesus ensinou, mas QUE ele ensinou.

12) Quantos de nós estão seguindo este exemplo?

13) Jesus era um professor e isso significa que Deus é um professor.

B. Ele ensinou que o ensino é a base para ser cristão.

1) Para ir a Deus, devemos ser ensinados, assim como em João 6:45 que diz:

“Está escrito nos profetas: E todos eles serão ensinados por Deus. Portanto, todo homem que ouviu e aprendeu do Pai, vem a mim.”

2) Para fazer a vontade de Deus, devemos ser ensinados assim como em João 7:17 que diz:

“Se alguém quiser fazer a sua vontade, esse ensinamento saberá, se é de Deus, ou se eu falo por mim mesmo.”

3) Para fazer discípulos, eles devem ser ensinados, veja em Mateus 28:20 o que diz:

“Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado…”.

C. Ele ensinou a VERDADE de Deus.

1) Jesus é aquele que está cheio de verdade e traz a verdade (João 1:14, 17).

2) Ele ensinou que devemos adorar a Deus em verdade (João 4:24).

3) Ele ensinou que a verdadeira liberdade vem por meio do conhecimento da verdade (João 8:32).

4) Ele disse que era “a verdade” (João 14: 6).

5) Ele orou para que os discípulos fossem santificados na verdade (João 17:17).

6) Em resposta à pergunta de Pilatos, “És tu um rei,” Jesus disse, “Tu dizes que eu sou um rei. Eu nasci para esse fim e para esse fim vim ao mundo, a fim de dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade ouve a minha voz.” (João 18:37).

D. Jesus é o Mestre da verdade.

II.  O QUE AVISA DO PERIGO

A. Ele nos alerta sobre o pecado.

1) Depois de curar um homem impotente no tanque de Betesda, Jesus disse-lhe:

“Eis que já estás curado; não peques mais, para que não te suceda coisa pior”. (João 5:14).

2) Ele diz que cometer pecado torna o pecado nosso senhor, veja:

“Em verdade, em verdade vos digo: Todo aquele que comete pecado é servo do pecado”. (João 8:34).

3) Ele implora que nos arrependamos do pecado ou morramos. Veja em Lucas 13: 3, 5 que diz:

“A menos que se arrependam, todos da mesma forma perecerão.”

B. Ele nos avisa sobre os falsos mestres.

1) Em Mateus 7:15 diz:

“Acautelai-vos dos falsos profetas, que vêm a vós disfarçados de ovelhas, mas por dentro são lobos devoradores.”

2) Em Marcos 13:21, 22 está escrito:

“E então, se alguém vos disser: Eis aqui o Cristo; ou, Lo, lá; não acredite: porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão sinais e maravilhas, para que possam desencaminhar, se possível, os eleitos.”

3) Em Lucas 6:26 diz:

“Ai de vocês, quando todos falarem bem de vocês! pois da mesma maneira fizeram seus pais aos falsos profetas.”

C. Ele nos avisa sobre o Inferno.

1) Jesus fala mais sobre o Inferno do que qualquer outro escritor da Bíblia.

2) Ele diz aos discípulos que pregariam a Sua mensagem:

“E não temais os que matam o corpo, mas não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo.” (Mateus 10:28)

3) Ele diz aos fariseus que não acatam sua mensagem:

“Serpentes, raça de víboras, como escapareis da condenação do inferno?” (Mateus 23:33).

4) Ele avisa a todos os seguidores que mesmo as coisas mais preciosas desta vida não valem o Inferno. 

“E, se a tua mão te tropeçar, corta-a: melhor te é entrar aleijado na vida, do que ter as duas mãos para ir ao inferno, ao fogo que nunca se apaga: onde o seu verme não morre, e o fogo não é apagado.” (Marcos 9:43, 44)

5) Ele avisa em Mateus 25:46 que o castigo eterno está reservado para aqueles que não se entregam a Ele:

“E estes irão para o castigo eterno…”

D. Jesus é, portanto, o que avisa do perigo final.

III. O PERDOADOR DE PECADOS

A. Sua missão era salvar os perdidos.

1) Seu próprio nome implica isto:

“E ela dará à luz um filho, e lhe porás o nome de JESUS: porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.” (Mateus 1: 21).

2) Em Marcos 2:17 diz:

“Os sãos não precisam de médico, mas sim os enfermos; não vim chamar justos, mas pecadores, ao arrependimento.”

3) Em Lucas 19:10 está escrito:

“Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.”

4) Em Lucas 1:76, 77 diz:

“Sim e tu, filho, serás chamado o profeta do Altíssimo: Pois irás diante do Senhor para preparar os seus caminhos; Para dar conhecimento da salvação ao seu povo na remissão dos seus pecados.

B. Ele tinha autoridade para perdoar pecados enquanto estava na terra.

1) Veja Mateus 9: 2-6 que diz:

“E eis que lhe trouxeram um homem paralítico, deitado numa cama Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, tende bom ânimo teus pecados estão perdoados. E eis que alguns dos escribas disseram entre si: Este homem blasfema. E Jesus, conhecendo os seus pensamentos, disse: Por que pensais mal em vossos corações? Pois o que é mais fácil é dizer: Teus pecados estão perdoados; ou dizer: Levante-se e ande? Mas para que saibais que o Filho do homem tem autoridade na terra para perdoar pecados (então diz ao paralítico): Levanta-te, toma a tua cama e sobe para tua casa”.

2) Veja Lucas 7: 44-48 que diz:

“E ele se voltou para a mulher, e disse a Simão: Vês tu esta mulher? Entrei em tua casa, não me deste água para os pés; mas ela lavou-me os pés com lágrimas, e os enxugou com os cabelos da sua cabeça. Não me deste beijo; mas esta mulher, desde que entrei, não tem cessado de me beijar os pés. Não me ungiste a cabeça com óleo; mas esta ungiu-me os pés com bálsamo. Portanto eu te digo: Seus pecados, que são muitos, estão perdoados; porque ela muito amou; mas a quem pouco se perdoa, pouco ama. E ele disse-lhe: Perdoados estão os teus pecados.”

C. Deus dá a Ele autoridade para perdoar pecados hoje.

1) Assim como em Mateus 28:18 que diz: “Toda autoridade…”

2) Veja João 20:22, 23 que diz:

“E, dizendo isso, soprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo; de quem perdoardes os pecados, eles lhes são perdoados; e de quem todos os pecados vocês retiverem, eles serão retidos.”

3) Este perdão vem pelo sangue de Jesus assim como em Mateus 26: 28 diz: 

“Porque este é o meu sangue da aliança, que é derramado por muitos para remissão de pecados”.

4) Este perdão deveria ser pregado em Seu nome por sua autoridade. Veja em Lucas 24:47 que diz:

“E que o arrependimento e a remissão dos pecados sejam pregados em seu nome a todas as nações, começando por Jerusalém”.

CONCLUSÃO deste Sermão sobre Quem é Jesus:

A. Quem é Jesus?

1) Saiba que Ele é o Grande Mestre da verdade.

2) Saiba que Ele é o que Avisa do perigo.

3) Saiba que Ele é o Perdoador dos pecados.

4) Você reconhecerá Jesus hoje por quem Ele é?

B. Apelo deste Sermão sobre Quem é Jesus:

1) Se você é cristão, mas se afastou

  • Você parou de conhecê-lo…
  • Renove seu conhecimento e amor por Jesus hoje.

2) Se você ainda não é cristão, venha hoje…

  • Venha conhecê-lo agora mesmo!
  • Pois, Ele está pronto para perdoar seus pecados hoje!

Veja mais Esboços de Pregação.

Botão Voltar ao topo