5 Verdades sobre a Promessa de Deus a Abraão

Verdades sobre a Promessa de Deus a Abraão

Qual foi a promessa de Deus a Abraão? É no primeiro livro da Bíblia, em Gênesis 12, que encontramos as promessas de Deus a Abraão. 

Em Gênesis 11 somos apresentados à pessoa de Abraão, ele era Abrão na época. 

Durante esta introdução, vemos que ele partiu com seu pai Tera, sua esposa Sarai (que se tornaria Sara) e seu sobrinho Ló. 

Partindo de Ur dos Caldeus, eles partiram para Canaã, mas acabaram se estabelecendo em Harã. É de Harã que Deus falou a Abraão e lhe deu esta instrução e esta promessa. O Senhor disse: 

“Vá da sua terra, do seu povo e da casa de seu pai para a terra que eu lhe mostrarei. Farei de ti uma grande nação e te abençoarei; Engrandecerei seu nome e você será uma bênção. Abençoarei os que te abençoarem, e quem te amaldiçoar, amaldiçoarei; e todos os povos da terra serão abençoados por meio de você”. (Gênesis 12:1-3).

Esta não foi apenas uma promessa incrível, mas foi um pedido incrível porque Abraão tinha 75 anos na época e Deus estava pedindo que ele deixasse tudo o que sabia. 

Abraão ainda nem sabia para onde estava indo, apesar disso, ele obedeceu a Deus e foi assim mesmo. 

Eu vou ser honesto, eu não sei se eu poderia ter feito isso. Imagine Deus pedindo agora para você vender tudo, levar sua família, arrumar o caminhão de mudança, começar a dirigir e eu lhe direi para onde ir.

5 Verdades sobre a promessa de Deus a Abraão:

Como eu disse, foi uma grande pergunta. No entanto, há algumas coisas a saber sobre a promessa de Deus a Abraão que podem ser um encorajamento para você e para mim hoje.

1. A promessa de Deus não fazia sentido com base nas circunstâncias de Abraão.

Depois de pedir-lhe para sair, a primeira coisa que Deus fez foi dizer a Abraão que ele faria dele uma grande nação. 

Isso não fazia sentido, pois Abraão tinha 75 anos e Sara não só tinha passado da idade fértil, ela não podia ter filhos quando estava na idade fértil. 

Esta é uma razão que demonstra quanta  Abraão tinha. Ele obedeceu a Deus e confiou em sua promessa quando não havia como ele decifrar como Deus faria isso acontecer, mas ele obedeceu de qualquer maneira. 

Para você e eu, as promessas de Deus geralmente funcionam da mesma maneira. 

Elas geralmente são feitos quando a situação e as circunstâncias não combinam com o que Deus está lhe dizendo. No entanto, essa é a beleza das promessas de Deus. Deus não é limitado por suas circunstâncias. 

Ele é capaz de se mover e fazer apesar de suas circunstâncias, que é exatamente o que ele fez com Abraão.

2. Abraão foi abençoado para ser uma bênção.

Há uma verdade simples na bênção de Deus sobre a vida de Abraão

Deus o abençoou para que ele pudesse abençoar outros. Esta verdade não é apenas para Abraão, é verdade para você e para mim também. 

Quando Deus abençoa, ele nunca pretende que isso seja guardado somente para você. Isso vai contra o caráter de Deus. 

Deus tira do seu melhor e compartilha com você. Ele espera que você faça o mesmo. 

Tudo o que Deus lhe dá pode ser para seu prazer, mas não é para sua exclusividade. Deus abençoou Abraão para que ele pudesse ser uma bênção. 

Deus te abençoa pelo mesmo motivo. Seja qual for o grau que Deus o abençoou, você deve, por sua vez, abençoar os outros. 

Se Deus lhe deu grande sabedoria e conhecimento, abençoe os outros com isso. Se ele lhe deu habilidade artística e criativa, abençoe os outros com isso. 

E, se ele lhe deu liderança e perspicácia nos negócios, abençoe os outros com isso. 

Quer Deus tenha lhe dado muito ou pouco, você deve abençoar os outros com isso. 

Eu acredito que isso é uma das coisas sobre a promessa de Deus a Abraão que às vezes pode ser esquecida.

3. A promessa de Deus de Gênesis 12:3 tem maior alcance.

No versículo 3, aqui está a promessa de Deus a Abraão: “Abençoarei aqueles que te abençoarem, e quem te amaldiçoar, amaldiçoarei”.

Na maioria das vezes, essa promessa é vista em relação a Israel e com razão. 

Mas eu quero acrescentar outro pensamento a esta promessa porque ela tem um alcance maior do que apenas Israel. 

Eu acho que provavelmente há um ponto de interrogação na sua cabeça agora, então deixe-me explicar. 

Esta promessa não se aplicava apenas a Abraão, mas à semente de Abraão. Por causa disso, há duas partes dessa promessa que são relevantes para nós hoje.

