Os Sete Selos do Apocalipse: Significado e Simbolismo

Os sete selos e as sete trombetas da Bíblia fazem parte de uma série de eventos catastróficos que sinalizam grandes mudanças para a Terra. Aqui está o que o Apocalipse nos diz sobre esses objetos e os eventos que os cercam.

Em dias de tanta incerteza, pessoas tentam compreender o Apocalipse. Elas querem ter uma ideia do que está acontecendo no mundo agora. Mas, o livro do Apocalipse é um pouco difícil de entender. Um dos assuntos mais procurados é sobre a abertura dos sete selos em Apocalipse capítulos cinco e seis. O que esses selos significam?

O Apocalipse não foi projetado para ser confuso ou difícil de entender, embora certamente pareça assim no início.

O apóstolo João ao descrever uma visão que Deus lhe deu durante seu exílio na ilha de Patmos. As imagens estão claras, mas seus significados requerem uma compreensão do contexto cultural, história e outros ensinamentos bíblicos. Então, vamos começar com um resumo rápido.

Quem pode abrir os selos?

No início desta profecia, vemos Cristo como o Cordeiro de Deus pegar o grande livro da providência de Deus e começar a abrir seus sete selos, um por um. 

O direito de quebrar esses sete selos dos eventos futuros pertence a Jesus Cristo porque Ele morreu pela humanidade de todas as épocas, desde a criação até o fim dos tempos. Quando Ele tomou o livro, os santos sobre o trono de Deus…

“E entoaram um novo cântico, dizendo: ‘Tu és digno de receber o livro e de abrir os seus selos; porque foste morto e com o teu sangue nos resgataste para Deus de toda tribo, língua, povo e nação’” (Apocalipse 5:9).

Número Sete na Bíblia: Simbolismo e Importância

O simbolismo numérico abrange toda a Bíblia, e o sete desempenha um papel particularmente importante, especialmente no Apocalipse. Sete tende a significar plenitude e perfeição. A razão pela qual o diabo adota o número 666 é que seis tende a representar incompletude ou imperfeição.

Deus criou o mundo em sete dias (Gênesis 1), Apocalipse fala a sete igrejas e os israelitas têm sete dias santos anuais.

Como cada praga no Apocalipse vem em um septeto, isso significa a conclusão ou perfeição da ira de Deus.

Resumo dos primeiro capítulos de Apocalipse

Primeiramente, o capítulo 1 é uma visão do Cristo ressuscitado. Os capítulos 2-3 são cartas para sete igrejas que precisam de encorajamento e repreensão. O capítulo 4 olha direto para a sala do trono de Deus.

O capítulo 5 é a “dobradiça” do livro.

O livro do Apocalipse também está organizado em três grupos de sete:

  • Sete Selos = A destruição da humanidade pelo homem
  • Sete Trombetas = A destruição da humanidade por Satanás
  • E Sete Taças = A destruição da humanidade por Deus

Os Sete Selos, Trombetas e Taças abrangem todos os sete anos da “tribulação”, ou o tempo de sofrimento que precederá a Segunda Vinda de Cristo. E por fim, quando a última taça for derramada sobre a terra, Cristo retornará.

Quais são os sete selos do Apocalipse na Bíblia?

Acho que a melhor maneira de responder à sua pergunta específica sobre os Sete Selos é simplesmente fazer uma exegese da passagem. Pois, isso significa explicar versículo por versículo.

Então vi na destra do que estava assentado no trono um rolo escrito em ambos os lados e selado com sete selos. (Apocalipse 5:1)

Adão e Eva perderam a terra para o pecado e para Satanás. É a terra de Satanás agora. O livro do Apocalipse é a história de como Deus recupera a terra e seu povo.

