O Título do Sermão: 7 Princípios para escolher um bom Título

O Título do Sermão é o toque especial que o pregador vai dar em seu esboço.

Veja 7 Princípios para escolher um bom Título:

  1. O Título do Sermão deve ser concernente ao texto ou à mensagem
  1. O Título do Sermão deve ser interessante
  1. O Título do Sermão não pode ser negativo
  1. O Título do Sermão deve ser breve
  1. O Título pode vir em forma de afirmação, interrogação ou exclamação
  1. O Título pode consistir de uma frase seguida de uma pergunta
  1. O Título pode consistir em uma citação breve de um texto bíblico

Antes de ir para cada princípio, vamos entender mais dessa parte do Sermão.

O que é o Título do Sermão?

O Título é a primeira parte e ele dá nome ao sermão.

Ele tem como objetivo embelezá-lo e chamar a atenção dos ouvintes.

Segundo Braga, “o Título, contudo, é uma expressão do aspecto específico a ser apresentado, formulado de maneira que seja um anúncio adequado do sermão”.

Diferenças entre Título e Tema do Sermão

título e tema na pregação como preparar

Alguns especialistas em homilética fazem separação entre “título” e “tema”.

Para eles o “título” dá nome ao conteúdo, enquanto o “tema” dá nome ao assunto em discussão.

E outros não fazem essa separação, título e tema são a mesma coisa.

Apesar do título e tema serem bastante confundidos, existem diferenças entre eles.

Vejamos isso a seguir:

  • Tema é o assunto geral do início ao fim, Título é o anúncio do assunto (Nome).
  • Tema é a primeira coisa que definimos, Título pode ser definido por último.
  • O Tema ajuda manter foco no assunto já o Título ajuda despertar interesse pelo assunto.

O TÍTULO ORIENTADO POR PROPÓSITOS

Elaborar um grande título de sermão é uma arte que precisamos desenvolver continuamente.

Todos nós temos os nossos acertos e erros. Mas se o propósito da pregação é transformar, não simplesmente informar, ou se você está pregando a incrédulos, então você precisa se empenhar em desenvolver bons títulos.

Assim como a capa de um livro ou a primeira linha de um comercial, o título do sermão precisa prender a atenção das pessoas que você quer influenciar.

Ao planejar títulos atraentes, deve-se fazer quatro perguntas:

O TÍTULO DESPERTARÁ A ATENÇÃO DOS OUVINTES?

O título escolhido prenderá a atenção das pessoas? Porque formos chamados a pregar a verdade, podemos pressupor que os ouvintes estejam ansiosos para ouvir a verdade.

Não estão. Aliás, pesquisas mostram que a maioria dos estado-unidenses rejeita a idéia de uma verdade absoluta.

Hoje, as pessoas valorizam a tolerância mais do que a verdade.

Essa “decadência da verdade” é a raiz de tudo que está errado na nossa sociedade.

É a razão que os incrédulos não correm para a igreja quando proclamamos: “Nós temos a verdade!”.

A reação deles será: “Sim, como todos os outros”.

Enquanto a maioria dos incrédulos não está buscando a verdade, eles estão buscando alívio.

Isso nos dá a oportunidade de despertar neles o interesse pela verdade. Descobri que quando ensino a verdade que dá alívio ao sofrimento deles, responde às suas perguntas ou resolve os seus problemas, os incrédulos dizem:

“Obrigado! O que mais tem de verdade nesse livro?”.

Mostrar como um princípio bíblico satisfaz uma necessidade gera a fome por mais verdade.

Os títulos que lidam com as reais necessidades e sofrimentos das pessoas podem prender a atenção de uma platéia, dando-nos, assim, a oportunidade de ensinar a verdade.

Séries de sermões intituladas:

  • “Como lidar com os sofrimentos da vida”;
  • “Quando você precisa de um milagre” (sobre os milagres de Jesus);
  • “Aprendendo a ouvir a voz de Deus”;
  • “Perguntas que eu sempre quis fazer pra Deus”;

Sempre atraem os que estão à busca de resposta para sua vida.

O TÍTULO DO SERMÃO ESTÁ CLARO?

Essa é outra pergunta: Esse título vai conseguir se manter sobre as
próprias pernas sem explicações adicionais?

Se eu ouvir esse título numa gravação daqui a cinco anos, vou reconhecer imediatamente do que trata o sermão?”.

Infelizmente, muitas mensagens evangelísticas convincentes ficam embaraçadas por títulos que são confusos, sem cor ou banais.

Aqui estão alguns títulos de sermões de uma edição recente do L. A. Times.

  • “Na estrada de Jerico”;
  • “Já não caminho mais no outro lado da estrada”;
  • “A tempestade em formação”;
  • “Pedro vai pescar”;
  • “O ministério dos potes quebrados”;
  • “Tornando-se um Tito”;
  • “Dê-me ágape” ;
  • “Rio de sangue”.

