Qual é o significado das árvores na Bíblia? Por que Jesus morreu em uma árvore?

As árvores estão mencionadas na Bíblia mais do que qualquer outro ser vivo, exceto Deus e as pessoas. E todo personagem principal tem uma árvore associada a ele. Jesus morreu em uma cruz feita de árvore porque foi profetizado no Antigo Testamento. As árvores, como Jesus, dão em vez de receber.

Os romanos tinham muitas maneiras de matar pessoas. Esfaquear, apedrejar, queimar, afogar, dilacerado por leões no Coliseu, por esporte. Porém, todos esses eram meios de execução, aceitos.

Mas Jesus foi morto na Cruz, uma árvore despojada de raízes e galhos. Como cristão, acredito que nada do que acontece na Bíblia é por acaso. Então, por que Deus escolheu que Jesus fosse executado em uma árvore? 

Abaixo estão quatro maneiras pelas quais as árvores são centrais para nossa compreensão das Escrituras e da Semana Santa.

1. As árvores aparecem na Bíblia mais do que qualquer outro ser vivo, exceto Deus e as pessoas.

Há uma árvore na primeira página do Gênesis, no primeiro Salmo, na primeira página do Novo Testamento e na última página do Apocalipse. Seja a queda, o dilúvio ou a derrubada do Faraó, todo grande evento na Bíblia tem uma árvore marcando o local.

  • Jesus disse que ele é a videira verdadeira e que seu Pai é o agricultor do jardim (João 15:1).
  • A Bíblia refere-se a si mesma como uma Árvore da Vida (Provérbios 3:18).
  • Aprendemos a ser como árvores plantadas junto a correntes de água que dão seus frutos na estação (Salmos 1:3).

As árvores são os seres vivos mais antigos da Terra. Existem árvores vivas hoje que já eram antigas no tempo de Cristo. Na verdade, Deus dá às árvores um anel para marcar cada aniversário!

Deus está sempre tentando ensinar os humanos a pensar a longo prazo. As árvores podem viver até 10.000 anos. Vivendo apenas três vintenas e dez anos, ficamos cegos pelo ganho de curto prazo e perdemos de vista a eternidade. Deus quer que vejamos a floresta e as árvores.

2. Cada personagem principal tem uma árvore associada a ele.

Além disso, todos os personagens principais da Bíblia aparecem em conjunto com uma árvore.

  • Noé recebeu o ramo de oliveira (ver Gênesis 8:11 ).
  • Abraão sentou-se sob os carvalhos de Manre ( Gênesis 18:1 ).
  • Moisés ficou descalço diante da sarça ardente ( Êxodo 3: 2-5).
  • À primeira vista, José pode parecer uma exceção, mas a Bíblia nos diz que José é simplesmente uma árvore (Gênesis 49:22).

O mesmo padrão é verdadeiro no Novo Testamento.

  • Zaqueu subiu na figueira sicômora (Lucas 19:1-4).
  • O cego via as pessoas como se fossem árvores andando (Marcos 8:24).
  • Os discípulos se reuniram no Monte das Oliveiras (Lucas 22:39).
  • O apóstolo Paulo afirmou que, se formos passear na floresta, não temos desculpa para conhecer a Deus (Romanos 1:20). Paulo também escreveu que os cristãos são como galhos enxertados no tronco da árvore de Israel, com raízes que nos ajudam a permanecer firmes e firmes, não importa quais problemas surjam em nosso caminho (Romanos 11:17-18).

3. Jesus morreu em uma árvore porque foi profetizado no Antigo Testamento.

Mas e Jesus? A única descrição física de Cristo diz que ele se parece com uma pequena planta ou árvore (Isaías 53:2). Ele cresceu na casa de um carpinteiro. Falou sobre sementes de fé e disse que o reino dos céus era como uma árvore. Ele chamou discípulos de debaixo das árvores e pecadores de seus galhos. Seu lugar favorito para orar era um olival. A única coisa que ele prejudicou foi uma árvore, e a única coisa que poderia prejudicá-lo era uma árvore.

