O que significa deleitar-se no Senhor? (Salmo 37:4)

O Salmo 37:4 diz: “Deleita-te também no Senhor, e ele te concederá os desejos do teu coração”. Já que é da natureza humana lutar contra a auto adoração, somos tentados a nos concentrar na segunda metade deste versículo, que parece prometer que Deus nos dará tudo o que nossos pequenos corações desejam. Mas entender o contexto do Salmo 37:4 nos ajudará a compreender melhor o que significa deleitar-se no Senhor.

O verdadeiro deleite nEle nos leva a desviar nossa atenção do que queremos para ansiar pelo que Ele deseja. A ordem para se deleitar em Deus aparece em meio a esta lista que o rei Davi escreveu nos Salmos como o antídoto para seu povo inquieto:

  • Conheça o destino dos malfeitores (Salmo 37:2)
  • Confie no Senhor (37:3)
  • Faça o bem (37:3)
  • Seja amigo da fidelidade (37:3)
  • Deleite-se no Senhor (37:4)
  • Entregue seu caminho a Ele (37:5)
  • Descanse e espere pacientemente pelo Senhor (37:7)

Então, uau. Bem no meio da preocupação com as circunstâncias, Deus quer que apliquemos todos esses princípios e de alguma forma nos deleitemos nEle. Isso soa muito bem, mas como alguém pode ter prazer em Deus quando tudo ao seu redor parece estar dando errado?

A melhor maneira de parar de se preocupar é tirar os olhos das circunstâncias e fixá-los em Cristo, que é a verdadeira fonte do deleite de um crente. 

Há muitas razões para se deleitar no Senhor, mas por enquanto, vamos detalhar apenas cinco maneiras de deleitar a Ele:

1. Deleite-se nas excelências do Senhor nosso Deus

Estamos todos habituados a admirar nossos heróis. Seja um atleta, músico ou artista, gostamos de acompanhar suas realizações. 

Mas Deus nos criou com o desejo de admirar todas Suas maravilhas e excelente grandeza. Esperar que uma pessoa preencha esse desejo dado por Deus nunca trará verdadeiro deleite ou satisfação.

Perceba que “o deus deste mundo cega o entendimento dos incrédulos para impedi-los de ver a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus (2 Coríntios 4:4). 

Assim, seu desejo de adorar sempre se voltará para idolatrar uma pessoa, ou sistema de crença, a menos que o Espírito Santo abra seus olhos para a verdade. 

Pense nisso por um momento. Deleite-se em quão excelente é Deus que abriu seus olhos para que perceba sua necessidade de um Salvador!

Quando você se deleita nas excelências de Deus, você entenderá que tudo sobre Ele é a resposta aos seus anseios. 

Dedique-se a descobrir na Bíblia o que Ele revela sobre Seu caráter e caminhos. E então você se deleitará com Sua excelência.

Se você passar o resto de sua vida aprendendo a grandeza imensurável de Deus, a admiração por Jesus explodirá em seu coração e mente. 

Isso acenderá em você um desejo insaciável de conhecer mais de Suas excelências resultando em deleite ainda maior e verdadeira satisfação nEle. 

E nada, nem mesmo circunstâncias insuportáveis, vão roubar de você esse prazer sobrenatural.

Veja esta citação do sermão do pregador puritano Jonathan Edward, As excelências de Cristo:

“A pessoa de Cristo reúne infinita alteza e infinita compaixão, infinita justiça e infinita graça, infinita glória e mais pura humildade, infinita majestade e transcendente mansidão, mais profunda reverência para com Deus… excelente espírito de obediência com domínio supremo sobre o céu e a terra, soberania absoluta e perfeito equilíbrio, autossuficiência e total confiança em Deus”.

2. Deleite-se na presença do Senhor

A palavra hebraica para deleite (anag) nos ordena a encontrar prazer em Deus. O Senhor quer que inclinemos nossos corações a Ele para nos inclinarmos para Cristo, onde descobriremos uma alegria indescritível. 

Tiago 4:8 promete: “Aproximem-se de Deus e Ele se aproximará de vocês”. 

Quão maravilhoso é isso? O Criador do céu e da terra está mais do que disposto a se aproximar, se você se inclinar para a Sua presença através da oração, meditação nas Escrituras e ouvi-Lo através da Sua Palavra.

Quando viajo para falar em eventos femininos, meu marido sente muita falta de mim. Ele manda mensagens de texto com frequência enquanto estou fora. Você pode imaginar como isso prejudicaria nossa intimidade se eu escolhesse ignorar seus textos até voltar da minha viagem?