Primeiro

A maior descendência que veio da linhagem de Abraão foi Jesus Cristo. Portanto, essa bênção e maldição não se aplicam apenas à maneira como você trata Israel, mas também à maneira como você trata Jesus. 

Para aqueles que abençoam Jesus, Deus os abençoará. Para aqueles que amaldiçoam a Jesus, Deus os amaldiçoará. 

Em segundo lugar

Porém, esta promessa também se aplica àqueles que estão em Cristo. Considere estas 3 escrituras.

“Lembrem-se de que naquele tempo vocês estavam separados de Cristo, excluídos da cidadania em Israel e estrangeiros às alianças da promessa, sem esperança e sem Deus no mundo.  Mas agora, em Cristo Jesus, vocês que antes estavam longe foram trazidos para perto. pelo sangue de Cristo.” (Efésios 2:12-13).

“Consequentemente, vocês não são mais estrangeiros e estranhos, mas concidadãos do povo de Deus e também membros de sua família.” (Efésios 2:19).

“Este mistério é que, pelo evangelho, os gentios são herdeiros juntamente com Israel, membros de um só corpo e participantes da promessa em Cristo Jesus.” (Efésios 3:6).

A promessa de Deus a Abraão, especialmente a parte em Gênesis 12:3 vai além da nação de Israel. 

Paulo deixa claro aqui que aqueles que são gentios agora foram incluídos nesta cidadania em Israel. 

Portanto, a promessa de Gênesis 12:3, embora ainda relevante para o povo de Israel, também se estende a todos os que são encontrados em Cristo. 

Se você está em Cristo, então esta promessa se aplica. 

Aqueles que te abençoarem Deus abençoará e aqueles que te amaldiçoarão Deus amaldiçoará.

Inscrição biblioteca do pregador-1

4. Todas as nações da terra foram abençoadas.

De todas as coisas a saber sobre a promessa de Deus a Abraão, esta foi provavelmente a mais difícil de executar. 

Como seria possível que todas as nações da terra fossem abençoadas por causa de Abraão? 

Lembre-se que esta é uma promessa eterna porque Deus não colocou uma data de validade nela. 

O cumprimento desta promessa não está no próprio Abraão ou na nação de Israel. O cumprimento desta promessa está em Jesus Cristo. 

Por causa de Jesus e do sacrifício que ele fez, agora é possível que todas as nações da terra sejam abençoadas e Deus possa cumprir esta promessa que fez a Abraão

Quando Deus fez esta promessa a Abraão, creio que Deus estava pensando muito além da nação de Israel. 

Acredito que ele estava pensando em todos aqueles que eventualmente fariam parte de sua família por causa do sacrifício de Jesus, abençoando assim todas as nações do mundo. 

5. A promessa não era sobre Abraão, era sobre Deus.

A última coisa que quero que você saiba sobre a promessa de Deus a Abraão é que dependia de Deus para realizá-la, não de Abraão. Aqui está o que Deus prometeu fazer:

  1. -Eu vou te mostrar para onde ir.
  2. -Eu vou fazer de você uma grande nação.
  3. -Vou te abençoar.
  4. -Eu vou fazer o seu nome grande.
  5. -Farei de você uma bênção para os outros.
  6. -Abençoarei aqueles que te abençoarem.
  7. -Amaldiçoarei aqueles que te amaldiçoarem.
  8. -Abençoarei todas as pessoas da terra através de você. 

Oito vezes Deus disse que sim. Havia apenas um requisito necessário para colocar essas promessas de Deus em movimento. Abraão teve que ir. 

Ele não teve que resolver isso. Ele não tinha que descobrir isso… Não tinha que fazer isso acontecer. Ele não teve que tentar fazê-los passar. Tudo o que ele tinha que fazer era ir. 

Esta mesma verdade se aplica em sua vida com as promessas de Deus. Cabe a Deus fazê-los acontecer. Cabe a você agir com e obediência. 

Não se preocupe com o como, confie no Quem. Se Deus diz pra você que vai fazer o que fez com Abraão, ele cumprirá

Conclusão

A coisa bonita sobre Deus é que ele não mudou. Suas promessas também não mudaram. Ele ainda é o guardião da promessa e, acima de tudo, pode ser confiável. 

Abraão confiou na promessa de Deus e embora não tenha vivido para ver o cumprimento de tudo o que Deus disse, sua fé colocou em movimento o plano de Deus a ser cumprido. 

Eu o encorajo hoje a ser como Abraão e confiar na promessa de Deus. 

Quando e o jeito que ele fará, não sei, mas, você pode ter certeza que Deus fará tudo o que disse.


Por Clarence L. Haynes Jr.

Redação BP

Redação BP

Compartilhe

Compartilhe

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts em seu email

Publicidade

© 2022 Biblioteca do Pregador

Esse site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Leia Mais