E eu vi um anjo poderoso proclamando em alta voz: “Quem é digno de quebrar os selos e abrir o livro?” Mas ninguém no céu ou na terra ou debaixo da terra podia abrir o rolo… Chorei porque ninguém foi achado digno de abrir o pergaminho.
Então um dos anciãos me disse: “Não chore! Veja, o Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, triunfou. Ele é capaz de abrir o livro e seus sete selos”. Então eu vi um Cordeiro, parecendo ter sido morto, de pé no centro do trono. (Apocalipse 5:2-6)

Cristo é revelado como o único que está qualificado para redimir a terra abrindo o rolo! Ele é o Leão que tem o poder. O Cordeiro é o herdeiro legítimo. Jesus comprou o mundo e seus habitantes com Seu sangue derramado na cruz.

Em seguida, os primeiros quatro selos são frequentemente chamados de “Os Quatro Cavaleiros do Apocalipse”. O “Apocalipse” descreve total destruição e desolação.

O primeiro selo é o cavaleiro do cavalo branco, que representa a paz

Eu assisti enquanto o Cordeiro abriu o primeiro dos sete selos. Então ouvi um dos quatro seres viventes dizer com voz de trovão: “Vem!” Olhei, e diante de mim estava um cavalo branco! Seu cavaleiro segurava um arco, e ele recebeu uma coroa, e ele partiu como um conquistador empenhado em conquistar. (Apocalipse 6:1-2)

“Branco” representa a paz. O cavaleiro no cavalo branco é a falsificação de Cristo de Satanás! Ele é o “Anticristo”, que sobe ao poder prometendo paz. Observe que ele tem um arco sem flechas.

O primeiro selo é aberto no início da tribulação final de sete anos. Os primeiros 3 anos e meio são tranquilos. Mas então o Anticristo traz desolação e destruição durante os últimos 3 anos e meio.

O Anticristo também é o primeiro dos julgamentos de Deus sobre um mundo que rejeita a Cristo. Aquele que afirma ser um salvador é na verdade um “Cavalo de Tróia”.

O segundo selo é o cavaleiro do cavalo vermelho, que representa a guerra

Quando o Cordeiro abriu o segundo selo, ouvi o segundo ser vivente dizer: “Vem!” Então outro cavalo saiu, um vermelho ardente. Seu cavaleiro recebeu poder para tirar a paz da terra e fazer os homens matarem uns aos outros. A ele foi dada uma grande espada. (Apocalipse 6:3-4)

Observe que este cavaleiro tira a paz da terra. Assim começa os 3 anos e meio finais da Grande Tribulação.

Lembremos que a guerra é sempre uma conquista militar. A guerra é sempre uma tragédia.

Quando Eurípides, o dramaturgo grego, quis retratar a guerra no palco, ele não trouxe um exército com bandeiras. Mas, ele trouxe uma velha curvada e desnorteada levando pela mão uma criança chorosa que havia perdido seus pais. Isso é guerra.

O terceiro selo é o cavaleiro do cavalo preto, que representa a fome

Quando o Cordeiro abriu o terceiro selo, ouvi o terceiro ser vivente dizer: “Vem!” Olhei, e diante de mim estava um cavalo preto! Seu cavaleiro estava segurando uma balança na mão. Então ouvi o que parecia uma voz entre os quatro seres viventes, dizendo: “Um litro de trigo pelo salário de um dia, e três litros de cevada pelo salário de um dia, e não danifique o azeite e o vinho!” (Apocalipse 6:5-6)

O cavalo preto representa a fome.

Fome significa que é preciso o salário de um dia inteiro só para comprar um litro de trigo. Fome significa que os “balanços” para medir os alimentos são escassos. 

Não nos preocupamos em pesar comida em tempos de fartura, por quê? As latas de lixo da América contêm comida mais do que suficiente para alimentar multidões de pessoas famintas.

Mas a fome mundial não é difícil de imaginar agora. Milhões morrem de fome todos os dias. No caso de uma grave quebra de safra, nenhuma parte do mundo está a mais de um ano da fome crítica.