Da mesma forma, quando você fica tão ocupado fazendo “coisas para Deus” que ignora as mensagens dEle na Bíblia, você não estará ciente de Sua presença. Dessa forma, fará com que sua comunhão e deleite nEle sejam impedidos. 

Considere a irmã de Marta, Maria, que escolheu a coisa melhor que não será tirada (veja Lucas capítulo 10).

3. Deleite-se na ajuda de Deus

Quando você ouve que Deus ordena que se deleite nEle, você pode ser tentado a pensar, é melhor eu me puxar pelos meus pés religiosos e descobrir como desfrutar de Deus. Mas Deus não quer que você se deleite nEle por dever. Em vez disso, o que Deus ordena que os cristãos façam, Ele sempre fornece não apenas a capacidade, mas também nos dá a unção para fazê-lo.

Seja inspirado por esta promessa encontrada em Filipenses 2:13: “Porque Deus é quem efetua em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade”. E seja encorajado pelas palavras do apóstolo Paulo: “[Estou] certo de que aquele que começou a boa obra em vocês há de completá-la até o dia de Jesus Cristo” (Filipenses 1:6).

Se quiser descobrir como se deleitar em Deus, isso é uma evidência de Sua obra em você. Isso não é excitante? 

E quando Deus lhe dá a vontade, Ele também o capacita a “desenvolver a sua própria salvação com temor e tremor” (Filipenses 2:12).

Quando percebi que não me deleitava em Deus, pedi a Ele que me ajudasse pelo poder de Sua habitação do Espírito Santo. 

E você sabe o que? Deus respondeu a essa oração, e Ele será fiel para responder a sua também. Deus diz: “Você não tem porque não pede”. 

Pergunte e Ele promete responder quando você orar de acordo com a Sua vontade, porque isso traz glória ao Seu Filho (ver Tiago 4:2b e João 14:13-14).

4. Deleite-se com o grande amor de nosso Senhor por você

Jesus me ama isso eu sei… Talvez você tenha ouvido isso a vida toda, então meio que perdeu o significado para você. 

Em mais de 30 anos como esposa de pastor, meu marido e eu descobrimos que algumas das pessoas mais difíceis de alcançar com o Evangelho são aquelas que cresceram na igreja, porque dão como certo o tremendo amor de Deus por elas. De alguma forma eles têm a ideia, Claro que Deus me ama. Tenho o direito de ser amado por Ele porque sou uma pessoa tão boa e tenho ido à igreja toda a minha vida.

Em Efésios 3:18-19, o apóstolo Paulo parecia estar preocupado com a compreensão deles do amor de Deus por eles quando orou para que pudessem “compreender com todos os santos qual é a largura e o comprimento e a profundidade e a altura, para conhecer o amor de Cristo que excede todo o conhecimento; para que sejais cheios da plenitude de Deus”.

Que Deus responda à oração de Paulo na vida dos crentes, para que nossa compreensão de Seu grande amor por nós faça com que nosso deleite nEle seja um farol de esperança para esta geração que precisa desesperadamente de um Salvador. Amém?

5. Deleite-se na misericórdia e compaixão de Deus

A abundante misericórdia de Deus é algo que eu nunca compreenderei completamente. Porque Ele é misericordioso, podemos estar diante Dele mais brancos do que a neve sob o sangue purificador de Cristo. 

Não sei quanto a você, mas sei que não mereço a misericórdia de Deus ou a compaixão de Cristo. “Venham agora e raciocinemos juntos”, diz o Senhor, “Ainda que seus pecados sejam como escarlate, eles se tornarão brancos como a neve…” (Isaías 1:18). Conheço a mulher vergonhosa que teria me tornado sem a misericórdia salvadora de Cristo. E eu admiro que Ele salvaria um pecador como eu. E você?

Juntos vamos orar as palavras de Lamentações 3:22-23. E que isso desperte em nós um deleite genuíno no Senhor: “O amor constante do Senhor nunca cessa; Suas misericórdias nunca chegam ao fim; elas são novas todas as manhãs. Grande é a tua fidelidade.”

AW Tozer disse: “Busquemos a Deus porque, e somente porque, Ele primeiro colocou um impulso dentro de nós que nos estimula a buscar (e) quando o Espírito Santo nos mostra Deus como Ele é, nós O admiramos ao ponto de maravilha e PRAZER.”

Que Seu Espírito levante uma geração que admira tanto a Deus que deleitar-se nEle se torna nosso prazer insaciável que excede em muito tudo o que este mundo tem a oferecer.

Botão Voltar ao topo