O que é hissopo na Bíblia e por que “lavamos” nele?

O que é hissopo? Você já ouviu ou leu sobre o uso de hissopo na culinária? Talvez você tenha lido sobre hissopo na Bíblia. Talvez você tenha feito a pergunta “o que é hissopo?” durante um estudo bíblico. Ou você pode ter feito a pergunta “o que é hissopo?” durante o tempo de silêncio. Ao buscar a resposta para “o que é hissopo?” podemos pesquisar no computador ou em livros ou discutir com estudiosos ou clérigos. Há sempre uma oportunidade de aprender algo novo.

O que é hissopo na Bíblia?

Hissopo é uma pequena planta espessa como folhas de hortelã que pode se usar na culinária. A planta também tem sido usada para fins medicinais. Nas Escrituras, o hissopo é um arbusto selvagem usado para purificação.

As escrituras compartilham sobre o uso do hissopo como sinal de limpeza espiritual (Salmo 51:7).

Hissopo desempenhou um papel especial na história. Isso nos mostra que as pessoas não foram as únicas a ter um papel importante. Plantas e animais foram usados ​​para propósitos únicos. Aprendemos no livro de Êxodo que o hissopo era usado para borrifar sangue sobre os batentes das portas em um momento importante. O hissopo em si não estava preso às molduras das portas. A planta foi usada para aplicar o sangue conforme as instruções de Deus.

As Escrituras nos dizem que Faraó estava em conflito com Deus sobre o destino de Israel. Os egípcios daquela época acreditavam que seus filhos primogênitos eram deuses. Deus havia enviado pragas, incluindo coisas como répteis, insetos, granizo e escuridão. Faraó ainda não mudaria sua maneira de pensar. Faraó se recusou a libertar Israel da escravidão. Quando ele recusou, Deus respondeu de maneira significativa.

Uma praga de morte veio e cobriu todos os primogênitos egípcios. Isso inclui crianças e animais egípcios. No entanto, o Faraó ainda se recusa a libertar os israelitas da escravidão.

Deus dá instruções específicas a Moisés para dar ao povo. Cada família deve pegar um cordeiro ou cabra de um ano, sem defeito, e sacrificar esse animal. Se uma família não podia pagar ou não tinha um cordeiro ou cabra, eles eram instruídos a se juntar a outra família.

O povo recebeu detalhes específicos. O animal deveria ser abatido, assado e comido à noite, com pães ázimos e ervas amargas (Êxodo 12:1-14). As pessoas receberam informações sobre o que vestir quando consumissem o animal e como comer a comida. Em seguida, receberão mais instruções. As pessoas foram instruídas a pegar um pouco do sangue em uma bacia e colocá-lo nos batentes das portas e acima da porta da casa. Eles foram instruídos a usar ramos de hissopo para aplicar o sangue nos batentes das portas.

Deus disse que passaria pela terra do Egito naquela noite e mataria todos os primogênitos da terra, tanto humanos quanto animais. O sangue nos batentes das portas seria um sinal. Quando Deus visse o sangue, Ele passaria por aquela casa em particular.

Você pode imaginar as vistas e os sons da época? Os filmes retrataram a cena. Gritos altos das famílias dos primogênitos quando a morte chegou. Escuridão sobre toda a terra. As pessoas que obedeceram estavam com medo ou tinham plena confiança em Deus? Considere os suspiros de alívio quando a morte passou pelas casas com sangue nos batentes das portas.

Como o hissopo era a planta que Deus disse ao povo para usar, o hissopo devia estar prontamente disponível. Onde cresceu? Talvez ao lado da estrada. Talvez ao lado das casas onde as pessoas residiam. Onde quer que o hissopo crescesse, as pessoas conseguiam obter a planta e seguiam as instruções para salvar seus primogênitos.

Essa “passagem” é o feriado religioso chamado Páscoa, que lembra quando Deus usou Moisés para libertar os israelitas.

