Quem escreveu Gênesis?

Quem escreveu o livro de Gênesis? Será que foi mesmo Moisés como aponta a tradição?

Veremos então, quem foi o autor do primeiro livro da Bíblia.

SIGNIFICADO DE GÊNESIS

O termo Gênesis vem da Septuaginta, que é a tradução grega do Antigo
Testamento
, e significa “origem” ou “começo”.

O livro justifica o título de três maneiras.

1. Como história

Conta o desenrolar da criação, dos primórdios da civilização, do dilúvio e das origens do povo escolhido de Deus.

2. Como revelação

Ensina as verdades básicas sobre Deus e o ser humano:

  • Com respeito à salvação, fala primeiro sobre a entrada do pecado no mundo por intermédio da queda;
  • Depois, da impossibilidade total da humanidade de se salvar, culminando com o dilúvio;
  • Finalmente, da escolha que Deus fez de uma família por meio da qual abençoaria todas as famílias do mundo.

O propósito redentor de Deus, prenunciado no jardim do Éden (Gn 3:15), destaca-se aqui e ali com nitidez cada vez mais intensa à medida que o livro prossegue.

Gênesis é o relato da necessidade de salvação do ser humano.

E, das primeiras etapas do maravilhoso plano de Deus para a redenção da humanidade.

3. Como ensino prático

Apresenta-nos personalidades de grande importância religiosa e universal, tais como Abel e Caim, Noé, Abraão, Jacó e Esaú e José.

Com suas histórias inesquecíveis, o livro nos ensina lições de valores eternos, mostrando o agir de Deus na vida do ser humano.

QUEM ESCREVEU GÊNESIS

A autoria do Pentateuco, ou Cinco Livros, dos quais Gênesis é o primeiro,
foi atribuída a Moisés pela tradição universal dos judeus.

Foi prontamente aceita pelo Senhor Jesus, que a endossou com sua própria autoridade (Marcos 12.26; João 5.46,47).

Não discutiremos aqui as perguntas levantadas pela crítica, mas podemos fazer as seguintes considerações:

A) Datar a composição do Pentateuco para séculos depois de Moisés significa muito mais que julgar sua autoria.

É desconsiderar o Pentateuco como história verídica e questionar a veracidade de grande parte da história bíblica.

B) Existe uma comprovação externa importante que sustenta o Pentateuco
como relato histórico, a saber, o retrato que ele fez dos costumes do Antigo Oriente.

A Arqueologia comprova que estes costumes eram exatamente como apresentados em Gênesis no período relatado, mas que, em vários aspectos, sofreram grandes transformações bem antes do exílio.

CONCLUSÃO

Apesar da tradição dar a autoria a Moisés, o próprio Jesus reconhecia essa autoria. E, também há comprovações arqueológicas da data.

Portanto, não há dúvidas que quem escreveu Gênesis foi Moisés.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.