Desde o momento em que Cristo nasceu, as pessoas tentaram matá-lo. Eles tentaram esfaqueá-lo, apedrejá-lo e jogá-lo de um penhasco. Mas não funcionou. Ele poderia passar quarenta dias sem comer, subir no ringue com o adversário mais difícil do planeta e ir embora após três rodadas.

Não adiantava tentar afogá-lo, ele simplesmente iria embora. Não, a única coisa que poderia matar Jesus era uma árvore. Por quê? Porque aquele que morre em uma árvore (cruz) é amaldiçoado, não aquele que foi esfaqueado, apedrejado ou faminto (Deuteronômio 21:23).

Em suma, Jesus morreu em uma árvore para que nós não precisássemos (Gálatas 3:13).

4. As árvores, como Jesus, dão em vez de receber.

Jesus na cruz não é uma visão bonita. Então, por que Deus usou uma árvore? Acho que uma das razões é que Jesus nunca recebia; ele só dava. Ele nunca teve uma casa e o único animal que montou estava emprestado. Ele poderia ter se vestido como o rei Salomão, mas está registrado que ele possuía apenas um casaco.

De muitas maneiras, as árvores são como Jesus. Elas dão e continuam dando. Dão vida e beleza. Dão sombra e descanso. Elas limpam o ar, retêm a erosão, oferecem abrigo, comida e proteção.

A pior coisa possível para usar uma árvore é matar alguém. Um crucifixo é uma imagem de quão baixo a humanidade pode afundar e quão longe Deus irá para nos resgatar.

Simbolismo da Árvore

Três dias depois que Jesus foi crucificado e sepultado, Maria Madalena foi ao túmulo para prestar suas homenagens. O túmulo estava vazio. Com os olhos ardendo de tanto chorar por dias, Maria virou-se e viu Jesus. Mas ela não o reconheceu como Jesus. Ela pensou que ele era o jardineiro (João 20:14–16).

Contudo, isso não foi um erro. Jesus é o Jardineiro. Ele é o novo Adão (Romanos 5:12–18), veio para cuidar e regar do jardim, não para destruir e saqueá-lo. Adão arrancou as folhas da figueira. Jesus não esmagaria nem mesmo uma cana (Isaías 42:3).

O símbolo de Jesus sendo levantado em uma árvore é o único que a Bíblia oferece como uma porta para o eterno. Como Jesus disse:

“E eu, quando for levantado da terra, todos atrairei a mim”. (João 12:32)

Através da morte do Messias, nos é oferecida a vida. Através de seu sacrifício, nosso pecado é perdoado. Nada disso funciona sem uma árvore.

Versículos bíblicos sobre árvores

“Eu [Jesus] sou a videira verdadeira, e meu Pai é o agricultor” (João 15:1)

“Ela [a sabedoria] é árvore de vida para os que dela se apoderam; os que a retiverem serão abençoados” (Provérbios 3:18).

“Essa pessoa é como uma árvore plantada junto a correntes de água, que dá o seu fruto na estação e cujas folhas não murcham; tudo o que ela faz prospera” (Salmos 1:3).

“Ele cresceu diante dele como um rebento tenro e como uma raiz de uma terra seca. Ele não tinha beleza ou majestade para nos atrair a ele, nada em sua aparência para que o desejássemos” (Isaías 53:2).

“Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós, porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro” (Gálatas 3:13).

Leia também: Ilustração: Ilustração: As três árvores.

Equipe Redação BP

Nossa equipe editorial especializada da Biblioteca do Pregador é formada por pessoas apaixonadas pela Bíblia. São profissionais capacitados, envolvidos, dedicados a entregar conteúdo de qualidade, relevante e significativo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você precisa desativar o Adblock para continuar navegando em nosso site!