Você acha que algum desses títulos seria atraente para uma pessoa que não vai à igreja e está folheando o jornal?

Eles transmitem claramente o tópico dos sermões? E mais importante ser claro do que engraçadinho e lindo.

O TÍTULO DO SERMÃO É ATRAENTE?

O título traz uma boa notícia? No seu primeiro sermão, Jesus anunciou o tom da sua pregação: “O Espírito do Senhor […] me ungiu para pregar boas novas” (Lc 4.18).

Mesmo quando tenho notícias difíceis ou doloridas a compartilhar, quero
que o título do meu sermão se concentre nos aspectos da boa notícia do meu tópico.

Por exemplo, há alguns anos um pregador pregou uma mensagem sobre as maneiras em que perdemos as bênçãos de Deus em virtude da nossa pecaminosidade.

Intitulou o sermão assim: “Por que não há avivamento?”.

Mais tarde revisou o título e mudou para: “O que produz o avivamento?”.

Era a mesma mensagem, mas reformulada em termos positivos.

Ele acreditava que Deus abençoou essa segunda mensagem de forma muito mais intensa.

O TÍTULO DO SERMÃO É RELEVANTE?

O título se conecta com a vida diária? Algumas pessoas criticam a pregação de aplicação à vida como rasa, simplista e inferior.

Para elas, a única pregação verdadeira é a pregação didática e doutrinária.

A atitude deles sugere que Paulo foi mais profundo do que Jesus, que Romanos é material mais sólido do que o Sermão do Monte ou as parábolas.

O ensino mais “profundo” é o que faz diferença na vida diária das pessoas.

Como disse certa vez D. L. Moody: “A Bíblia não foi dada para aumentar o nosso conhecimento, mas para transformar a nossa vida”.

Usar títulos de sermões que tocam as necessidades não é ser raso; é ser estratégico.

Em Saddleback, na base dos nossos títulos de sermões do tipo: “Como fazer para…”, está a sólida verdade do evangelho.

Um observador casual não percebe que a série “Respondendo às perguntas difíceis da vida” foi um estudo em Eclesiastes;

“Espantando o estresse” foi uma exposição de Salmos 23;

“Edificando ótimos relacionamentos” foi uma exposição de dez semanas de 1 Corintios 13;

E “A felicidade é uma escolha” foi uma série sobre as bem-aventuranças.

Temos a mensagem mais importante do mundo. Ela transforma vidas.

Mas para que as pessoas se sintam atraídas por ela, os títulos dos nossos sermões precisam prender a sua atenção.

Exemplos de Títulos do Sermão:

Vejamos então alguns exemplos:

  • Os Benefícios da Justificação – Rm 5.1-11
  • O Segredo de uma Vida Cristã Vitoriosa – Rm 5.17

Antes de continuar esse estudo, quero lhe indicar para você que deseja se aprofundar no assunto da pregação, o Curso Pregador de Qualidade.

Conheça clicando aqui abaixo no banner:

melhores textos para se pregar

7 Princípios para a Preparação do Título do Sermão

como encontrar as divisões da pregação no esboço

Escolher um Título para um sermão não é nada fácil porque exige da parte do pregador cuidado, arte e muito esforço.

Vejamos a seguir alguns princípios imotantes para sua preparação:

1. O Título do Sermão deve ser concernente ao texto ou à mensagem

O título deve estar relacionado ao texto ou à mensagem.

Se a mensagem tem como texto base Ef 6.10-18; o título pode ser “A batalha espiritual do crente”, ou “Como o cristão pode vencer a batalha espiritual”.

2. O Título do Sermão deve ser interessante

Como já vimos, o título embeleza o sermão; portanto, ele deve despertar o interesse e a curiosidade dos ouvintes.

Ele deve atrair a atenção do povo.

Mas para ser interessante é necessário que o título esteja relacionado com as situações e necessidades da vida.

Temas como:

  • Dias de provações
  • Triunfando em Dias Maus
  • Como Ter êxito nas lutas da vida
  • Características do Reino de Deus

É fundamental que o Título do Sermão tenha significado especial para as pessoas.

3. O Título do Sermão não pode ser negativo

Ele deve estar de acordo com a dignidade do púlpito.

Ele não pode ser extravagante e sensacional. Certa vez ouvi um sermão que o título era “a fragilidade de Deus”.

Títulos assim são inadequados é até melhor não dar um título para o sermão.

4. O Título do Sermão deve ser breve

O pregador deve se esforçar para elaborar um título adequado para o sermão.

O Título não pode ser muito longo.

Deve ser expresso em poucas palavras, ou uma frase curta.

Um Título muito longo acaba confundindo as pessoas e não desperta o interesse delas.