O quarto selo é o cavaleiro do cavalo amarelo, que representa a morte

Quando o Cordeiro abriu o quarto selo, ouvi a voz do quarto ser vivente dizer: “Vem!” E olhei, e diante de mim estava um cavalo amarelo! Seu cavaleiro se chamava Morte, e Hades o seguia de perto. Eles receberam poder sobre um quarto da terra para matar pela espada, fome e praga, e pelas feras da terra. (Apocalipse 6:7-8)

Qual é o resultado da guerra e da fome? Morte. Além disso, a palavra grega para “amarelo” descreve a aparência cinzenta de um corpo morto sem sangue.

Um quarto da população da Terra morre. Isso é cerca de 1,8 bilhão (1.800.000.000.000) na população terrestre de hoje. Em comparação, apenas 100 milhões (100.000.000) morreram em todas as guerras na Terra até hoje!

Parece que é impossível matar tantos em tão pouco tempo. Pense na Revolução Americana. Você não conseguiu carregar seu mosquete rápido o suficiente! Mas tudo isso mudou em 6 de agosto de 1945, em Hiroshima, Japão.

Você diz: “Isso é horrível”. Mas é apenas uma prévia das próximas atrações. Assim como o reinado milenar de 1.000 anos do Rei Jesus na terra é uma prévia do Céu (Apocalipse 20 ), então a Tribulação é uma prévia do Inferno .

Mas, o quinto, sexto e sétimo selos são diferentes!

O quinto selo descreve os crentes martirizados que morreram por Jesus durante a Grande Tribulação

Eles estão sob o altar no céu, clamando por Deus para se vingar desses assassinos em massa.

Quando abriu o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por causa da palavra de Deus e do testemunho que deram.
Eles clamaram em alta voz: “Até quando, Soberano Senhor, santo e verdadeiro, até que você julgue os habitantes da terra e vingue o nosso sangue?” Então, cada um deles recebeu uma túnica branca, e foi-lhes dito que esperassem um pouco mais, até que se completasse o número de seus conservos e irmãos que deveriam ser mortos como eles haviam sido. (Apocalipse 6:9-11)

Quem são essas pessoas? São pessoas que foram martirizadas por sua grande lealdade a Jesus Cristo. Muitos sugerem que eles são a grande nuvem de mártires que sacrificaram suas vidas desde todos os tempos.

O altar é um lugar de sacrifício e morte. Esses santos estão exatamente onde o sangue foi derramado e aspergido.

Eles gritam em alta voz: “Quanto tempo até você se vingar desses assassinos?”

Observe que esses mártires não são repreendidos por estarem tão zangados. Devemos lembrar o que esses homens e mulheres passaram. Devemos lembrar a agonia das chamas, o derramamento de sangue nas arenas, as feras, as decapitações, os esfolados vivos e as torturas sádicas que sofreram. Tantas vidas e sonhos são interrompidos. 

Então, eles recebem vestes longas e esvoaçantes e dizem para “descansar um pouco mais”. Eles são recompensados ​​e honrados por morrer a morte final.

Mas o Senhor diz: “Espere até que o número total de mártires seja completado”. Isso é arrepiante, não é? O que Ele está dizendo é que ainda há mais para ser martirizado. Então, e só então, Ele se vingará.

Ainda hoje, as pessoas estão pagando um preço para seguir a Cristo.

O Sexto Selo é um Holocausto Nuclear

Observei enquanto ele abria o sexto selo. Houve um grande terremoto. O sol ficou negro como pano de saco feito de pêlo de cabra, a lua inteira ficou vermelha como sangue, e as estrelas do céu caíram na terra, como figos tardios caem de uma figueira quando sacudidos por um vento forte. O céu recuou como um pergaminho, enrolando-se, e todas as montanhas e ilhas foram removidas de seu lugar. (Apocalipse 6:12-14)

Esta é a descrição de João do holocausto nuclear.

A terra se enrola como um pergaminho” é obviamente uma referência, de uma perspectiva do primeiro século, de como seriam as explosões nucleares. 