A Páscoa é celebrada pelos judeus na primavera e dura sete ou oito dias. A primeira noite da Páscoa inclui uma refeição especial chamada seder. As pessoas se lembram da história dos israelitas e da maneira como Deus “passou por cima” das casas com o sangue nos batentes das portas.

O que o hissopo faz pelo corpo?

Hissopo tem se usado de várias maneiras. Hissopo pode se usar para problemas digestivos. Alguns estudos mostram que o hissopo pode se usar para problemas respiratórios. Claro, sempre consulte um médico antes de tentar algo novo para fins medicinais.

Hissopo pode ser usado para limpar a paleta. Anos atrás, meu marido e eu, junto com outros membros da família, jantamos em um restaurante único. Pudemos fazer nossas escolhas alimentares usando o menu especializado para a noite. Havia vários pratos de comida e entre cada porção, nos deram uma pequena quantidade de sorvete com hissopo. Fomos instruídos a provar o sorvete entre cada prato, a fim de limpar completamente nossa paleta e aproveitar a refeição. Seguimos as instruções e a refeição foi verdadeiramente deliciosa e memorável.

Como nos purificamos metaforicamente com hissopo?

Ao dizer que somos lavados pelo “sangue do cordeiro”, estamos nos referindo a ser renovados em Cristo Jesus. Nossos pecados são perdoados. Pela morte de Jesus, somos purificados nele.

Ao limpar com hissopo, estamos nos referindo à limpeza espiritual (Salmo 51:7). Pesquisas mostram que a planta hissopo cresce cerca de um metro de altura. No entanto, não há profundidade ou altura que possa controlar a purificação de nossas almas quando vamos a Deus, nos arrependemos e somos perdoados.

Embora o hissopo possa se usar para fins medicinais para ajudar a limpar o corpo de algumas doenças, o uso de hissopo na Bíblia acontece por várias razões.

Lemos sobre a limpeza que Davi pediu a Deus quando pediu para ser purgado com hissopo e para ser feito mais branco que a neve. A planta real não deixaria David mais branco que a neve. A purificação que Davi queria era o lembrete de que a salvação só pode vir de Deus. Davi sabia que havia pecado. Davi sabia que precisava ser limpo de todos os seus caminhos pecaminosos.

O que isso nos diz sobre Deus?

Toda vez que leio as Escrituras, aprendo algo novo. Mesmo que eu tenha lido uma passagem em particular repetidamente, Deus fornecerá uma nova perspectiva sobre as palavras. Ler sobre hissopo e limpeza me lembra do amor que Deus tem por Suas criações.

Ler sobre hissopo também me lembra que Deus nos faz saber que há consequências para nossas ações. Quando seguimos a Deus e obedecemos às Suas instruções, chegamos a um relacionamento mais próximo com Ele. Deus não promete que a mágoa nunca nos visitará. Ele promete que tudo o que encontrarmos na vida, Ele sempre estará conosco. Podemos ir a Deus a cada momento do dia ou da noite. Davi sabia que havia pecado. Não um pecado, mas muitos pecados. Davi pediu a Deus que o purificasse com hissopo para que ele fosse renovado.

Deus providenciou uma maneira para as pessoas escaparem da morte de seus primogênitos. Ele deu instruções a Moisés e essas instruções foram compartilhadas com o povo.

Deus nunca desiste de Seus filhos. Ele proverá um meio de cura espiritual. Ele proverá um caminho para a cura física, seja nesta terra ou no céu.

Ao ler e pesquisar sobre hissopo, lembro-me da forte devoção que Deus tem por Seus filhos amados.

Podemos sempre buscar a Deus e pedir perdão. Podemos sempre buscá-Lo e dar louvor e ação de graças por tudo o que Ele fez e fará.

Você já aprendeu sobre hissopo e como se usa hoje? O que você pode compartilhar sobre hissopo?

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.
Botão Voltar ao topo