Sermão sobre a parábola da viúva e o juiz iníquo

Esboço básico de Sermão para pregar sobre a parábola da viúva e do juiz iníquo. Esboço de Sermão com estrutura básica para pregar em Lucas 18 sobre a parábola do juiz iníquo.

TEMA: A viúva e o juiz iníquo

TEXTO: Lucas 18: 1-8.

PROPOSIÇÃO: Para apresentar uma exposição da parábola, Jesus falou sobre “a viúva e o juiz iníquo”.

OBJETIVO: Para nos encorajar a orar a Deus, com importunação, e nunca desanimar.

INTRODUÇÃO:

A) Como poucas outras parábolas, com esta somos informados do propósito.

B) Em relação ao texto:

a) Jesus está falando sobre oração.

b) Devemos estar especialmente interessados ​​em orar por força de Deus para fazer sua vontade.

c) Jesus traz à tona um ponto interessante aqui ao declarar que Deus proverá (como é de acordo com sua vontade, Tiago 4: 3, peça com o motivo correto) se continuarmos pedindo continuamente.

d) Esta parábola também foi chamada de “Parábola da Viúva Importuna” porque ela importunou este juiz até que ele fez o que ela pediu. Ela o incomodou.

Neste texto nós temos…

I. O OBJETIVO DA PARÁBOLA (18: 1)

“E CONTOU-LHES também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer“.

II. A PARÁBOLA (18: 2-5)

A) O juiz.

B) A viúva.

C) O problema:

1. Visão da viúva;
2. Juiz.

III. A CONCLUSÃO EM CONTRASTE (18: 6-8)

A) Observe as palavras do juiz iníquo.

B) A atitude de Deus em contraste.

C) A FÉ estará na terra quando o Senhor voltar

1. Destruição de Jerusalém.
2. O fim do mundo.

a) O mundo nos dias de Noé.

b) Sodoma e Gomorra.

c) Israel.

d) Edom.

e) Nínive – Jonas e Nahum.

f) Babilônia – Jeremias 50.

g) Muitos outros foram destruídos quando se tornaram maus demais para existir.

3. Neste texto Jesus está preocupado com A FÉ!

a) Muitos acreditavam em deuses ou em um deus enquanto Jesus estava na terra e o fazia desde o início da história,

b) Jesus NÃO veio para tornar as pessoas religiosas,

c) Jesus está preocupado com A FÉ (Judas 1: 3; Atos 6: 7; Gálatas 3: 26-27).

D) Considere o contraste nesta passagem:

1. O Deus Bom vs. o juiz iníquo. Deus vai vingar? Apocalipse 6: 9-10; Romanos 12:19; Hebreus 10: 30-31.
2. A viúva importuna vs. Cristãos contemporâneos.
3. Cristianismo versus paganismo.
4. Cristianismo vs. religiosidade.

CONCLUSÃO desse Sermão sobre a parábola da viúva e o juiz iníquo

A) Neste texto, vemos:

1. O objetivo da parábola;
2. A parábola; e
3. A conclusão em contraste.

B) Vamos, à luz dessas verdades,

1. Ore com sinceridade e continuamente a Deus; e
2. Apoie-se na verdadeira FÉ e só ela.

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  1. Paz do Senhor aus irmãos
    Biblioteca do pregador
    Tem me ajudado bastante
    Deus abençoe a todos

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.