Romanos 12:2 Significado de transformado pela renovação de sua mente

Romanos 12:2 – ACF

“E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.”

Traduções Bíblicas de Romanos 12:2

NAA – Romanos 12:2

“E não vivam conforme os padrões deste mundo, mas deixem que Deus os transforme pela renovação da mente, para que possam experimentar qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

NVI – Romanos 12:2

“Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

NVT – Romanos 12:2

“Não imitem o comportamento e os costumes deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma mudança em seu modo de pensar, a fim de que experimentem a boa, agradável e perfeita vontade de Deus para vocês.”

Explicação e Comentário de Romanos 12:2

O padrão deste mundo pertence a Satanás, e tem sido desde que Adão caiu em tentação. Por causa disso, nascemos em pecado, e assim pecamos, junto com o resto do mundo. O mundo, ou “o domínio das trevas” tem caminhos particulares e gira por certos meios. Todo cristão que é salvo é salvo desse domínio, desse padrão e dessa maneira de pensar e fazer as coisas.

Como seguidores de Jesus, somos ensinados que tudo é exatamente o oposto do que pensávamos. Nosso espírito renovado é totalmente diferente e está de acordo com os caminhos do Céu, mas nossa carne ainda não está renovada, por isso tem embutido em si velhos hábitos que seguem os “princípios elementares do mundo”. Para que nossa velha carne se alinhe com nosso novo espírito e o Espírito Santo dentro de nós, nossas mentes devem receber transformação pela renovação.

Só então os caminhos de Deus, mais elevados do que os nossos (Is 55:9), realmente começarão a parecer tão belos quanto são. A mente se renova pela intenção e alimentando-a com a verdade.

Interpretação de Romanos 12:2 as partes chave do versículo

# 1 “Não se conforme com o padrão deste mundo”,
“Eles ficam surpresos que você não se junte a eles em sua vida imprudente e selvagem, e eles o insultam” (1 Pe 4:4). Vários dos autores do Novo Testamento advertem contra os perigos de ser do mundo. Somos chamados a estar no mundo, mas não dele. Todo cristão será testado por esta realidade.

# 2 “mas seja transformado pela renovação de sua mente”.
Se sua mente mudar, você mudará. Alimente-o com a verdade da palavra. Mude-o agindo adequadamente no mundo. Quando você pecar, confesse e se arrependa. Quando sua mente muda, você é fundamentalmente uma pessoa diferente e mais semelhante a Cristo.

# 3 “Então você será capaz de testar e aprovar qual é a vontade de Deus…”
Assim como o espírito de um homem conhece o homem, o Espírito de Deus é o único que verdadeiramente conhece a Deus (1 Coríntios 2:11). Com uma mente renovada temos o Espírito de Deus e a “mente de Cristo” (1 Coríntios 2:16). O cristão com a mente renovada saberá caminhar pela vida com a compreensão da vontade de Deus e será capaz de obedecê-lo.

# 4 “sua boa, agradável e perfeita vontade”.
Os novos cristãos às vezes admitem que algumas partes da vontade de Deus não lhes agradam. Eles sabem que sua vontade é boa, mas admitem que não estão satisfeitos com isso, especialmente naquelas áreas onde a cultura em que foram criados tem uma visão extremamente diferente. Mas o cristão mais maduro começará a amar todos os caminhos de Deus e a achá-los cada vez mais agradáveis.

Comentários sobre o que Significa Romanos 12:2

comentários bíblicos sobre o versículo

Comentário de Wiersbe (Contexto)

Esta é a quarta conjunção da Epístola aos Romanos. Em Romanos 3:20, é o “visto que” causal da condenação, declarando que o mundo todo é culpado diante de Deus. Em Romanos 5:1 é o “pois” conclusivo da justificação e Romanos 8:1 é o “pois” conclusivo da garantia.

Já em Romanos 12:1, encontramos o “pois” conclusivo da consagração, e essa consagração é a base para os outros relacionamentos dos quais Paulo trata nesta seção.

O que é a verdadeira consagração? Conforme a descrição de Paulo neste capítulo, a consagração cristã envolve três passos.

Entregar o corpo a Deus (Romanos 12:1).

Entregara mente a Deus (Romanos 12:2a). O mundo quer controlar nossa mente, mas Deus quer transformá-la (ver Ef 4:17-24; Cl 3:1-11). O termo traduzido aqui por transformar é o mesmo traduzido por transfigurar em Mateus 17:2. Em nossa língua, equivale à palavra “metamorfose”. Descreve uma mudança que ocorre de dentro para fora.

Entregar a volição a Deus (Romanos 12:2b). A mente controla o corpo e a volição controla a mente. Muitas pessoas acreditam que podem controlar a volição pela “força de vontade”, mas normalmente não são bem-sucedidas. (Essa é a experiência que Paulo relata em Rm 7:15-21.)

Somente quando entregamos nossa volição a Deus é que seu poder assume o controle e nos dá a força de vontade de que precisamos para ser cristãos vitoriosos.

Comentário de Beacon (Contexto de Romanos 12:2)

Nos capítulos 12-13, ele faz uma aplicação geral do amor ágape como a principal característica da vida cristã, ressaltando como este princípio se manifesta, tanto dentro como fora da comunidade cristã.

