O que Acontece Após a Morte Segundo a Bíblia

Estamos certos, de que nascemos, vivemos e morreremos. Esta é lei da vida e não há nada mais certo de que passaremos por ela. No entanto, muitos equívocos comuns sobre o que acontece após a morte, são comuns em nosso meio, e até alvo de discussões, sobre o fim. Pois, todos temos essa curiosidade. A seguir, veremos o que Acontece Após a Morte Segundo a Bíblia!

Algumas crenças sobre o que acontece após a morte

1. Após a morte não terá vida

Essa é a visão do humanista, naturalista e secular que diz que Deus não existe. Quando morremos não há nada, acho que tudo fica escuro quando as luzes se apagam. Richard Dawkins defende esta visão.

Ele é um ateu devoto que fez carreira tentando desmascarar o cristianismo e tirar a esperança de todos aqueles que seguem a Cristo. Mas em Hebreus 11:3, o autor diz que Deus fez o universo do nada. Parte meu coração que Dawkins e outros ateus estejam tentando tirar a esperança que está dentro de nós como cristãos. 

2. Sono da alma

“Sono da alma” é a crença de que depois que uma pessoa morre, sua alma “dorme” até a ressurreição e julgamento final. O conceito de “sono da alma” não é bíblico. Paulo rebateu isso, quando ele ensinou para os crentes, assim que morremos, imediatamente estamos na presença de Jesus.

Por isso estamos sempre de bom ânimo, sabendo que, enquanto estamos no corpo, vivemos ausentes do Senhor, Porque andamos por fé, e não por vista. Mas temos confiança e desejamos antes deixar este corpo, para habitar com o Senhor”. (2 Coríntios 5: 6-8).

Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir, e estar com Cristo, porque isto é ainda muito melhor“. (Filipenses 1: 23).

Até a ressurreição final, há um céu temporário chamado “Paraíso”

E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso“. (Lucas 23: 43).

Foi arrebatado ao paraíso; e ouviu palavras inefáveis, que ao homem não é lícito falar”. (2 Coríntios 12: 4).

O inferno temporário é conhecido como “Hades”

“E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno“. (Apocalipse 1: 18)

E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles haviaforam julgados cada um segundo as suas obras. E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte”. (Apocalipse 20: 13-14).

Na história de Jesus do homem rico e Lázaro, o mendigo, contada por Jesus em Lucas 16:19-31, ninguém em Hades está dormindo. 

3. Reencarnação

A reencarnação é o pensamento de que depois que morremos, voltamos várias vezes para várias vidas. A vida é um ciclo de idas e vindas, nascimento e morte. Muitos acreditam que uma vida boa e abençoada é um reflexo de quão bem nos comportamos em vidas anteriores. Quanto melhores estávamos, mais para cima na cadeia alimentar voltamos. 

A Bíblia condena a reencarnação, pois a Palavra de Deus ensina exatamente o contrário. Vejamos à seguir:

E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo“. (Hebreus 9: 27).

A ilusão de reencarnação existe há milênios. Pense nisso, depois do inverno veio a primavera e o plantio das colheitas, as plantas cresciam no verão e eram colhidas no outono. Tudo morria no inverno e depois voltava à vida na primavera. Por isso, é fácil entender, por que os povos antigos, acreditavam na reencarnação, pois eles experimentaram isso nas estações do ano.

4. Purgatório

A ideia por trás do Purgatório é que muitas pessoas não são boas o suficiente para ir direto para o céu. Eles são colocados em um “tanque de retenção” até que pessoas suficientes orem por eles para que possam sair do purgatório e ir para o céu.

O purgatório nunca é mencionado na Bíblia. Ele, foi mencionado em um dos livros apócrifos que foram escritos pelos judeus no primeiro século. Portanto, os judeus não aceitam este livro como divinamente inspirado. Infelizmente, é visto como Escritura pela Igreja Católica Romana, mas não se tornou o Cânon real dos 27 livros do Novo Testamento. 

O conceito do Purgatório vem do livro de Macabeus e por agir honrosamente, Judas Macabeu estava qualificado para fazer expiação por amigos que se envolveram em pecado. Esses homens precisavam de alguém que orasse, para que saíssem do inferno.

6. São Pedro no portão

Parece haver uma ideia comumente aceita por muitas pessoas, de que quando morrerem, encontrarão São Pedro no portão. Com base em seus comportamentos na terra, Pedro determinará se eles podem ir para o céu ou devem ir para o inferno. 

Infelizmente, muitas pessoas acham que a Bíblia ensina que ir para o céu ou para o inferno é baseado em quantos “bens” ou “males” eles fizeram. Contudo, isso nunca foi verdade. Ir para o céu ou para o inferno é baseado em nossa resposta ao evangelho. 

Jesus morreu na cruz para perdoar os pecados do mundo e quem crê nEle pode ter seus pecados perdoados e viver eternamente.

Que nos salvou, e chamou com uma santa vocação; não segundo as nossas obras, mas segundo o seu próprio propósito e graça que nos foi dada em Cristo Jesus antes dos tempos dos séculos“. (2 Timóteo 1. 9)

Portanto, veja a seguir o que acontece após a morte segundo a Bíblia

Jesus prometeu que no momento de nossa morte Ele nos levaria para nosso novo lar no Céu. Este não é um trabalho para anjos, pois Jesus Cristo, mesmo declara que somente por Ele, chegaremos a Glória, junto do Pai Celeste.

NÃO se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho. Disse-lhe Tomé: Senhor, nós não sabemos para onde vais; e como podemos saber o caminho? Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim”. (João 14: 1-6).

A morte não se deve temer; na verdade, nós, cristãos, podemos esperar ansiosamente por isso. 

“Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. Mas, se o viver na carne me der fruto da minha obra, não sei então o que deva escolher. Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir, e estar com Cristo, porque isto é ainda muito melhor“. (Filipenses 1: 21-23).

O que as Principais Religiões do Mundo ensinam sobre a vida após a morte

A maioria das religiões do mundo tem um forte ponto de vista sobre a vida e a morte, quase todas as religiões acreditam na vida após a morte, reencarnação, céu e inferno, ou alma.

A Religião dos muçulmanos acredita que a morte é um movimento de um mundo para outro. Pode ser descrito como uma jornada através de uma dimensão separada da existência. 

Os hindus acreditam no renascimento e reencarnação das almas. De acordo com o hinduísmo, a morte é um processo natural na existência da alma. Quando uma pessoa morre, a alma viaja para outro mundo e finalmente retorna à terra para continuar sua jornada. 

Os budistas veem a morte como uma ruptura com o mundo materialista. Os budistas não veem a morte como uma continuação da alma, mas a consideram como um despertar. Eles acreditam na reencarnação: uma vez que uma pessoa morre, ela renasce para uma nova vida e o status dessa vida depende do trabalho que ela fez antes de sua morte prematura.

Conclusão sobre o que a bíblia diz sobre a vida após a morte

Portanto, não vamos nos deixar enganar. Vamos acreditar apenas nas Escrituras Sagradas, pois somente por Jesus Cristo é que encontraremos a nossa Salvação e para todo o sempre, estaremos com ele, nas Bodas do Cordeiro.

Em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos“. (Atos 4: 12).

Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida“. (João 5: 24).

Botão Voltar ao topo