Quem foi Atalia: História da rainha ímpia de Judá que usurpou o trono

Atalia foi uma das personagens mais notórias da história do Reino de Judá, pois foi uma rainha que matou os próprios netos para evitar que eles ameacem o seu futuro no trono.

Na verdade, ela se tornou rainha após a morte de seu filho, o rei Acazias, e usurpou o trono, governando de forma tirânica e ímpia por seis anos.

Quem foi Atalia?

Atalia era filha do rei Acabe, rei de Israel e da rainha Jezabel. Ela se casou com o rei Jeorão, rei de Judá e filha de Josafá, tornando-se, assim, rainha consorte. 

Porém, quando seu marido morreu em uma batalha, Jorão foi morto em batalha, seu filho Acazias assumiu o trono. Mas, Acazias reinou por apenas um ano antes que Jeú o matasse, este, portanto, era um dos comandantes militares do Reino de Israel. É neste ponto que a rainha ímpia entra na história.

Conhecer quem foi Atalia nos ajuda a compreender um pouco de quanto se deixar dominar pelo desejo de poder pode prejudicar muitas pessoas. 

Percebemos isso quando Atalia, mãe de Acazias, decidiu tomar o trono para si mesma, para isso, ela assassinou todos os membros da família real que pôde encontrar e se proclamou rainha. 

No entanto, um dos netos de Acazias, Joás, foi salvo por sua tia Jeoseba, esposa do sumo sacerdote Joiada, que escondeu o menino no templo e cuidou dele em segredo. (2 Cr. 22: 10-12)

Durante os seis anos em que a tirana governou, ela introduziu a adoração de Baal em Judá e ordenou a morte de muitos sacerdotes e profetas de Yahweh. Ela também construiu templos para outros deuses pagãos e praticou a magia e a feitiçaria.

Sua tiramina termina quando Joás tinha sete anos, Joiada decidiu revelá-lo ao povo de Judá e proclamá-lo rei. (2 Cr. 23: 11)

Assim, o povo de Judá jurou lealdade a Joás, e Joiada ordenou a morte da rainha má.

Atalia - História da rainha ímpia de Judá que usurpou o trono

Qual era o contexto da história de Judá e Israel quando Atalia usurpou o trono?

O contexto histórico em que ela viveu foi de grande instabilidade política e religiosa em Judá. O Reino de Israel já havia sido conquistado pelos assírios, e Judá era um pequeno reino cercado por nações hostis, como os filisteus e os edomitas. 

Além disso, a religião estava em crise, com a adoração de deuses pagãos se tornando cada vez mais comum.

Como ela era filha de Jezabel, não é difícil entender suas inclinações espirituais. Assim, ela aumentou o seu erro introduzindo templos de adoração a Baal e perseguindo os sacerdotes e profetas de Yahweh. 

Além disso, seu governo foi com uma mão de ferro, praticando a magia e a feitiçaria e sendo vista como uma governante ímpia e cruel.

Atalia morreu nas mãos do exército de Judá, liderado por Joiada. O povo de Judá celebrou a morte da rainha ímpia e Joás se tornou o novo rei. Ele governou por 40 anos e foi um dos poucos reis de Judá que se dedicaram a restaurar a adoração a Deus.

Durante o seu reinado, Joás realizou reformas religiosas significativas, reparou o templo de Yahweh e restaurou o serviço sacerdotal. Ele também reconstruiu as muralhas de Jerusalém e expandiu as fronteiras do reino.

O que essa rainha ímpia pode nos ensinar?

Em primeiro lugar, devemos considerar que tudo isso aconteceu devido à desobediência do povo em guardar os mandamentos de Deus. As guerras internas e externas, certamente, abalaram a fé do povo e seus reis não consultaram ao Senhor, mas faziam alianças com quem não podia salvá-los.

Mesmo assim, essa história nos ensina que Deus deixa sempre um escape para que seu povo sobreviva no meio do caos. Por exemplo, ele permitiu que em meio a tantos netos, ela não conseguiu matar Joás que deveria ter um ano na época.

Em segundo lugar, aprendemos que nosso coração, como ser humano, precisa se manter humilde diante dos propósitos de Deus. Assim, não devemos nos deixar levar pela ambição de coisas altas e sublimes, ou seja, para massagear nosso ego. Pois isso, pode prejudicar a nossa família e toda a igreja de Jesus Cristo.

Em terceiro lugar, a palavra de Deus é fiel e verdadeira, ele prometeu não deixar o inimigo destruir o seu povo.

Gostou? Então veja mais em personagens bíblicos:

Josiane Silva

Olá, eu sou a Josiane Silva, mãe, avó e procuro servir a Deus. Amo estudar a bíblia para compreender o comportamento humano. Afinal podemos aprender muito com as histórias dos outros, não é mesmo? Como gosto muito de ler e de escrever, também trabalho como redatora freelancer.
Botão Voltar ao topo