A linguagem de Paulo nestes capítulos mostra um compromisso com os ensinos de Jesus, como registrados nos Evangelhos, e uma impressionante lista de paralelos pode ser traçada entre os capítulos 12-13 e o Sermão da Montanha. Ele aplica o princípio ágape ao problema das diferenças de opinião religiosa dentro da comunidade cristã (14.1—15.13)

No versículo 2, temos uma continuação do pensamento do versículo 1: E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. A palavra e (kai) aqui significa: e isto quer dizer. Ser sacrificado no corpo e consagrado ao serviço a Deus implica que nós: 1) não nos conformemos com este século (aioni), mas 2) nos transformemos em membros condizentes com o século futuro.

Comentário de Ellicott

Não esteja conformado… mas transformai-vos. O cristão não deve copiar as modas passageiras do tempo presente, mas ser totalmente transfigurado em vista daquele modo de existência superior, em estrita conformidade com a vontade de Deus, que ele escolheu.

Este mundo. Não aqui a mesma palavra que é usada, por exemplo, em 1 Jo 2:15-17, mas outra, que significa antes o estado do mundo como existia na Vinda de Cristo, em oposição ao messiânico recém-inaugurado reinado. “Ser conformado com este mundo” é agir como outros homens, pagãos que não conhecem a Deus; em oposição a isso, o apóstolo exorta seus leitores a passarem por essa mudança total que os levará mais de acordo com a vontade de Deus.

Pela renovação de sua mente . “A mente” (isto é, as faculdades mentais, razão ou entendimento) é em si neutra. Quando informado por um princípio maligno, torna-se um instrumento do mal; quando informada pelo Espírito, é instrumento do bem. Ele realiza o processo de discriminação entre o bem e o mal, e assim fornece os dados à consciência. 

Provar. Como em outros lugares, “discrimine e assim aprove”. O duplo processo está incluído: primeiro, de decidir qual é a vontade de Deus; e, em segundo lugar, de escolher e agir sobre ele.

Qual é essa boa, aceitável e perfeita vontade de Deus. A “vontade de Deus” está aqui, não o atributo divino da vontade, mas a coisa desejada por Deus, o curso correto de ação. 

Comentário de Benson Romanos 12:2  

E não se conforme – nem em julgamento, espírito ou comportamento; a este mundo vaidoso e pecaminoso– que, negligenciando a vontade de Deus, segue inteiramente a sua; 

Mas sejais transformados – regenerados e criados de novo; pela renovação de suas mentes – De seus entendimentos, vontades e afeições, através da influência do Espírito de Deus. Assim, Efésios 4:22-25, o novo homem é descrito como renovado no espírito de sua menteisto é, em todas as suas faculdades; em suas afeições e vontade, bem como em seu entendimento: em consequência do que toda a sua conduta se torna santa e virtuosa.

Para que você possa provar – pode ser capaz de discernir, aprovar e saber, não apenas especulativamente, mas experimentalmente e praticamente, e por prova segura; 

Qual é a boa, aceitável e perfeita vontade de Deus – A vontade de Deus está aqui para se entender por toda a parte preceptiva do cristianismo, que é em si tão excelentemente boa, tão aceitável a Deus e tão perfeita em nossa natureza: e aqui é “oposto, por um lado, aos ritos idólatras de adoração praticados pelos pagãos, que em sua própria natureza eram extremamente ruins.

Notas de Barnes sobre a Bíblia

E não se conforme… A palavra traduzida como “conforme” significa adequadamente colocar a forma, a moda ou a aparência de outro. Pode referir-se a qualquer coisa referente ao hábito, maneira, vestimenta, estilo de vida, etc., dos outros.

Deste mundo – Aqui significa que os cristãos não devem se conformar às máximas, hábitos, sentimentos, etc., de uma era perversa, luxuosa e idólatra, mas devem se conformar apenas aos preceitos e leis do evangelho. Eles devem ser governados pelas leis da Bíblia; moldar suas vidas segundo o exemplo de Cristo; e formar-se por princípios diferentes daqueles que prevalecem no mundo. 

Sejam transformados – A palavra significa “forma, hábito” μορφή morphē. A direção é, “coloque outra forma, mude a forma do mundo pela do cristianismo”. O significado é, não valorize um espírito. devotados ao mundo, seguindo suas vãs modas e prazeres, mas cultivando um espírito ligado a Deus, e seu reino e causa.

Pela renovação – a mudança para novas visões e sentimentos. O cristão muitas vezes recebe a identidade de nova criatura; 2 Coríntios 5:17; Gálatas 6:15; Efésios 4:24; 1 Pedro 2:2.

Sua mente – A palavra traduzida como “mente” denota adequadamente o intelecto, distinto da vontade e dos afetos. Mas aqui parece aplicável a todo o espírito distinto do corpo, incluindo o entendimento, a vontade e as afeições. Como se ele tivesse dito: Não que essa mudança pertença apenas ao corpo, mas à alma. Que não seja uma mera conformidade externa, mas que tenha sua sede no espírito. Todas as mudanças externas, se a mente não mudasse, seriam inúteis ou seriam hipocrisia. 

Para que possais provar – A palavra usada aqui δοκιμάζω dokimazō comumente se aplica a metais, à operação de testes ou testá-los pela gravidade do fogo, etc.

Isso é bom… Esta parte do versículo pode se traduzir, para que você possa investigar a vontade de Deus ou verificar a vontade de Deus, o que é bom, perfeito e aceitável. 

Perfeito – Livre de defeitos, manchas ou ferimentos. Aquilo que tem todas as suas partes completas, ou que não é desproporcional. 

Aceitável – Aquilo que será agradável a Deus ou que ele aprovará. 

Visão geral de Romanos cap. 5-16

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.
Botão Voltar ao topo