Em uma explosão nuclear, a atmosfera literalmente rola sobre si mesma. Uma tremenda corrente de ar flui para fora da explosão inicial, criando um tremendo vácuo. É o ar fluindo de volta para o vácuo que cria tal destruição.

Ele escreve: “Estrelas caíram na terra”. A palavra grega “estrelas” aqui descreve um meteoro. Meteoros atingem a atmosfera e brilham em vermelho ardente. 

Quando atingem a terra, pulverizam sujeira e outros materiais que permanecem na atmosfera, bloqueando o sol, por dois ou mais anos.

Resultados do inverno nuclear. Nenhum sol é igual a nenhuma colheita. As pessoas passam fome.

Sua descrição também pode se aplicar às “bombas orbitais fracionárias” de hoje. Mísseis com ponta nuclear são disparados simultaneamente de satélites em órbita. Estes podem atingir várias cidades simultaneamente. Quando esses mísseis cruzarem o ar, parecerão meteoros entrando na atmosfera.

Veja a reação humana.

Então os reis da terra, os príncipes, os generais, os ricos, os poderosos, e todo escravo e todo homem livre se esconderam em cavernas e entre as rochas das montanhas. Eles clamaram aos montes e às rochas: “Caiam sobre nós e nos escondam da face daquele que está assentado no trono e da ira do Cordeiro! Porque chegou o grande dia da ira deles, e quem pode resistir?” (Apocalipse 6:15-17)

Todos os estratos da sociedade são, portanto, afetados.

A maior reunião de oração que o mundo já viu acontece. Você pensaria que aqueles que suportaram essas coisas finalmente invocariam o nome do Senhor. Em vez disso, eles começam a rezar para as rochas.

Qual é o resultado de toda essa agitação? As pessoas se voltam para Deus? Não! Por alguma razão, seus corações estão mais duros! Mas, há uma lição aqui.

O Sétimo Selo representa o silêncio

Quando ele abriu o sétimo selo, houve silêncio no céu por cerca de meia hora. (Apocalipse 8:1)

Eu acredito que quando aqueles no céu viram o horror que estava prestes a ser desencadeado na terra, seus queixos se abriram. Eles não podiam acreditar! Eles ficaram em silêncio extasiado. Então, a primeira trombeta soa.

O que você acha que está acontecendo no coração de Deus?

Deus está tendo que destruir a própria criação que Ele fez. Está machucando Seu coração.

Há uma velha história rabínica sobre os israelitas partindo do Egito quando o Mar Vermelho se dividiu para que pudessem atravessar em terra firme. Os israelitas atravessam assim que o exército egípcio começou a atacar os israelitas com as águas do Mar Vermelho empilhadas em cada lado deles.

Os anjos no céu estão cantando, felizes e regozijando-se enquanto observam as águas do Mar Vermelho se fecharem sobre os exércitos egípcios.

Então, os anjos olham para ver como Deus está respondendo. Deus está chorando .

Espero que isso lhe dê uma boa compreensão sobre a natureza de Deus e o que acontece quando os selos são abertos.

Por que os cristãos devem se preocupar com os sete selos e trombetas?

Deus nos forneceu um plano do que acontecerá durante o Fim dos Tempos. À medida que nos aproximamos rapidamente desses tempos, devemos estar cientes da severidade do julgamento que ocorrerá. Quando tomamos conhecimento de tais catástrofes que acontecerão, entendemos o grande custo da salvação de Jesus para nos poupar do julgamento de Deus.

Também entendemos que precisamos espalhar o Evangelho para tantas almas quanto possível, para que possam receber a graça de Deus desta ira. 

Tendo em mente que algumas pragas afetam apenas os não cristãos (os gafanhotos, por exemplo), se eles aceitarem Jesus como seu Senhor e Salvador, evitarão alguns desses eventos que ocorrerão no futuro.

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você precisa desativar o Adblock para continuar navegando em nosso site!