O Objetivo do tema é chamar a atenção das pessoas.

5. O Título pode vir em forma de afirmação, interrogação ou exclamação

Embora o título deva ser breve, há ocasiões em que é necessário usar uma sentença completa.

Veja os tipos que ele pode ser:

Afirmativos:

  • Deus pode cuidar de seus problemas
  • A salvação pertence a Deus

Às vezes, o título terá muito mais força se colocado em forma de pergunta.

Interrogativos:

  • O que fazer para ter a vida eterna?
  • Por que os crentes sofrem?
  • Qual o significado da fé?
  • Como podemos conhecer melhor a Jesus?

Exclamativos:

Para melhor, Não para pior!

Ganho mediante a perda!

6. O Título pode consistir de uma frase seguida de uma pergunta.

  • Jovens perturbados: Qual é nossa responsabilidade para com eles?
  • As perplexidades da vida: Como encará-las?

7. O Título pode consistir em uma citação breve de um texto bíblico

  • Prepare-se para encontrar com o seu Deus
  • Quem é o meu próximo?
  • Ensina-nos a Orar
  • Seja feita a tua vontade
  • Como são belos os pés dos que anunciam coisas boas
  • Tão Grande Salvação

Colocando um Título no Sermão

COLOQUE UM TÍTULO NO SERMÃO

Como tirar um Título do texto ou do esboço para o Sermão?

No exemplo a seguir temos um Sermão já quase completo, faltando apena o Título.

Para colocar o Título nele, precisamos ver o que mais vai representá-lo.

Mas não podemos esquecer do Tema do Sermão, porque o Título deve representar bem o assunto.

E deve-se ver as divisões desse Sermão sobre o que está sendo falado.

No nosso exemplo abaixo, o Tema fala das visões de Paulo.

E se olharmos para o desenvolvimento do Sermão vamos perceber que as visões que Paulo teve mudaram sua vida.

Portanto, o melhor Título para esse Sermão poderia ser: As Visões que Mudaram a Vida de Paulo.

Veja todo o Sermão a seguir:

TEMA: As Visões de Paulo

Introdução do Sermão:

Todos nós precisamos ter as visões que Paulo teve, vejamos quais são.

I – VISÃO DO CRISTO VIVO

a) Chamou para a salvação: (V 14) “…Porque me persegues, dura coisa é recalcitrares contra os aguilhões…”.

b) Chamou para uma posição: (V 16) “…Agora, levanta-te e põe-te em pé…”.

II – VISÃO DA OBRA MISSIONÁRIA

(At 16.9) “Paulo teve de noite uma visão que se apresentou um homem da Macedônia, que lhe rogava: passa a Macedônia e ajuda-nos…”.

III – VISÃO DA NECESSIDADE DE PREGAR O EVANGELHO

(At 18.9) “Disse o Senhor em visão a Paulo: não temas, mas fala e não te calas”.

(I Co 9.16) “…quando anuncio o evangelho não tenho do que me gloriar, pois me é imposta essa obrigação. Ai de mim, se não anunciar o evangelho”.

IV – VISÃO DO PARAÍSO

(II Co 12.4) “Foi arrebatado ao paraíso…”.

a) Viu a superioridade do céu: (I Co 2.9) “…As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviram, e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam.

b) Viu um consolo para suportar as aflições: (Rm 8.18) “…Tenho por certo que as aflições do tempo presente não são para comparar com a Glória que em nós há de ser revelada “.

A Conclusão do Sermão:

As visões que mudaram a vida de Paulo, certamente mudará a sua.Tenha essa visão agora!

Título do Sermão: As Visões que Mudaram a Vida de Paulo

Percebam que, apesar do Título ser a primeira coisa num esboço de pregação, ele pode ser definido por último.

Porque dessa forma fica mais fácil para definir o nome que melhor define o assunto da pregação.

Portanto, o Título pode ser tirado da ideia central do Sermão.

CONCLUSÃO

Se você chegou até aqui, parabéns! Isso mostra o quanto é dedicado e se esforça em aprender mais.

Por isso, deixei mais três presentes para te ajudar.

Primeiro, o PDF do estudo, segundo um vídeo para complementar seu estudo e nossa indicação que está logo após o vídeo.

BAIXE O ESTUDO EM PDF

Título-do-Sermão.pdf (109 downloads)

ASSISTA O VÍDEO SOBRE O TÍTULO DO SERMÃO

NOSSA INDICAÇÃO PARA VOCÊ SE APROFUNDAR NO ASSUNTO

Acredito que esse estudo tenha te ajudado sobre o Título de um Sermão, mas se você deseja aprender mais sobre Pregação e ir mais afundo no assunto, indicamos o material abaixo.

CLIQUE NO BANNER ABAIXO E CONHEÇA

melhores textos para se pregar
Como agradecer compartilhe

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.